O que você deve observar ao escolher uma franquia

Por
em
mãos masculinas digitando ilustrativa pesquisa notebook para escolher uma franquia
Advertisement

Anda pensando em abrir seu negócio, mas não sabe como escolher uma franquia? Pois neste conteúdo, contamos tudo que você precisa!

Até porque, existem quase 3 mil marcas de franquia no Brasil. Saber como escolher a ideal vai ajudar a “peneirar” entre tantas alternativas e selecionar a mais adequada.

Logo abaixo, também falamos das vantagens desse tipo de empresa e como abrir a sua. Continue lendo!

Modelo de franquia: principais vantagens

Uma franquia nada mais é do que uma nova unidade de uma empresa que já existe. O empreendedor investe na marca e, então, pode vender os seus produtos e serviços já conhecidos pelo consumidor.

Por causa disso, uma das primeiras vantagens de uma franquia é exatamente a atração do usuário. Como já sabe o que esperar da marca, o cliente tem mais facilidade de comprar com ela. É isso que acontece com marcas como a Acquazero, Subway, McDonald’s e vários outros negócios de franquia.

Ao mesmo tempo, uma empresa deste tipo conta com um modelo já definido. Assim, o empresário só precisa colocar o planejamento em prática. Não é necessária a clássica “tentativa e erro” comum em negócios iniciados do zero; a franqueadora sabe o que fazer, e o franqueado só precisa executar os passos.

Por isso, até, uma franquia é um negócio mais seguro. Segundo pesquisas, apenas 5% das franquias fecham as portas em até dois anos de funcionamento. Enquanto isso, 23% das empresas novas encerram as atividades no mesmo período.

Entre as demais vantagens de uma franquia, também vale falar dos suportes da franqueadora. O franqueado recebe treinamentos e acompanhamentos para toda a operação. Então, executar o negócio se torna mais simples.

5 aspectos que você deve observar ao escolher uma franquia

A seguir, listamos os principais pontos que você deve avaliar na hora de escolher uma marca para investir. Acompanhe!

1. Mercado do negócio

Na hora de escolher uma franquia, é essencial avaliar, com cuidado, o mercado da marca. Isso porque, é importante que ele seja seguro, esteja em alta e não tenha tendência para crises.

Afinal de contas, você vai querer investir em um ramo que tem bom potencial de lucro. Então, vale a pena saber se o segmento é atraente para novos investidores.

Ao mesmo tempo, é preciso ter a segurança de que o mercado não está saturado. Se já existem muitas empresas competindo por um público escasso, o sucesso da franquia será mais difícil.

2. Perspectivas de crescimento

Advertisement

Assim como é importante avaliar o potencial do mercado, é essencial avaliar o potencial da franquia. A marca tem mesmo boas perspectivas de crescimento?

Para saber disso, você deve considerar as perspectivas da empresa. Seu plano de negócio projeta o futuro, ou os resultados previstos são apenas para o agora? A marca mostra disposição para crescer, ou a franqueadora atua como se o negócio fosse pequeno, “de bairro”?

Vale dizer que, na maior parte das vezes, a rede não vai crescer de uma hora para outra. Porém, a franqueadora precisa mostrar essa ambição e garantir planos de expansão. 

Mesmo que esses planos sejam apenas um esboço. Do contrário, a marca poderá ficar estagnada, e isso não será bom para sua unidade de franquia. Uma empresa que permanece sempre a mesma tende a ser superada pelos concorrentes.

3. Análise de lucratividade

Na hora de escolher uma franquia, é essencial optar por uma que combine com seu perfil. Ou seja, uma marca pela qual você tem interesse e vontade de trabalhar. Esse deve ser o aspecto principal na hora de colocar os prós e contras da empresa na balança.

Mas além disso, é claro, é preciso considerar o potencial de lucro do negócio. Avalie se o que a franqueadora promete é razoável e condizente com a realidade. 

Se empresas com investimento semelhante, no mesmo ramo, tiverem um lucro muito diferente, pode ser que a marca que você está avaliando esteja mentindo. Você não quer começar um negócio com essa desconfiança.

É importante destacar que lucro e faturamento são informações diferentes. Muitas vezes, você vai se deparar com a informação de faturamento, mas esse é apenas o valor bruto do que seu negócio vai ganhar. 

Já a lucratividade, o lucro da franquia, é o que de fato você vai colocar no bolso no fim do mês. Quer dizer que é o faturamento líquido do negócio, e esse é o que realmente importa para sua vida financeira.

4. Custo para iniciar negócio

Quanto você tem para investir na sua franquia? Responda a essa pergunta com sinceridade na hora de abrir seu negócio. Assim, você poderá pesquisar por marcas que se encaixam de verdade na sua vida financeira.

Se for preciso, você pode obter um empréstimo para iniciar sua franquia. Nesse caso, porém, atenção redobrada! Será preciso planejar bem seu orçamento, para ter a segurança de que você vai conseguir arcar com as parcelas do empréstimo enquanto coloca sua empresa em prática.

Vale a pena, inclusive, pesquisar e comparar bem entre as opções de empréstimo disponíveis no mercado. Você pode usar um simulador de empréstimo para esse processo.

5. Saúde financeira do modelo escolhido

Vários modelos de negócio parecem atraentes no mercado de franquia. Porém, será que eles são seguros financeiramente?

Para saber disso, converse com outros franqueados da marca. Assim, você vai conhecer a experiência deles no negócio e saber das vantagens e desvantagens da franquia.

Como investir em uma franquia?

Para abrir uma franquia, você deve escolher um bom modelo de negócio considerando as dicas que listamos antes.

Logo em seguida, entre em contato com a marca, mostrando seu interesse. Cada franqueadora disponibiliza em seu site um formulário para inscrição dos interessados.

Em seguida, a empresa entrará em contato com você, para conhecer seu perfil e seu interesse. Você também poderá conhecer mais sobre a franquia nessas conversas, e evoluir na negociação para abrir sua unidade.

Para investir no franchising, você precisa ter atenção a dois pontos: avaliação e planejamento.

Na hora de escolher uma franquia, tenha a certeza de avaliar todos aspectos do negócio. Da reputação da marca até seu potencial de lucro. 

Além disso, planeje-se! Seu orçamento, seu dia a dia, quem serão seus sócios, onde o negócio será aberto e mais. Isso vai garantir maior chance de sucesso à sua unidade.

Com esses cuidados, você terá mais facilidade de encontrar a franquia ideal para investir. Para conhecer boas marcas para abrir, você pode clicar no botão abaixo.

Outra dica é aproveitar de uma consultoria gratuita para entender qual negócio é mais interessante para você. Neste caso, acesse: henriquemol.com.br.

Artigo produzido pela equipe Juros Baixos.

Advertisement
Advertisement