Quer ser franqueado de seguradora? Veja 9 melhores opções para abrir sua franquia

Por
em
seguradora
Advertisement

Franqueado de seguradora, sabe o que quer dizer? Tem interesse pelo setor de seguros mas não sabe bem como começar? Leia tudo que você precisa saber nesse conteúdo sobre como se tornar um franqueado de seguradora.

Nos ultimos tempos cada vez mais pessoas pensam em empreender no setores do franchising e analisam possibilidades como as de corretoras de seguro. Isso porque o mercado oferece várias opções com negócios de valores acessíveis e com ganhos bem atrativos.

Diante das facilidades das franquias os empreendedores buscam conhecer melhor o setor para investimentos mais seguros e que ofereçam acompanhamento durante o franqueamento, dessa forma se sentem mais seguros para investir o capital que possuem no negócio próprio. 

Prova disso são os dados apresentados em um estudo do Sebrae elaborado em 2016, entre as empresas convencionais, o índice de mortalidade é de 23%. Ou seja, a cada cem empresas abertas, 23 fecham até o segundo ano de funcionamento.

Ao contrario a Associação Brasileira de Franchising (ABF) somente cinco entre 100 empresas pesquisadas fecharam as portas no mesmo período.

É o que você anda pensando em executar? Tem buscado opções de empreendimentos para investir e se tornar dono do seu próprio negócio mas busca por algo que permita maior segurança e boa rentabilidade? Saiba mais no decorrer desse texto!

Afinal, o que é um franqueado de seguradora?

Para esclarecer melhor o ponto onde queremos chegar precisamos explicar melhor esse termo, franqueado de seguradora, na verdade o franqueado é uma coisa e a seguradora é outra coisa. Vejamos.

Franqueado

O franqueado é uma pessoa que decide por sua vez investir em um modelo de franquia.  Assim ele se torna  franqueado.  No franchising o empreendedor franqueado é aquele que investe em uma rede de franquias e passa a representar uma marca.

Estando franqueado o investidor é auxiliado  por  um plano de negócio e um suporte favorecendo assim o desenvolvimento da franquia.

Seguradora

Advertisement

As seguradoras são empresas especializadas em assumir os riscos perante os bens de pessoas ou empresas que asseguram junto a empresa. Existem no mercado diversas seguradoras com nomes fortes que atuam no segmento de seguros. No franchising existem as Corretoras de seguros que oferecem a corretagem dos diversos tipos de seguros oferecidos por essas seguradoras.

Nesse caso franqueado de seguradora é, na verdade, o corretor de seguros que vende soluções das seguradoras, e pelas corretoras possibilita uma análise das várias opções de serviços pesquisando por melhores condições ao cliente final.

Como me tornar um franqueado de seguradora?

aperto de mãos
Antes mesmo de se tornar um franqueado é necessária uma leitura cuidadosa da COF

Para se tornar um empreendedor franqueado de seguros é preciso tomar algumas medidas, aconselhamos sempre uma pesquisa bem detalhada sobre o setor e as possibilidades,  vantagens e as possibilidades existentes no mercado.

Após identificar o que anda disponível e o que está mais próximo das suas possibilidades de investimento deve ser feito o seguinte processo. Veja.

Se cadastrar

A primeira ação é entrar em contato com a franquia escolhida pelo site da marca. Existe também a opção de cadastro nas feiras de empreendedorismo, caso você tenha interesse em participar de alguma antes de investir no ramo.

Entrevista

Após o cadastro normalmente é feita uma entrevista que pode ser por telefone, videoconferência e até pessoalmente dependendo do caso. Nesse contato são avaliadas as possibilidades do candidato suas expectativas com relação ao negócio e também o interesse no investimento.

É o momento de tirar todas as dúvidas sobre a franquia e os processos, também será apresentado ao candidato a Circular de Oferta de Franquia (COF), que é o documento que contém as principais informações sobre a rede. 

Existe uma lei que rege os direitos e deveres das franquias, lei nº 13.966/19conhecida como Lei de Franquias, na lei a franqueadora deve apresentar a COF ao futuro franqueado 10 dias antes da assinatura do contrato. Não devendo ser descumprido, caso contrário o acordo pode ser cancelado.

As informações que devem constar no documento são:

  • Dados sobre a franqueadora, como CNPJ e endereço da sede;
  • Histórico da marca;
  • Balanço e demonstrações financeiras;
  • Pendências judiciais;
  • Relação de franqueados;
  • Franqueados ativos e que se desligaram nos últimos 24 meses;
  • Equipe da franqueadora;
  • Informações sobre o mercado;
  • Descrição do negócio;
  • Cota mínima de compra;
  • Características dos modelos de negócio da marca de franquia;
  • Perfil desejado do franqueado;
  • Estimativa de investimento pelo franqueado, com descrição das taxas cobradas;
  • Estimativa de ganhos financeiros;
  • Regras sobre território (se haverá exclusividade ou não de atuação por um franqueado em determinada área);
  • Regras para sucessão ou transferência de proprietário;
  • Lista de fornecedores para atuação na franquia;
  • Lista de apoios prestados pela franqueadora;
  • Situação do franqueado após o término ou rescisão do contrato de franquia.

O contrato

Após analisar a COF pesquisar sobre outros franqueados da rede, e saber tudo que precisa sobre a franquia é chegado o momento da assinatura do contrato. O contrato de franquia é o documento definitivo e vai determinar como deverá ser a relação entre franqueado e franqueadora. 

Em contrapartida o franqueado se responsabilizará em manter o funcionamento da rede por meio do pagamento das taxas, comercialização de produtos ou serviços, e manter o nível de atendimento exigido pela empresa.

Alguns pontos do contrato devem ser observados com atenção para manter o cumprimento das normas estabelecidas para o funcionamento ideal entre as partes tais como:

  • Taxas fixas e mensais;
  • Demarcação do território de atuação;
  • Prazo de validade do contrato;
  • Cláusulas de renovação e rescisão do contrato;
  • Regras de concorrência.

Pagamento da taxa de franquia

Após a assinatura do contrato é feito o pagamento da taxa de franquia que garante o inicio do franqueamento junto a marca. Nesse momento é necessário efetuar o pagamento da taxa que corresponde a transferência do know how, ou seja o plano de negócios da franquia e a execução de implantação da rede a partir de então. Pronto você já é um franqueado!

9 opções para me tornar um franqueado de seguradora 

casal conversando com corretor de seguros
É sempre muito importante conhecer bem as opções de corretoras para fazer a melhor escolha para investir

Como agora você já sabe como se tornar um franqueado e já sabe um pouco mais sobre o setor de seguros, é chegado o momento de escolher a melhor opção para investimento, certo? Para te auxiliar nessa busca trouxemos algumas opções de franquias de seguros para que você s torne um franqueado de seguradora. Analise as opções!

1. Quisto Corretora de Seguros

Uma franquia d corrtora de seguros que se destaca no mercado de corretoras é a  Quisto Corretora de Seguros

São mais de 100 tipos de soluções para os clientes finais, a marca possui parceria com as maiores seguradoras do país o que possibilita oferecer melhores soluções.

Por meio de um sistema de gestão comercial utilizado pelos franqueados consegue comparar e gerar cotações em mais de 20 seguradoras simultaneamente. 

A rede oferece suporte completo da franqueadora em todas as etapas e tem disponível nas opções d negócios franquias de home office e loja física.

Veja os valores de investimento e possibilidades da Quisto Corretora de Seguros abaixo.

  • Investimento inicial: a partir de R$ 21 mil
  • Faturamento médio mensal: a partir de R$ 50 mil
  • Prazo de retorno: entre 6 e 18 meses

Conheça um pouco mais sobre a Quisto no vídeo a seguir!

2. Wichmann Seguradora

A Wichmann Seguradora atua com aproximadamente 18 tipos de proteção e está presente no mercado há mais de 30 anos com serviços que cobrem avarias em automóveis até seguros empresariais.

  • Investimento inicial: a partir de R$ 6.499,00
  • Faturamento médio mensal: R$ 30 mil
  • Prazo de retorno: entre 6 e 18 meses

A rede de franquias disponibiliza apenas franquias home based onde o empreendedor pode atuar em qualquer lugar, tendo apenas um notebook e acesso à internet. Também é possível atender o cliente in loco onde quer que ele esteja.  

 3. Ana Terra Seguros

Já são aproximadamente 30 anos no mercado de corretagem de seguros oferecendo seguros convencionais como os de, automóvel e residencial, ela também permite ao consumidor escolher coberturas sobre acidente pessoal e viagens.

Além de oferecer serviços de consultoria financeira

  • Investimento inicial: a partir de R$ 20 mil
  • Rentabilidade ou faturamento médio mensal: não informado
  • Prazo de retorno: entre 7 e 12 meses

4. TSValle

Fundada em 2003 a TSValle é uma rede de franquias voltada para seguros automotivos, mas que para ampliar o seu potencial de clientes já oferece outras soluções como produtos e serviços financeiros. 

No modelo de franchising desde 2016, a empresa conseguiu expandir sua área de atuação para regiões Sudeste, Nordeste e Sul do Brasil. Nos modelos de negócios são oferecidos franquias de loja física e home office.

  • Investimento inicial: a partir de R$ 10.900,00
  • Faturamento médio mensal: R$ 3 mil
  • Prazo de retorno: entre 6 e 12 meses

5. Vida de Ouro

Especializada nas áreas de seguro de vida, previdência privada e agrícola, as franquias  Vida de Ouro surgiram no mercado em 2009 operando com três coberturas mais específicas além de oferecer também consórcios e planos d saúde.  

  • Investimento inicial: a partir de R$ 9.900,00
  • Faturamento médio mensal: R$ 30 mil
  • Prazo de retorno: entre 6 e 18 meses

6.  Seguralta

Com mais de 50 anos de mercado a Seguralta está já é uma marca de franquias do ramo de seguros consolidada.  Suas opções de seguros atendem a todas as necessidades do mercado e possibilitam alcançar bons ganhos. A Seguralta conta com 3 modelos de negócio: home office, sala (basic) ou loja física (stardard). 

  • Investimento inicial: a partir de R$ 35 mil
  • Faturamento médio mensal: R$ 30 mil
  • Prazo de retorno: entre 12 e 36 meses

7.  Tudo Bem Seguros

 A rede de franquias Tudo Bem Seguros atua com seguros de automóveis, residencial, de vida, empresarial, frota, rural e saúde. O empreendedor pode optar pelos modelos de home office, escritório e coworking. 

Parceira de grandes seguradoras brasileiras, a Tudo Bem Seguros possui um modelo de franchising que necessita de baixo investimento e curto retorno de investimento.

  • Investimento inicial: a partir de R$ 23 mil
  • Faturamento médio mensal: R$ 15 mil
  • Prazo de retorno: a partir de 6 meses

8. Barela

A Barela é uma franquia corretora de seguros com mais de 20 anos no mercado e que já atendeu  meio milhão de cliente.

Sendo uma das corretoras mais conhecidas do país, a empresa oferece para seus franqueados um treinamento eficaz com mais de 100 horas no seu programa de formação. 

Desde 2017, a marca atua no franchising e já atingiu a marca de 60 franquias no estado de São Paulo.

  • Investimento inicial: a partir de R$ 22 mil
  • Faturamento médio mensal: R$ 14.800,00
  • Prazo de retorno: entre 6 e 12 meses

9. Sete Mares Seguros

Com 25 anos de experiência a marca oferece uma variedade de opções para atender aos clientes de todas as áreas de interesse em soluções d seguros.

A marca conta com parceiros que atuam nos serviços de previdência privada, consórcios, financiamento, monitoramento e toda a rede de seguros, como de vida, transporte, engenharia, especial etc. 

  • Investimento inicial: a partir de R$ 15 mil
  • Faturamento médio mensal: R$ 6.800,00
  • Prazo de retorno: entre 6 e 18 meses

A marca opera apenas com o modelo home office.

Ao longo do texto vimos como o mercado de seguros pode ser uma ótima opção de negócios para quem busca empreender e gosta do setor. È preciso sempre avaliar as melhores opções, estudar o setor e acima de tudo não acreditar que investir em franquia é ganhar na loteria.

Assim como todo investimento é preciso muito trabalho e dedicação, as franquias são opções mais seguras mas o desempenho do negócio é responsabilidade integral do franqueado.

Se você souber se dedicar e colocar em prática todo o seu desejo de ser dono do próprio negócio, é possível, sim, ser um empreendedor de sucesso, além de alcançar os resultados que todo empresário deseja.

Quer abrir seu negócio, mas ainda não tem certeza sobre qual franquia iniciar? Neste caso, continue sua leitura em: O que considerar na hora de escolher uma franquia para investir?

Se preferir, você também pode contar com uma consultoria gratuita para escolher o melhor negócio para abrir. Basta acessar: henriquemol.com.br.

*Informações publicadas em Abril/2020. Os preços das franquias podem sofrer atualizações. Informe-se com a franqueadora da marca.

Advertisement
Advertisement