Franquia dá lucro? Tire essa dúvida agora e saiba como abrir a sua

Por
em
Pessoas conectadas por meio de linha que cria mapa. Ilustração do texto sobre franquia da dinheiro.
Advertisement

Se você busca entender se franquia dá lucro, é preciso saber antes que a lucratividade de um empreendimento depende de muitos fatores. Por isso, abaixo você confere dicas para decidir se seu futuro negócio vale a pena.

Em primeiro lugar, as franquias são modelos de negócio mais seguros, já que fecham menos. Segundo a pesquisa do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE), enquanto 80% das micro e pequenas empresas fecham as portas nos cinco primeiros anos, a quantidade de franquias é de apenas 15%.

Sendo assim, é possível perceber que o setor de franchising é um investimento mais seguro. Esse número é resultado de diversos suportes oferecidos pela franqueadora e pela estabilidade do segmento. Continue a leitura!

Afinal, franquia dá lucro?

De modo geral, a resposta é sim. Porém, é necessário atentar-se às informações de cada franquia. Afinal, esses valores podem ter uma grande variação de negócio para negócio. 

Ou seja, o empreendedor deve avaliar a lucratividade das franquias para ter noção do quanto vai colocar no bolso no fim do mês. Essa informação é importante mesmo antes de fechar o negócio, e você encontra na Circular de Oferta de Franquia (COF).

Assim, esse documento está disponível para todos os futuros franqueados que estejam interessados em conhecer mais sobre a marca. A COF também informa o prazo para o negócio começar a gerar lucro.

Lembre-se que esses fatores podem influenciar diretamente na lucratividade. Por isso, é muito importante que, antes de entrar para o mercado de franquias, leia com atenção a COF a fim de conferir todos os detalhes sobre o futuro negócio.

De acordo com a Associação Brasileira de Franchising (ABF), a média estimada para o lucro em franquias é entre 18 a 36 meses. Já no caso de microfranquias, o período gira em torno de 12 a 18 meses.

Porém, esse tempo pode variar de acordo com as características do negócio. Portanto, é essencial conhecer bem os empreendimentos antes de começar a investir.

Quais os custos de uma franquia?

Papel com contas e caneta em cima ao lado de calculadora. Ilustração do texto sobre franquia da dinheiro.
Calcular os gastos da franquia é um passo importante para alcançar a lucratividade.

Em primeiro lugar, você deve analisar os custos e só em seguida pensar em lucratividade. Assim como em todo empreendimento, as franquias possuem valores que devem ser investidos antes de o negócio entrar em funcionamento.

Estes custos operacionais do empreendimento devem ser analisados com calma. Afinal, para fazer o cálculo de lucro é necessário subtrair a receita, ou seja, o faturamento, pelos custos operacionais. 

Assim, os custos são determinados e informados pela própria franqueadora e incluem gastos mensais ou fixos. Contudo, no caso do sistema de franquias é possível ter noção desses valores com antecedência.

Isso porque, todos os custos estão estimados na COF para o empreendedor saber essas informações de forma detalhada e se organizar financeiramente. De modo geral, os investimentos são: os royalties, investimento inicial, capital de giro, taxa de propaganda e do sistema. 

Mas os royalties não são exigidos por todas as empresas. Essa taxa existe para garantir o direito do franqueado de usar a marca e o know-how da franqueadora. Dessa forma, pode durar em todo o contrato e geralmente é pago mensalmente.

Por sua vez, o fundo de propaganda é destinado para ações de divulgação da rede. Assim, pode ser cobrado ou não dependendo da franquia. Os valores são usados em campanhas de publicidade para promover a marca na totalidade.

Já o capital de giro é um montante pensado para que o franqueado tenha como manter o negócio depois que colocar em prática. Ou seja, nem todos os valores são pagos antes de abrir o empreendimento, alguns são recorrentes.

Neste sentido, para que sua franquia tenha maior rentabilidade, é preciso ter em mente todos esses gastos. Além disso, um planejamento financeiro eficiente considera os custos e uma reserva de emergência.

Passos para abrir a sua franquia

Agora que você já sabe que franquia dá lucro, confira abaixo os passos para abrir um empreendimento e faturar.

Entenda o que você quer fazer

Homem com tablet nas mãos em ambiente de escritório. Ilustração do texto sobre franquia da dinheiro.
O autoconhecimento é outro fator importante para escolher uma franquia lucrativa.

O mercado de franchising tem muitas opções de franquias que vale a pena investir. Porém, você deve analisar seu próprio perfil primeiro e entender o que gostaria de fazer, qual o tempo de dedicação e outros fatores.

Sendo assim, um dos primeiros passos na escolha da franquia é o segmento que você deseja seguir. Ou seja, o franqueado precisa entender com o que gostaria de trabalhar, independente de ter ou não formação na área.

Ou seja, o investidor precisa analisar o seu próprio perfil para tomar a decisão final. Afinal, alguns negócios podem ser muito lucrativos e não combinar com o perfil do empreendedor. 

Assim, é essencial analisar as características, pontos fortes e fracos, e até o momento atual que está passando. Com isso decidido é possível pesquisar as franquias nesse segmento de atuação. E assim analisar as ofertas, taxas e lucratividade presentes na COF.

Dessa forma, é mais fácil afunilar a busca por marcas e modelos de negócio alinhados com suas qualidades e expectativas. Por exemplo, para uma pessoa menos comunicativa o ideal é optar por negócios sem muito contato com os clientes.

 Já para pessoas com mais jogo de cintura, é possível se adaptar melhor em franquias com vendas diretas. Em resumo, se conhecer é a primeira etapa para abrir uma franquia que dá lucro.

Advertisement

Saiba o quanto você pode investir

Advertisement

Outra questão importante é saber o valor que você pode investir. Afinal, por mais rápido que seja a lucratividade, o empreendedor vai precisar desembolsar um valor inicial para abrir a franquia.

Além disso, muitas redes têm valores fixos e também os valores para manter a unidade. Então, você deve considerar tudo isso antes de tomar a decisão final de adquirir uma franquia. 

Como dito anteriormente, um bom planejamento financeiro é um aliado essencial de quem quer lucrar com franquias. Isso não significa que é preciso de muito para abrir um negócio, porque existem muitas opções de franquias baratas.

Notas de R$ 50 e R$ 100 organizadas em círculo. Ilustração do texto sobre franquia da dinheiro.
O valor de investimento é parte do planejamento do futuro franqueado.

Mas é preciso ter em mente que o investimento inicial não é o único custo de abrir uma empresa. Além das outras taxas, você vai precisar se manter e sustentar o negócio até que comece a ter lucro.

Assim, é importante considerar se você já tem o valor total ou se precisa encontrar uma forma de obter o dinheiro. Pegar um empréstimo, por exemplo, pode não ser a melhor opção para quem está começando a investir.

Pesquise seu mercado local

Outro fator essencial para a lucratividade da franquia é estudar e entender o mercado local. Isso garante que, a longo prazo, a franquia dê lucro de forma consistente.

Principalmente, caso a atuação seja delimitada por barreiras geográficas. Assim, saber o que o mercado local deseja pode ser determinante. 

Afinal, é esse mercado local que vai ser responsável por consumir os produtos ou serviços . Desse modo, analisar os pontos fracos dos concorrentes da região pode ser um bom começo. 

Dessa forma, é possível atuar em soluções melhores para esses produtos ou serviços. Portanto, um maior espaço no mercado aumenta significativamente as possibilidades de alta lucratividade com o negócio.

Contudo, é preciso analisar ainda outros fatores, como: hábitos de consumo do público-alvo, fornecedores, pontos comerciais ideais para cada tipo de negócio e muito mais.

Compare marcas de franquia

Como citado anteriormente, as opções de franquias para se investir são diversas. Então, para auxiliar nessa escolha é essencial comparar as marcas. Logo, você pode saber os pontos particulares de cada negócio e escolher a que melhor atende às suas expectativas. 

Além disso, as franquias também têm o perfil de franqueado ideal para atuação nesse segmento. Sendo assim, isso também ajuda a saber se o empreendedor vai conseguir atender a essas demandas e se as atividades correspondem ao que você gostaria de fazer.

Mulheres olhando organograma em escritório.
Analise os pontos fortes e fracos de cada opção de franquia.

Além disso, na COF constam todos os suportes que a franqueadora oferece. Assim, haverá mais segurança nesse processo de compra. Neste sentido, é essencial buscar marcas que ofereçam apoio e sejam próximas do franqueado.

Depois de afunilar a busca por franquias, pode ser interessante conversar com outros franqueados a fim de tirar dúvidas e conhecer mais sobre os negócios na prática. Outra boa ideia pode ser visitar uma unidade da franquia desejada e observar seu funcionamento.

Tire dúvidas com a franqueadora

As franquias oferecem diversos canais de comunicação para que o investidor interessado possa entrar em contato. Sendo assim, antes da decisão final, é possível tirar as dúvidas com a própria franqueadora. 

Dessa forma, analise os detalhes e até mesmo a relação oferecida. E ainda, é possível também tirar dúvidas sobre a COF, que já você já leu anteriormente. Isso porque, esses contratos costumam ser extensos e complexos e você deve analisar tudo com cuidado.

Por meio do contato com a franqueadora, você entenderá outros pontos importantes, como o funcionamento das operações do dia-a-dia, o tempo necessário para se dedicar ao negócio, os valores de investimento e o prazo de retorno deles. 

Por fim, este contato com a franqueadora é importante para verificar como a rede está em sua relação com os investidores, até porque é com essa empresa que você vai lidar futuramente.

Agora que você já sabe que franquia dá lucro, confira algumas opções deste negócio e abra a sua empresa: Franquias baratas 2021/2022: 240 melhores oportunidades para empreender e ganhar dinheiro.

Advertisement
Advertisement