O maior Portal de Franquias do Brasil!
Home » Todos Conteúdos » Franchising » Segmento: Serviços automotivos » Como criar uma franquia virtual de forma segura e descomplicada

Como criar uma franquia virtual de forma segura e descomplicada

Sumário

Pensando em abrir uma franquia virtual? Pois essa é uma alternativa de negócio bem atrativa em tempos de isolamento social. No decorrer deste texto, vamos mostrar como criar uma franquia virtual de forma segura para quem deseja se tornar dono do próprio negócio.

Antes de mais nada, vale destacar que o setor de franquias faturou R$ 211 bilhões só em 2022, com um aumento de 14% em relação ao ano anterior. Além disso, os segmentos que adotam esse formato de negócio são variados: alimentação, moda, comunicação, informática, automotivos, etc.

No setor de franquia virtual é muito comum encontrarmos modelos em formato home office. Nelas, o empreendedor trabalha de casa e administra a unidade por meio de um software próprio da rede.

Conhecidas por serem opções de baixo investimento, as franquias virtuais também favorecem o investimento de empreendedores que contam com capital limitado. Por isso, vamos mostrar como é fácil se tornar dono de uma franquia virtual.

O que é uma franquia virtual?

O próprio nome já diz: franquia virtual é um negócio com atuação, primordialmente, pela internet. Assim, independente de onde o franqueado estiver, é possível trabalhar.

Os instrumentos de trabalho necessário são apenas um computador e um bom plano de dados. Assim, o dia a dia de trabalho é facilitado. Basta investir tempo e dedicação no seu negócio para alcançar os ganhos.

Além disso, é essencial seguir as padronizações e os treinamentos repassados pela franqueadora, o que potencializa as chances de resultados positivos.

É possível ter resultados muito bons com uma franquia virtual, mas é preciso ter um perfil organizado e focado em resultados. Afinal, trabalhando de casa e organizando o próprio horário, será fundamental ter disciplina.

Mas ao mesmo tempo, esse formato de franquia proporciona maiores chances de desempenhar suas atividades com tranquilidade, e até apostar nesse negócio como forma de complementar a renda familiar.

O modelo já vem pronto e oferece suporte em todas as etapas. O gerenciamento e a operação da unidade são feitos por softwares de gestão que facilitam o seu trabalho, além das parcerias com empresas do ramo. E isso torna o seu negócio mais competitivo.

Dicas de como criar uma franquia virtual segura e descomplicada

Se o objetivo é ter um negócio virtual, seguro e de fácil gestão, vamos ao que interessa. De imediato, apresentamos algumas dicas para descomplicar o processo de escolha desse formato de franquia. Acompanhe!

Conheça o tipo de negócio

O primeiro passo é, sem dúvida, a escolha pelo modelo de negócio. É preciso que essa ideia esteja muito clara na hora de optar por uma franquia virtual que vai direcionar o rumo das tratativas.

Esse é, inclusive, um dos pontos abordados no curso Guia Para Iniciantes. São aulas que você pode acessar clicando aqui, assistir online e entender em detalhes como investir em uma franquia. Sem prejuízo e sem o risco de escolher uma marca ruim.

Sendo assim, o tempo e a dedicação necessários para esse investimento, valores e informações sobre as características da franquia são algumas das questões que você deve levar em consideração.

Busque por uma referência

Uma referência, nesse caso, seria uma espécie de mentor, alguém que fale sobre empreendedorismo de franquias e que possa ser um ponto de apoio para você se informar. Assim, é possível tirar todas as dúvidas sobre como criar uma franquia virtual.

Da mesma forma, essa referência será importante para guiá-lo no processo de empreendedorismo. Podem ser especialistas que oferecem dicas por meio de vídeos, blogs e outros conteúdos em mídias sociais.

Logo, escolha um e acompanhe. Isso será muito útil para a sua compreensão sobre franquias e negócios.

Converse com outros franqueados

Outra referência é um empreendedor que já atua com franquia virtual. Conversar com outros franqueados é essencial para entender sobre o dia a dia de negócio, treinamentos e suportes oferecidos pela franqueadora.

Nesse sentido, caso você não conheça alguém que já esteja atuando com esse formato de negócio, a Circular de Oferta de franquia (COF) tem uma lista com os empreendedores que fizeram parte da franquia nos últimos 12 meses.

Esse documento traz não só o nome de outros franqueados, mas todas as informações que você precisa saber sobre o negócio: valores de investimento, taxas, prazo de retorno, obrigações, deveres e direitos do franqueado.

Além disso, a COF é enviada aos candidatos a franqueados que têm 10 dias para estudar o documento e, só depois, se estiverem de acordo, assinar o contrato de franquia.

Esteja atento aos números

Embora o modelo de franquias virtuais seja bem mais acessível, existem alguns custos mensais relativos à transferência de know-how aos franqueados. Eles fazem parte do processo para quem busca entender como criar uma franquia virtual.

Pois os custos envolvidos na franquia vão além da compra da unidade. A taxa de franquia, por exemplo, garante o direito de uso da marca pelos empreendedores. Além disso, existem outras taxas, como a de propaganda e royalties.

Sendo assim, é bom estar ciente de que esses custos farão parte do seu negócio, mesmo sendo ele uma franquia virtual.

Por fim, estude os valores e entenda a quê cada taxa se refere. Assim, é possível planejar os investimentos e as perspectivas de ganhos, evitando sustos ao longo do caminho.

Tenha uma estrutura adequada para o trabalho virtual

Trabalhar em casa não é sinônimo de uma rotina desleixada, em que você vai estar de pijama no sofá. Compreenda que por mais que pareça bobo esse exemplo, a sua postura frente ao trabalho reflete muito no desempenho da franquia.

Ficar mais à vontade em casa é bem comum, mas esse comportamento pode influenciar no compromisso e foco em relação à gestão da unidade. Por isso, esteja vestido como se você fosse sair de casa para trabalhar.

Dessa forma, você vai se sentir mais preparado para desempenhar os compromissos. Ao mesmo tempo, organize um espaço para o home office. Ou seja, separe um cantinho com uma mesa e uma cadeira confortável. Assim, é possível ter mais disciplina.

Esses preparos são essenciais para estruturar o espaço em uma espécie de ambiente de trabalho externo. Isso fará toda a diferença!

Escolha a melhor opção

Depois de estudar os segmentos do franchising e escolher a franquia que mais o agrada, é hora de entrar em contato com a franqueadora e realizar o passo a passo de como criar uma franquia virtual.

Antes mesmo de começar, é preciso dar entrada nos trâmites burocráticos iniciais de uma empresa. Portanto, abra o seu CNPJ e escolha o nome fantasia. Ainda que você represente uma marca, a gestão é de responsabilidade do franqueado.

Dessa forma, é necessário ter um registro próprio e independente para gerir a franquia. Faça esse processo logo que finalizar a compra da unidade para começar a atuar o quanto antes.

Agora, veja algumas opções de franquias virtuais para quem deseja começar nesse ramo.

Oportunidades de franquias virtuais para começar no franchising

Seguindo as dicas que mostramos acima, será mais fácil escolher pela franquia virtual mais adequada ao seu objetivo. De toda forma, reunimos algumas opções para ajudar você a saber como criar uma franquia virtual.

São formatos de franquia inseridas em diferentes segmentos, com valores de investimento distintos, bem como variadas formas de atuação no mercado. Confira!

[raio_x_esf]

Vantagens e desvantagens de abrir uma franquia na internet

Se você está pensando em abrir uma franquia na internet, é importante conhecer as vantagens e desvantagens desse modelo de negócio.

Uma das principais vantagens é a possibilidade de alcançar um público muito maior, já que a internet faz com que a sua empresa seja vista em todo o mundo. Além disso, a franquia já possui um modelo de negócio testado e aprovado, o que reduz o risco de investimento.

Por outro lado, abrir uma franquia na internet também pode ter algumas desvantagens. Uma delas é a concorrência, já que existem muitas empresas online disputando espaço no mercado.

Além disso, é preciso investir em tecnologia e marketing digital para se destacar na internet, o que pode aumentar os custos iniciais.

Outra vantagem de abrir uma franquia na internet é a flexibilidade de horários. Como não há um horário de funcionamento fixo, é possível atender os clientes em qualquer momento do dia ou da noite. Além disso, é possível trabalhar de qualquer lugar do mundo, o que aumenta a liberdade e flexibilidade.

No entanto, é importante lembrar que a franquia na internet exige um forte comprometimento e dedicação. É necessário acompanhar constantemente as tendências do mercado e as mudanças no comportamento dos consumidores, para manter a sua empresa relevante e competitiva.

Em resumo, abrir uma franquia na internet pode ser uma excelente opção para quem deseja empreender no mundo digital. No entanto, é importante avaliar as vantagens e desvantagens desse modelo de negócio e se preparar para enfrentar os desafios que virão pela frente.

Com dedicação e planejamento, é possível obter sucesso e alcançar os seus objetivos empresariais.

Para quem uma franquia digital é indicada?

Uma franquia digital é uma excelente opção para quem busca empreender no mundo digital. Essa modalidade de negócio é ideal para pessoas que desejam trabalhar com liberdade de horários, flexibilidade e autonomia.

Os empreendedores que optam por uma franquia digital podem contar com a vantagem de trabalhar em um negócio já estabelecido e consolidado no mercado, o que reduz os riscos e aumenta as chances de sucesso. Além disso, as franquias digitais costumam ter custos iniciais mais baixos do que as tradicionais.

Outra vantagem é que as franquias digitais permitem que o empreendedor trabalhe em casa, o que elimina a necessidade de aluguel de um espaço físico e reduz os custos com deslocamento.

Isso permite que o empreendedor tenha mais flexibilidade para gerenciar o seu tempo, o que é ideal para quem deseja conciliar a vida profissional e pessoal.

No entanto, é importante ressaltar que para ter sucesso em uma franquia digital é preciso ter conhecimentos básicos de tecnologia e estar disposto a investir em treinamentos e capacitações oferecidos pela franqueadora.

Em resumo, uma franquia digital é ideal para empreendedores que buscam uma opção de negócio mais flexível, com menor custo inicial e que possa ser gerenciada de casa.

É uma excelente alternativa para quem deseja trabalhar no mundo digital e em um negócio já estabelecido no mercado. Se é o seu caso, então a hora de investir é agora. Boa sorte!

Acompanhe o mercado
A mais lidas hoje