O maior Portal de Franquias do Brasil!
Home » Todos Conteúdos » Franchising » Franquia de cartório vale a pena no mercado hoje? Entenda esse modelo de negócio

Franquia de cartório vale a pena no mercado hoje? Entenda esse modelo de negócio

Sumário

Saber se uma franquia de cartório vale a pena é o primeiro passo para investir nesse tipo de negócio. Então, leia este texto até o final e descubra tudo, além de dicas de empreendimentos.

Até porque, a arrecadação dos cartórios bateu recordes ao longo de 2021. Um levantamento mostrou, por exemplo, que o faturamento no período foi de R$ 23,4 bilhões. 

Muitas pessoas não sabem, mas é possível ter um cartório que seja franquia. Dessa forma, pode-se atuar com mais facilidade no segmento de Serviços e Outros Negócios.

Além disso, uma franquia de cartório pode ser um negócio rentável. Afinal de contas, a demanda por serviços é recorrente e abrange praticamente toda a população.

Vantagens de uma franquia de cartório

Para responder se vale a pena franquia de cartório, separamos algumas vantagens deste modelo de negócio. Assim, há características gerais do modelo de franquia e específicas desse segmento.

Primeiramente, vamos destacar as vantagens gerais das franquias. Esse tipo de negócio costuma ser mais simples do que abrir uma empresa do zero.

Isso porque, as franquias atuam por meio de um plano de negócio pronto. Ou seja, você recebe um manual com tudo que precisa para abrir e gerir sua marca.

Esse planejamento foi elaborado por uma equipe que entende do segmento e de franquias. Então, você tem a segurança de investir em um negócio que já foi testado antes e já deu certo.

Outro ponto positivo das franquias é que você tem, desde o princípio, uma previsão dos gastos. As franqueadoras são obrigadas a divulgarem todas as informações prévias sobre o empreendimento.

Sendo assim, você pode conferir quais são os gastos e se planejar financeiramente. Por isso, as franquias são consideradas investimentos mais seguros.

Agora, falando especificamente sobre uma franquia de cartório, podemos destacar o grande crescimento. No começo deste texto, apontamos a arrecadação desses estabelecimentos.

O acumulado de R$ 23,4 bilhões representa um crescimento de 34% em relação a 2020. Por sua vez, no acumulado de 2013 a 2021, os cartórios arrecadaram R$ 138 bilhões.

Olhando por essa perspectiva, uma franquia de cartório vale a pena, certo?

O que uma franquia de cartório faz?

Uma franquia de cartório atua no segmento de Serviços e Outros Negócios. Dessa forma, trabalha com registros, emissão de documentos, assinaturas digitais, pesquisa patrimonial e muito mais.

O trabalho nessas franquias funciona como intermediação cartorária. Ou seja, as redes contam com permissão para acessar os registros de cartórios.

Então, as pessoas procuram esses estabelecimentos para emitir tipos de documentos, segundas vias e registros. Entre os serviços, há certidões para inventários, divórcios e imóveis.

Também é possível recorrer aos documentos de registros de imóveis, automóveis e patentes. Basicamente, todos os serviços de um “cartório normal”.

Porém, essas franquias podem ainda agregar outros serviços. Algumas delas realizam pesquisa patrimonial, autenticação digital de documentos e consultas no SPC/Serasa.

Além disso, há outras possibilidades de serviço como conciliação e arbitragem, abertura de empresas, informação de pendências financeiras e mais. Esses são alguns serviços gerais.

Nesse sentido, cada marca desta área pode oferecer soluções específicas. Isso depende da forma de atuação e do modelo de negócio da marca.

Até aqui, você percebeu que uma franquia de cartório vale a pena. Um dos motivos é justamente a grande oferta de serviços.

Então, vamos ajudar a escolher um desses negócios. Preparamos uma lista com opções de franquias. Continue lendo e não vai se arrepender!

Melhores franquias de cartório para abrir e lucrar

Chegou a hora de conhecer algumas marcas de franquias que atuam com serviços de cartório. Dessa forma, você pode analisar aquela que mais agradar e estiver dentro de seu orçamento.

Há opções de franquia de cartório online, mais tradicionais e com várias faixas de valores. Agora, analise com calma cada uma das opções abaixo. Confira!

Rede Cartório Fácil

A Rede Cartório Fácil é uma marca com atuação quatro em um. Dessa forma, é possível atuar com intermediação cartorária e outros serviços.

Um dos destaques da rede é a possibilidade de atuação Presencial ou Home Office. Dessa forma, o investidor escolhe o modelo que mais combina com seu perfil e forma de atuação.

Hoje, a Rede Cartório Fácil conta com 250 unidades e mais de dez anos de atuação no segmento. Além disso, qualquer investidor pode se tornar um franqueado.

Entre os serviços da rede existem: autenticação de documentos, parcelamento de boletos, serviços extrajudiciais e muito mais.

  • Investimento inicial: a partir de R$ 14,9 mil
  • Faturamento Médio Mensal: a partir de R$ 1 mil
  • Prazo de retorno: não informado

Cartório Brasil

Na verdade, a Cartório Brasil funciona por meio de licenças. Mas é possível ter sua unidade da marca, inclusive atuando nos Estados Unidos.

Esse é um dos principais destaques da rede. Afinal de contas, brasileiros que moram no exterior podem oferecer serviços para outros na mesma situação.

Por sua vez, os serviços da rede giram em torno de abertura de empresas, busca de segunda via de certidões, imposto de renda etc.

Há ainda celebração de casamento nos Estados Unidos, remessas de dinheiro entre os países e muito mais. No total, o portfólio inclui mais de 200 serviços.

  • Investimento inicial: a partir de R$ 45 mil
  • Faturamento Médio Mensal: não informado
  • Prazo de retorno: não informado

Cartório Postal

A rede de franquias Cartório Postal oferece diversos serviços personalizados. Há, por exemplo, registro de imóveis, segunda via de certidões, traduções juramentadas e muito mais.

Do mesmo modo, a marca se destaca por ter mais de 25 anos de atuação. Os franqueados podem contar com a segurança de uma rede com selo de excelência em franchising.

A Cartório Postal tem unidades em todos os estados brasileiros e no exterior. O negócio se destaca pelos custos operacionais fixos, fazendo o empreendimento ser mais barato.

Por fim, para o franqueado, a rede oferece assessoria jurídica, na contratação do pessoal, treinamento com certificação e montagem do espaço.

  • Investimento inicial: a partir de R$ 70 mil
  • Faturamento Médio Mensal: não informado
  • Prazo de retorno: de 18 a 26 meses

Para quem uma franquia de cartório é indicada?

Uma franquia de cartório é indicada para quem tem afinidade com esse segmento. Lembrando que, em muitos casos, o franqueado atua sozinho na prestação de serviços.

Por outro lado, há algumas marcas em que o franqueado tem que ter uma equipe. Saber disso é importante para entender qual será a atuação do investidor.

Caso tenha uma equipe, por exemplo, esse franqueado precisa ter habilidades de liderança. De modo geral, existem algumas profissões que costumam ter mais afinidade com o segmento.

Por isso, muitas franqueadoras apresentam essas categorias no perfil ideal de franqueado. Entre as profissões há: advogado, contador, corretor e servidor público.

Mas empresários e empreendedores com vontade de ter um cartório podem ser donos desse tipo de franquia também. Para isso, basta solicitar a Circular de Oferta de Franquia (COF) da marca.

Nela, tem inúmeras informações relevantes aos futuros investidores. Inclusive, sobre o perfil de franqueado ideal.

Logo, você pode conferir se realmente se adapta a esse tipo de negócio e se tem o necessário para abrir o seu.

Precisa ter experiência para abrir franquia de cartório?

Depende. Essa é uma questão que você precisa conferir junto à franqueadora. Por isso, mais uma vez, indicamos uma leitura atenciosa da COF.

Lá, você vai descobrir qual a exigência da marca para se tornar um franqueado. Porém, podemos adiantar que existem franquias de cartório que você pode investir sem experiência.

Hoje, tem a opção de cartório online franquia. Normalmente, esse modelo de negócio é mais simples e não exige experiência.

De todo modo, você vai receber os suportes por parte da franqueadora. Então, poderá contar com treinamentos que vão ajudar na gestão do negócio.

Desvantagens das franquias de cartório

Embora tenha vantagens, vale ressaltar que as franquias de cartório têm seus lados negativos. Não é possível, por exemplo, agregar os serviços que você quiser.

Afinal de contas, é preciso seguir os padrões da franqueadora. Portanto, é justamente esse o conceito de uma franquia.

Nesse sentido, você não pode simplesmente oferecer os serviços que quiser. Ou seja, é permitido trabalhar apenas as soluções que estiverem no portfólio da marca.

Logo, é preciso ter tudo isso em mente antes de escolher uma franquia. Agora, você já sabe que uma franquia de cartório vale a pena. Por isso, já pode começar a empreender.

Então, organize suas finanças e se prepare para dar início ao empreendedorismo. Boa sorte!

Acompanhe o mercado
A mais lidas hoje