O maior Portal de Franquias do Brasil!
Home » Todos Conteúdos » Destaques ★ » Como escolher franquia? Passos para seguir e fazer sem erro

Como escolher franquia? Passos para seguir e fazer sem erro

Sumário

Antes de investir em um negócio no mercado de franchising é importante entender como escolher uma franquia. Com alguns detalhes você consegue selecionar a melhor opção, como mostraremos.

Esse mercado é bastante amplo, e o empreendedor pode até se sentir perdido na hora desta escolha. Afinal, segundo a ABF, são mais de 2.800 marcas de franquias atuando no Brasil.

Dessa forma, o empreendedor encontra opções mais modestas e enxutas. Bem como marcas que estão começando, franquias já famosas e empreendimentos caros.

Contudo, para escolher uma franquia, é importante analisar diversos aspectos do negócio e do seu próprio perfil. Vem com a gente e fique atento às nossas dicas.

Passo a passo de como escolher uma franquia

O passo a passo de como escolher uma franquia envolve conhecer seu perfil empreendedor e capacidade financeira. Em seguida, é necessário analisar o mercado local, como veremos a seguir.

Atualmente, você encontra diversas opções de franquia. Como, por exemplo, para trabalhar em casa, em lojas de rua, shopping etc.

Ou seja, existem franquias com investimentos variados e para atuar em nichos de mercado dos mais diferentes.

Porém, para entender como escolher franquia, você deve se atentar a detalhes que muitas vezes passam despercebidos. Veja o passo a passo que separamos para ajudar você nessa jornada.

Conheça seu perfil empreendedor

Quem nunca pensou em ter seu próprio negócio, não é mesmo? Mas um questionamento que sempre surge é: será que possuo perfil empreendedor?

Com o avanço do empreendedorismo no Brasil, se torna cada vez mais comum pensar em desbravar um caminho de autonomia.

Ainda que não exista um perfil único de empreendedor, é importante salientar algumas qualidades fundamentais.

Muitos já nascem com uma evidente veia empreendedora e os atributos necessários, como a proatividade, criatividade e resiliência. Porém, se não é o seu caso, não se preocupe, você pode desenvolver tais qualidades.

Além disso, entenda melhor como as suas características podem ser aproveitadas em um tipo de negócio. Se é mais comunicativo ou tímido, se tem mais facilidade para lidar com computadores ou comida.

Do mesmo modo, pode ser que tenha como objetivo um negócio para renda extra. Isso influencia na escolha do modelo de empresa e área de atuação.

Enfim, é fundamental se conhecer, observar quais qualidades podem direcionar na hora de escolher uma franquia.

Analise sua capacidade financeira

Muita gente já sabe, mas não custa relembrar o quanto a organização financeira é essencial para que um empreendedor.

É necessário que o você analise sua capacidade financeira ao selecionar uma franquia.

Nesse sentido, observe quanto tem para investir, se é a sua reserva de emergência ou uma rescisão de trabalho. Esse valor será a sua base para investir em uma franquia.

Por exemplo, se tem por volta de R$ 10 mil, sua franquia deve ter um investimento inicial perto disso. Evite começar um negócio sem saber se terá capital para finalizar todo o processo de implantação.

Do mesmo modo, deve ter também uma vida financeira mais organizada, pois a franquia pode demorar para lucrar. Isso faz parte do processo e você precisa se preparar para isso.

Assim, tenha uma pequena reserva para momentos de oscilação, tenha um capital de giro, diminua seus custos de vida.

O modelo de negócio de franquia tem uma vantagem de ter uma previsibilidade de investimento e de retorno.

Isso permite que o empreendedor possa escolher uma franquia adequada à sua capacidade e objetivo de ganhos.

Estude seu mercado local

Para o processo de como escolher franquia você deve estudar bem o seu mercado local. Identifique as necessidades dos consumidores da região bem como as lacunas deixadas pelos concorrentes.

Por exemplo, se falta na região um lava-jato de qualidade, ou um restaurante de comida chinesa.

Tudo pode se tornar uma oportunidade para que você possa escolher uma franquia que vá oferecer algo novo.

Do mesmo modo, é uma boa hora de conhecer o perfil dos consumidores do local, bem com os seus hábitos.

Com a pesquisa, você poderá ter maior conhecimento sobre o seu nicho e público-alvo. Com isso, poderá tomar decisões de negócio mais assertivas.

A sua escolha da rede de franquias deve levar em consideração não apenas o seu próprio perfil e capacidade de investimento.

O mercado local também direciona a sua seleção e, por isso, é essencial um estudo e observação detalhados.

Entenda os modelos de negócio

O mercado de franquias oferece diversas opções de negócio, com modos de atuação variados. No processo de escolha de uma rede, o empreendedor deve avaliar se pretende ter uma franquia em home office ou em loja física.

É importante conhecer esses dois formatos, já que possuem características e necessidades diferentes.

As franquias home office têm como principal vantagem poder realizar todos os processos sem um escritório formal.

Nesse sentido, em sua maioria, as franquias home office requerem um investimento inicial mais baixo.

Afinal, não exigem toda uma estrutura, pois os equipamentos de um escritório em casa já podem ser o suficiente.

Esse formato pode dar uma flexibilidade de horário de trabalho, já que o franqueado poderá trabalhar nas horas que achar melhor.

Por outro lado, o modelo de loja física exige um investimento maior, tem custos de reformas, aluguel, água, luz etc.

O empreendedor deve avaliar qual desses formatos atende melhor a seus interesses e necessidade.

Assim, vendo as vantagens de cada um deles, pode escolher uma franquia de forma mais segura.

Defina metas para o negócio

No empreendedorismo é importante ter metas durante o processo de escolha do negócio e do trabalho no dia a dia.

Não saber o caminho que você deseja percorrer pode dar a sensação de que você não está perdido.

Acontece que, paralelamente, você nunca terá um destino a alcançar. Para muitos, isso pode ser um grande sinônimo de estar perdido.

A importância disso é evidente: quanto mais as suas metas estiverem alinhadas, mais motivação terá para conquistá-la.

Do contrário, sem muito propósito ou missão de vida, você perde a concentração e o foco na sua conquista.

Assim, no processo de como escolher franquia você deve ter metas em relação a qual faturamento busca.

Nesse sentido, se a sua meta é ter uma renda extra, opte por um tipo de franquia mais enxuta e com flexibilidade de horário.

Se empreender é a sua busca por independência financeira, escolha franquias de maior faturamento.

Enfim, tendo em vista suas metas, escolha a franquia ideal e direcione o seu trabalho rumo a esses objetivos.

Qual o faturamento ideal para manter as contas em dia e uma vida confortável? Saber disso vai ajudar a escolher uma franquia com faturamento ideal.

Pesquise por opções de franquias

Uma etapa importante de como escolher uma franquia para investir é pesquisar as opções que existem no mercado.

Avalie diferentes marcas e formatos, tanto para conhecer um pouco mais sobre o mercado como também sobre os negócios.

Avalie a Circular de Oferta de Franquia (COF) de algumas marcas que mais chamaram sua atenção. Esse documento é importante no processo de escolha de um negócio, pois tem diversos detalhes sobre a franquia.

Depois de optar por um segmento e franqueadora, não deixe de pesquisar sobre ambos. Por exemplo, quando foi criada, quantas unidades possui, quando entrou para a franchising.

Compare marcas de franquia

Depois de ter pesquisado bastante e conhecido algumas marcas mais detalhadamente, faça uma comparação entre elas.

Veja qual franquia melhor se encaixa no seu mercado local, na sua capacidade de investimento e objetivos.

Com a COF de algumas franquias fica mais fácil comparar as marcas, entender as vantagens e pontos fracos delas. Pode ser que uma tenha um prazo de retorno menor ou ofereça mais suportes ao franqueado.

Do mesmo modo, esse processo de escolha deve ser feito sem pressa, analisando as opções e o que oferecem.

Além disso, procure conhecer a fundo os produtos que cada franquia oferece aos franqueados e ao cliente final. Na posição de consumidor, você ficaria satisfeito.

Assim, diante de tantas possibilidades que o mercado de franquias oferece, escolha de acordo com a sua realidade.

Converse com franqueados e ex-franqueados

Um ponto que pode ajudar nesse processo de escolha de uma franquia é conversar com os franqueados e ex-franqueados. Essas pessoas podem passar informações sobre o negócio, sem rodeios.

Nesse sentido, veja com eles se a franquia é uma boa oportunidade, se estão satisfeitos, entre outras questões.

Além disso, é importante tirar dúvidas sobre o suporte prometido pela franqueadora.

Visite algumas lojas e converse com outros empreendedores da rede. Sobre os ex-franqueados, saiba deles se o motivo da saída foi problemas com a franqueadora para que você possa se precaver.

Muitas franqueadoras estão em busca de novos franqueados e apresentam o negócio de uma forma apenas positiva. Os franqueados que atuam na rede podem mostrar algo a mais que muitas vezes só aparece no dia a dia.

Dessa forma, saiba deles se os clientes ficam satisfeitos, se retornam para comprar mais etc.

São muitas informações que o empreendedor deve buscar durante o processo de como escolher uma franquia. Por isso, é importante ter um cuidado para que possa selecionar a melhor opção para o que você busca.

Enfim, é uma escolha importante que pode mudar a sua vida para sempre. Então, tenha atenção aos detalhes para investir de forma segura.

Acompanhe o mercado
A mais lidas hoje