Como franquear minha empresa? Por onde começar? Veja o passo a passo

Por
em
Imagem de um homem trabalhando em uma mesa de uma carpintaria. Imagem ilustrativa texto franquear minha empresa.
Advertisement

Para o empreendedor que pensa em como franquear a sua empresa, saiba que este processo exige bastante cuidado. Isso porque, são muitas variáveis que devem ser levadas em consideração antes de fazer esta mudança.

A Associação Brasileira de Franchising (ABF) revelou esta semana que o setor de franquias teve um crescimento de 48,4% no segundo trimestre de 2021 em comparação com 2020, atingindo um faturamento de R$ 41,1 bilhões. Não é a toa que estes números chamam a atenção de empreendedores e empresários.

Contudo, para fazer este processo de franqueamento é interessante que o empresário conte com uma consultoria especializada como a NX Franquias. Dessa forma, terá mais segurança para realizar todas as adaptações necessárias.

Passos para franquear minha empresa

A NX Franquias é uma empresa especializada na formatação de franquias, que oferece diversos tipos de consultorias para os empreendedores.

A NX faz parte do grupo Encontre Sua Franquia, uma das maiores holdings de franquias do Brasil, com oito marcas em seu portfólio e mais de 1300 franqueados.

Nesse sentido, a consultoria possui uma experiência no segmento de franchising, e por isso, pode direcionar de forma sólida esta mudança na sua empresa.

Assim, cada um dos passos necessários para franquear minha empresa são feitos pela NX Franquias de forma profissional e eficiente.

Por fim, separamos alguns destes passos para você entender mais sobre a formatação de franquias e saber como uma consultoria como a NX pode facilitar este processo.

Antes, veja o vídeo abaixo que separamos para você explicando um pouco mais sobre este franqueamento.

Análise do negócio

Um dos primeiros passos para franquear minha empresa é conhecer bem todo o negócio e analisar cada detalhe do empreendimento.

Nesse sentido, é necessário entender os seus custos e avaliar se há viabilidade financeira que compense transformar a empresa em uma franquia.

Por exemplo, estudar os processos internos e os insumos usados para saber se eles podem ser replicados em uma unidade de franquia de forma enxuta e mais barata.

Esta etapa exige cuidado para avaliar se a marca será atrativa para os novos empreendedores. Por isso, contar com uma consultoria como a NX Franquias pode ajudar a não errar no processo.

Do mesmo modo, entender se o seus produtos ou serviços conseguirão concorrer com as outras marcas no mercado de franquias.

Depois de analisar bem o empreendimento, é preciso realizar os ajustes necessários no seu modelo de negócios, para que seja atrativo para franqueados e franqueadoras.

Padronização de processos

Advertisement

Para tornar sua empresa uma franquia é necessário fazer uma padronização dos processos. Depois de analisar todas as etapas da operação, é preciso fazer um “esqueleto” do que será o negócio.

Este know-how, que é o “modo de fazer” da marca, terá que ser replicado nas novas unidades, e isso precisa ser feito de forma simples.

Se uma franquia tiver uma estrutura muito bagunçada ou complexa fica difícil por exemplo, para os empreendedores sem experiência se adequarem aos trabalhos que precisam ser feitos em suas  unidades.

 Por isso, é essencial que a empresa estruture sua operação e defina de forma clara todas as etapas do processo para que possam ser implementadas em cada unidade da rede de franquias.

Formalização dos processos

Além da padronização dos processos, a empresa deve se preocupar em formalizar estas etapas. Para isso, são necessários alguns cuidados.

Por exemplo, é preciso realizar a proteção do know-how para que ele seja de uso exclusivo da marca. Isso porque foi ela quem pesquisou e solidificou este processo, e a ela pertence este conhecimento.

Nesse sentido, começando pela própria marca da empresa, é preciso realizar esta proteção intelectual junto ao Instituto Nacional de Propriedade Intelectual (INPI).

Dessa forma, somente sua empresa pode utilizar aquela marca ou quem pague a você para ter o direito de usá-la.

Do mesmo modo, proteger certos aspectos do negócio para que franqueados ou ex-franqueados não usem o conhecimento adiquirido em um negócio próprio, sem a sua autorização.

Imagem de uma costureira trabalhando. Imagem ilustrativa texto franquear minha empresa.
O empreendedor deve entender cada etapa dos seus processos e como replicá-la em uma franquia.

Além disso, é fundamental uma formalização por meio de manuais, para facilitar o aprendizado interno dos novos franqueados.

Ao franquear seu negócio, você terá que repassar á eles todo o conhecimento necessário para que possam implementar uma unidade da marca. E este repasse será mais eficiente com bons manuais e treinamentos.

Definição de treinamentos

Com a estrutura do negócio feita, padronizada e protegida, a franqueadora também precisa se preocupar com o repasse deste conhecimento para os novos parceiros.

Dessa forma, ao franquear minha empresa preciso de estruturar uma forma de treinar cada novo franqueado para que ele tenha conhecimento suficiente para lidar com a operação.

Muitas franquias utilizam treinamentos “in locu” em um a unidade modelo, ou então treinamentos online, para negócios mais simples, como o home office.

A franqueadora deve definir bem como serão estes treinamentos, e ainda, buscar sempre melhorar seu material para preparar cada vez melhor seus novos franqueados.

Documentos legais

Além da proteção intelectual da marca e o know-how do qual falamos, ao franquear minha empresa é preciso cuidar também de certos tipos de documentos importantes para o processo.

Por exemplo, a NX Franquias conta com um setor especializado para a produção desta documentação para a formatação de uma franquia.

Nesse sentido, é preciso fazer uma Circular de Oferta de Franquia (COF) clara e detalhada, pois este documento será o seu cartão de visita para atrair novos empreendedores.

Além disso, produzir um bom Contrato de Franquia, que será a formalização da parceria entre empreendedor e a franqueadora.

Ainda, apresentar aos interessados o Demonstrativo de Resultado de Exercício (DRE), que deve estar na COF e mostrar também como está a saúde financeira da empresa.

Por fim, na COF deve vir o mais detalhado possível os investimentos necessários para a implementação de uma unidade, para que o empreendedor possa avaliar se pode ou não se tornar um franqueado.

Estratégias de marketing

Por fim, além de toda esta estruturação interna, o processo de franqueamento passa também por um trabalho de marketing para atrair novos empreendedores.

Com a NX Franquias, o empresário conta com uma ajuda para fazer o marketing. A NX promove feiras de franquias e também faz a divulgação da marca por meio do canal de Youtube Henrique Mol.

Henrique é o diretor da Encontre Sua Franquia e também uma das referências em empreendedorismo e franchising no Brasil.

Por fim, para quem ainda tem alguma dúvida, pode contar com uma consultoria gratuita com especialistas que vão lhe orientar neste processo de formatação de franquia. Acesse: henriquemol.com.br.

Advertisement
Advertisement