O maior Portal de Franquias do Brasil!
Home » Todos Conteúdos » Para Empreender » Expansão de franquias: 7 dicas de como crescer o seu negócio

Expansão de franquias: 7 dicas de como crescer o seu negócio

Sumário

O processo de expansão de franquias deve ser feito de forma eficiente para resultar em um negócio atrativo. Dessa forma, separamos algumas dicas para você conhecer um pouco sobre este processo.

Segundo um estudo conduzido pela Associação Brasileira de Franchising (ABF), foi identificado um aumento de 14,3% na receita do setor de franquias, em 2022, em comparação com o ano anterior. Esse crescimento resultou em um faturamento total de R$ 211,4 bilhões.

Assim, investir no segmento pode ser uma opção atrativa para aqueles que querem ganhar dinheiro. Contudo, você deve estar atento para estruturar sua empresa de forma que possa ser um bom negócio também para outros empreendedores. Por isso, continue a leitura!

Clique, conheça e compare FRANQUIAS LUCRATIVAS. Acesse!

O que é expansão de franquias?

A expansão de franquias pode ser o resultado de basicamente dois cenários. Primeiramente, uma empresa que surge e se estrutura como uma franqueadora, buscando vender unidades de sua marca.

Do mesmo modo, acontece de uma empresa, com o passar do tempo, após solidificar o seu negócio, veja no franchising uma oportunidade de se expandir.

Para isso, realiza a reestruturação de sua operação de modo a simplificar seu negócio, possibilitando sua replicação em outras unidades. O processo de expansão envolve vários detalhes, não apenas a reestruturação da empresa.

Isso porque, a marca investe em marketing para atrair investidores, realiza parcerias ou renegociações com fornecedores, além de preparar seus funcionários para dar suporte aos franqueados.

Do mesmo modo, neste processo, a franquia deve adaptar sua logística interna de insumos e/ou produtos para abrir possibilidades de novas unidades afastadas de sua sede. Enfim, é um processo que envolve todos os setores da empresa e que exige um plano de expansão, do qual falaremos mais à frente.

Vantagens de expandir um negócio por meio de franquias

Fazer uma empresa crescer e inaugurar novas filiais exige um investimento grande do empresário. Logo, é necessário pessoal de confiança, capital para investir e disponibilidade de tempo.

Contudo, por meio de franquias, esta expansão se dá de uma outra forma, mais simples para o empresário. Nesse sentido, a expansão de franquias permite ao franqueador inaugurar novas unidades de sua empresa, mas sem assumir os riscos deste negócio.

CURSO Guia Prático Sobre Franquias. Clique e confira o conteúdo completo sobre o franchising no Brasil, como investir e como faturar!

Cada unidade recebe investimento de um empreendedor, que se torna franqueado. Assim, essa pessoa torna-se responsável pela gestão da unidade, capital etc. Dessa forma, o franqueador receberá valores como taxa de franquia, royalties, entre outros.

Além disso, é vantajoso expandir o negócio por meio de franquias, pois o modelo permite que a marca chegue aos locais distantes, os quais não poderiam alcançar. Assim, a rede se torna cada vez mais conhecida, em um território mais amplo, podendo chegar inclusive a outros países.

Do mesmo modo, isso se torna um círculo virtuoso, uma vez que quanto mais unidades franqueadas a marca tem, mais chama atenção de empreendedores para o seu modelo de negócio. Quanto mais atenção, mais consegue investidores, que ao abrirem novas unidades, atraem novos empreendedores e assim por diante.

Esse é, inclusive, um dos pontos abordados no curso Guia Para Iniciantes. São aulas que você pode acessar clicando aqui, assistir online e entender em detalhes como investir em uma franquia. Sem prejuízo e sem o risco de escolher uma marca ruim.

Logo mais, descubra sobre a consultoria para expansão de franquias. Mas antes, entenda como crescer seu negócio.

Banner ProResultado consultoria. Clique e confira!

Como crescer seu negócio por franquias?

Conforme falamos, existem muitas vantagens de expandir sua empresa por meio de franquias. Contudo, esse é um processo complexo e que exige muita organização.

Não é simplesmente a transformação de uma empresa em uma rede de franquias. A marca deve pesquisar, se estruturar, adaptar operações, entre outras coisas. Por isso, separamos aqui sete dicas de como crescer o seu negócio de forma segura por meio do processo de expansão de franquias. Acompanhe!

1. Analise a franqueabilidade do negócio

O primeiro passo para o processo de formatação de franquias é a análise da franqueabilidade do negócio. O resultado desta etapa irá orientar grande parte dos próximos passos.

Esta análise consiste em verificar se a empresa consegue se adaptar a um modelo de franquia para que seu modo de operação possa ser replicado em unidades franqueadas.

Ou seja, se um negócio independente poderá se transformar numa franqueadora, em que a empresa será capaz de multiplicar sua marca e seu conceito de negócio de forma padronizada por intermédio de unidades franqueadas.

Banner Totall Marcas. Clique para conferir os serviços!

Do mesmo modo, a análise de franqueabilidade avalia se os produtos e/ou serviço da marca são compatíveis com o mercado de franchising. E se é possível atingir o público-alvo por meio da expansão de franquias.

Nesta primeira etapa, a empresa também precisa avaliar as adaptações necessárias para o processo de expansão. Em outras palavras, é a hora de analisar cada aspecto da operação da empresa a fim de torná-la mais eficiente e simplificada para o franqueamento.

2. Confira a viabilidade financeira da expansão

Avaliar se a empresa consegue passar pelo processo de formatação de franquia é analisar, inclusive, se isso é viável financeiramente.

Se a análise da franqueabilidade foi positiva, agora a empresa deve calcular os custos para esta mudança. Portanto, e se está pronta para os investimentos que serão necessário daí em diante. Alguns processos da empresa podem ser excessivamente complexos e caros, o que pode inviabilizar a replicação do negócio.

Por isso, é fundamental que a operação seja simples e o mais barata possível para valer a pena e todas as partes possam ganhar dinheiro. Quando alguma etapa do processo é mais cara, talvez seja necessário centralizá-la com a franqueadora, repassando apenas as etapas seguintes para as unidades da franquia.

MJG SOLUÇÕES EM ENGENHARIA. Clique e saiba como contratar essa empresa conceituada!

Por fim, essas duas primeiras etapas precisam andar juntas, pois fazem parte da base do negócio e dizem muito sobre sua possibilidade ou não de expansão.

3. Ajuste o negócio para rentabilização do franqueado

O franchising é um modelo de negócio em que duas partes buscam ganhar dinheiro: a franqueadora, vendendo as unidades e recebendo taxas e outros valores, e o franqueado, realizando as vendas em sua unidade.

Nesse sentido, é fundamental que a franquia seja rentável, principalmente para o franqueado. Isso porque, ele é quem assume o risco de investir na unidade, dedicando tempo e esforço.

O franqueado precisa ganhar dinheiro e, para isso, a operação como um todo deve ser rentável. Por isso, algumas adaptações na estrutura e operação da marca são necessárias. Se em algumas etapas o lucro da empresa era “X”, você deve diminuir no processo de expansão para que o franqueado consiga lucrar.

Ou, por outro modo, os custos da franqueadora devem diminuir para manter o seu lucro e proporcionar vantagem também ao franqueado. Dessa forma, ao apresentar um negócio rentável aos novos franqueados, a empresa se torna atrativa e entra no círculo virtuoso do qual falamos.

FOCO MARKETING. Clique e acesse para saber como faturar com o seu negócio fazendo ações de marketing!

4. Padronize os processos

No modelo de franquia, cada unidade da marca é igual a outra, com uma estrutura e operação padrão para ser replicada pelos empreendedores.

Então, para realizar a expansão de franquias, a empresa deve moldar sua operação e padronizar todos os seus processos. Esta padronização é feita durante a formatação da franquia, com a criação de manuais e documentação do know-how da empresa.

Sendo assim, para que cada unidade possa oferecer os mesmo produtos ou serviços, a execução do processo deve seguir um único caminho. Além disso, para que os custos sejam os mesmos, as etapas precisam ser iguais e devem ser seguidas à risca.

Por estrutura, estamos nos referindo a tudo o que é necessário para a operação simultânea das franquias. E isso envolve desde o projeto arquitetônico das lojas, ferramentas e sistemas usados pelos funcionários, por exemplo.

5. Formalize os processos

Com os processos padronizados, você deve documentar tudo, fazer manuais e produzir treinamentos para que a operação seja repassada aos franqueados.

CONHEÇA AS SOLUÇÕES DA DOTS HUNTERS PARA FRANQUEADORAS! Clique aqui!

Por exemplo, na expansão de franquias são necessários manuais completos para cada etapa da operação. Eles devem ser simples e de fácil entendimento para os empreendedores, inclusive para aqueles inexperientes.

Estes manuais documentam como devem ser produzidos os itens da marca, como realizar o atendimento aos clientes, guardar insumos, entre outros tipos de atividade que envolvem a operação.

Mas também vão subsidiar os treinamentos que são feitos com os novos franqueados. Isso porque, são voltados para que o empreendedor conheça bem como realizar a operação da unidade.

6. Elabore os documentos legais

Para o processo de expansão de franquias, a empresa deve se atentar a alguns detalhes burocráticos importantes do negócio.

Por exemplo, um documento fundamental para o processo de franqueamento é a Circular de Oferta de Franquia (COF). Logo, deve ser elaborado pela franqueadora e é regulamentado pela Lei de Franquias (Lei nº 13.966/19).

CONHEÇA AS SOLUÇÕES DA SULTS PARA FRANQUEADORAS! Clique aqui!

A COF precisa conter informações detalhadas sobre a operação, como: os suportes oferecidos pela franqueadora, custos de implantação da unidade, direitos e deveres das partes.

Mas, além disso, os interessados na franquia também devem ter acesso ao DRE ou Demonstrativo de Resultados do Exercício. Esse documento é um dos mais importantes na administração de um negócio, pois sua análise é essencial para a saúde financeira da empresa.

A franqueadora também deve elaborar um contrato de franquia bem estruturado, de forma a oferecer segurança jurídica à parceria que se inicia.

São documentos que fazem parte das tratativas entre empreendedor e franqueadora. Logo, fazem o processo ser mais transparente e seguro para as partes, que sabem de antemão seus direitos e deveres.

7. Execute estratégias de marketing

Como qualquer outro negócio que busca investidores, a expansão de franquias também precisa de um marketing eficiente. Então, para este processo, a franqueadora deve executar suas estratégias de marketing de forma direcionada para o seu público-alvo.

Nesse sentido, a empresa deve avaliar o perfil ideal para os novos franqueados e buscar estratégias direcionadas a este público. Da mesma forma, o marketing da franquia é uma maneira de reforçar a presença da marca no mercado e, com isso, atrair mais clientes.

Portanto, se trata de um processo que atua nas duas frentes: buscar empreendedores para as novas unidades e consumidores para a marca. Por conta disso, é um trabalho complexo, que exige profissionais capacidades para não perder tempo com ações ineficazes.

Em outras palavras, a empresa deve saber vender, usar práticas direcionadas ao seu público para, assim, ser eficiente em atrai-los. Enfim, por conta desta complexidade não só para o marketing, mas para todo o processo de expansão de franquias, contar com a ajuda de especialistas pode fazer uma grande diferença.

Consultoria para expansão de franquias

Para montar uma franqueadora que ofereça um modelo de negócio atrativo e lucrativo, tanto para a empresa e para os futuros franqueados, o processo de formatação da franquia deve ser bem feito.

Por meio do serviço de Formatação de Franquia oferecido pela Encontre Sua Franquia, uma holding com aproximadamente 13 anos de experiência, é possível transformar sua marca em uma rede de sucesso, expandindo para diversas unidades.

A consultoria abrange todas as fases do processo. Inicialmente, realiza um diagnóstico da sua empresa e identifica áreas a serem aprimoradas. Em seguida, desenvolve um modelo de negócio replicável e rentável.

Dessa forma, você recebe orientações essenciais para a elaboração de documentos legais, como manuais, COF e contratos, simplificando assim a expansão de seu negócio. Conte com essa solução para impulsionar seu empreendimento!

Dentro desse processo, existem etapas que exigem cuidado e muita informação, conforme falamos ao longo deste texto. Aqui, você aprendeu sobre a expansão de franquias e conferiu dicas estratégicas para ampliar o seu negócio. Agora que está por dentro do assunto, invista na sua rede de franquias e lucre.

Acompanhe o mercado
A mais lidas hoje