O que é empreendedorismo sustentável? Entenda importância e como investir

Por
em
Imagem de uma mão segurando uma planta em crescimento, Imagem ilustrativa texto empreendedorismo sustentável.
Advertisement

Um dos termos que está em evidência no mercado é o empreendedorismo sustentável. Este tipo de negócio é o resultado das mudanças apresentas na sociedade, como a preocupação com o meio ambiente.

Este mercado é amplo, com possibilidades de negócios que pensam a sustentabilidade, aliando qualidade de vida e proteção da natureza.

Quer conhecer um pouco mais sobre este tipo de empreendedorismo? Fique com a gente neste conteúdo.

Empreendedorismo sustentável está em alta!

De forma geral, o empreendedorismo ambiental está associado à oportunidades de novos negócios criados pelas inovações ecológicas.

Da mesma forma, são empresas que iniciam e implementam inovações sustentáveis com objetivos sociais ou ecológicos, além de buscar o sucesso financeiro.

Nesse sentido, seu principal objetivo seria produzir bens e serviços que atuem nas soluções dos problemas da sociedade.

Assim, o potencial de uma empresa para gerar valor econômico, social ou ambiental está relacionado à sua capacidade de expandir as fronteiras de produção.

Em outras palavras, o quanto ela possibilita introduzir de novos bens e serviços que maximizem, de forma integrada, a solução dos problemas sociais, ambientais e econômicos da sociedade.

Como falamos, este tipo de empreendimentos é cada vez mais atrativo para o público. Segundo pesquisa do Instituto Brasileiro de Opinião Pública e Estatística (IBOPE), cerca de 61% das pessoas mudariam o estilo de vida  em prol do meio ambiente.

Da mesma forma, mais de 70% dos pesquisas disseram que pagariam mais para ter produtos que não causem grandes impactos ambientais.

O público tem optado por produtos ou serviços que fortaleçam os cuidados com os recursos naturais e o senso de proteção ao meio ambiente.

Por que o empreendedorismo sustentável é importante?

Vemos uma planta dentro de uma lâmpada elétrica (imagem ilustrativa). Texto: empreendedorismo sustentável.
Os cuidados com a natureza também fazem parte dos hábitos de consumo.

As pessoas estão cada vez mais preocupadas com o meio ambiente, com a sustentabilidade do modo de vida e suas forma de consumir.

Por este motivo, abre-se um amplo mercado para o empreendedorismo sustentável, com modelos de negócios baseados em medidas que não prejudicam a natureza.

Muitas organizações consolidadas já têm consciência dessa responsabilidade e adotam, por exemplo, atitudes focadas na proteção do meio ambiente.

Por exemplo, o tratamento de resíduos antes do descarte e o plantio de árvores para aumentar a sua “pegada ecológica”.

Esta forma de empreendimento sustentável é importante por diversas razões. É um primeiro passo para diminuir cada vez mais o consumo dos recursos naturais.

Além disso, traz uma conscientização sobre sustentabilidade para as novas gerações, que passam a ter no dia a dia produtos e serviços com esta preocupação.

Do mesmo modo, é muito importante que as empresas passem a ter esta cultura colaborativa com a natureza e com os movimentos sociais e ambientais.

Ainda, empresas que possuem uma participação social mostram a seus clientes a importância deste movimento e, assim, influenciam de maneira positiva as pessoas.

A importância do nascimentos desses novos projetos e atividades ligados ao setor sustentável está na possibilidade de que tais empresas possam influenciar toda uma cadeia de fornecedores e consumidores.

Nesse sentido, ao adotarem também boas práticas ambientais, torna-se possível atingir toda uma ramificação desse consumo – da produção até a sua destinação final.

Enfim, é um movimento que cresce entre os empreendedores e empresas, que foram além da retirada dos copos descartáveis. As ações estão cada vez mais amplas, com grande impacto na sociedade e no capital humano.

Como ser um empreendedor sustentável?

Iniciar um negócio é uma tarefa complexa, que exige muita pesquisa, análise de mercado e planejamento.

Para o empreendedorismo sustentável, é também um processo que exige muita dedicação, sobretudo pois tratamos de mercados que ainda são novidade em alguns segmentos.

Vemos uma mulher explicando algo para outras pessoas em uma sala de reunião (imagem ilustrativa). Texto: empreendedorismo sustentável.
A empresa deve mostrar aos seus funcionários as melhores práticas sustentáveis.

Diversos modelos de negócios ainda estão adaptando seus processos para se tornarem mais sustentáveis.

Por conta disso, o empreendedor deve estudar bastante, buscar informações que possam levar a uma operação mais sustentável.

Da mesma forma, analisar produtos que possam ser ecologicamente corretos e gerar menos poluentes.

Além disso, os negócios sustentáveis também envolvem oferecer à sociedade soluções para os problemas do dia a dia de forma ecológica. E isso exige do empreendedor muita criatividade para achar estas soluções.

Ao elaborar uma estratégia de negócios sustentáveis, é importante garantir que sua empresa continue lucrativa. Esta é sua prioridade número um.

Você não pode ajudar sua causa se não puder continuar no negócio. E, como comprovado, seus esforços de sustentabilidade podem ajudá-lo a tornar o negócio mais lucrativo.

Por exemplo, investir em estruturas eficientes, produtos diferenciados e treinamentos para os colaboradores. Todos dentro da empresa devem abraçar a causa.

Assim, faça uma reunião com os colaboradores e explique a missão da empresa, mostrando o que é importante para aquela organização, além dos resultados financeiros.

Do mesmo modo, fale sobre educação ambiental, preservação, consumo responsável, entre outros temas que se relacionam com as atividades da empresa.

Por fim, uma possibilidade de iniciar um negócio de forma sustentável é por meio de franquias. O mercado conta com diversas opções de redes que investem neste tipo de empreendimento.

Franquias podem ser negócios sustentáveis

O modelo de franquia é um negócio com um formato preestabelecido, com uma estrutura e uma operação padrão para todas as unidades da marca.

Neste formato, o empreendedor abre uma unidade de franquia junto a uma franqueadora, com uma marca reconhecida, produtos ou serviços definidos e testados no mercado.

Existe no mercado de franquias muitas opções de empreendedorismo sustentável. São redes que atuam em diversos nichos, como Limpeza, Serviços e até Alimentação.

Vemos um técnico da Acquazero limpando a parte externa de um carro usando borrifador e um pano de microfibra (imagem ilustrativa). Texto: empreendedorismo sustentável.
A Acquazero realiza a limpeza a seco de veículos, diminuindo o desperdício de água.

Por exemplo, no setor de limpeza automotiva tem a franquia Acquazero, que oferece serviços que usam produtos de limpeza biodegradáveis. E ainda, realiza a limpeza externa do carro com apenas 300 ml de água.

Uma franquia permite não apenas investir em um negócio sustentável, mas em um empreendimento mais seguro para o empresário.

Isso porque o franqueador recebe diversos tipos de suportes para o desenvolvimento do negócio.

Muitas franquias oferecem treinamentos para que o franqueado possa implementar práticas ecologicamente sustentáveis no dia a dia.

Da mesma forma, a franqueadora auxilia na gestão da unidade e conta com fornecedores que também fazem parte da corrente sustentável de mercado.

Ainda, o franqueado conta com uma orientação da marca para realizar suas ações de marketing. Assim, ele pode investir em propagandas que mostrem os cuidados da empresa com o meio ambiente.

O empreendedor fica sabendo sobre estes suportes na Circular de Oferta de Franquia (COF), documento com os detalhes da operação da franquia.

Por fim, leia mais sobre franquias e veja algumas opções de franquias baratas para você investir clicando aqui.

Caso opte por uma franquia, entre em contato com a franqueadora. Porém, se ainda não se decidiu, receba uma consultoria gratuita com especialistas para lhe orientar na escolha da melhor franquia para você. Acesse: henriquemol.com.br.

Advertisement
Advertisement