De A a Z: Como montar franquia lava rápido ecológico

Por
em
Franquia de lava rapido ecologico: processo de lavagem a vapor interno
Advertisement

Uma das formas de investir em um empreendimento sustentável, é apostar em uma franquia de lava rápido ecológico. Além dos muitos benefícios, esse tipo de empreendimento tem grandes chances de crescer nos próximos anos. 

Por mais que pareça é impossível que um empreendimento que oferece lavagem de carros seja sustentável e a favor do meio ambiente, saiba que esse é um pensamento do passado. 

As inovações e serviços voltados para a sustentabilidade acontecem porque, muitos empreendedores estão apostando em soluções capazes de fazer uma limpeza completa com o menor uso de água possível. Ou seja, bem diferente dos tradicionais lava jatos. 

Assim, de olho nessa tendência do mercado, preparamos o texto a seguir para mostrar as vantagens desse tipo de empreendimento e algumas dicas de como se tornar um franqueado. Acompanhe a leitura com a gente. 

Quais as vantagens de ter uma franquia de lava rápido ecológico?

Ao optar por uma franquia de lava rápido ecológico, o empresário estará caminhando junto a tendências do mercado. Afinal, a busca por produtos e serviços sustentáveis tem crescido no Brasil e no mundo. 

Essa procura condiz com o levantamento realizado pelo Panorama do Consumo Consciente no Brasil entre 2012 e 2018. Nele, foi identificado que mais de 60% dos brasileiros estão atrás de empresas que possuem algum tipo de responsabilidade com o meio ambiente. 

Assim, a maioria das empresas de lava rápido conta com um modelo de serviços de lavagem a seco. Ou seja, com apenas um copo de água é possível lavar um carro por completo. Além disso, quase todos os produtos que são utilizados durante o serviço de limpeza são de origem natural. 

Dessa forma, a franquia de lava rápido ecológico faz parte de uma cadeia que busca as melhores condições para oferecer opções que condizem com sua filosofia de sustentabilidade. 

Para você ter uma ideia do tamanho do impacto de uma ação como essa, um lava jato tradicional consome aproximadamente 300 litros de água por carro. A título de comparação, um lava rápido ecológico precisa lavar mil automóveis para igualar o consumo com o lava jato tradicional.

Por fim, esses empreendimentos também podem ser chamados de centro de estética automotiva e, por isso, oferecem diversos serviços que podem complementar o processo.

Cabe ao cliente escolher se deseja polimento, enceramento, cristalização de vidros, limpeza técnica do motor, higienização de ar etc. 

7 dicas para ter sua franquia de lava rápido ecológico

Vimos que a sustentabilidade é uma tendência do mercado e, assim, podemos imaginar que os tradicionais lava jatos estão com seus dias contados. Além disso, por mais que esse serviço comum pareça mais caro, saiba que os valores para quem faz a lavagem a seco possuem a mesma média de preços. 

Assim, apostando na sua vontade de desenvolver um negócio próprio e se tornar um grande empresário, separamos sete dicas para você abrir a sua unidade de franquia de lava rápido ecológico. 

Antes de continuar, baixe gratuitamente o nosso ebook sobre as vantagens de abrir uma franquia. 

ebook gratuito franquias vantagens abrir uma franquia guia

1. Pesquise sobre o setor

Antes de pensar em investir em qualquer empreendimento, é necessário fazer um levantamento dos dados do setor. Ou seja, pesquisar se há uma boa demanda, se as pessoas estão consumindo o tipo de produto ou serviço etc. 

Quando se trata do segmento automotivo, os números se mostram positivos há alguns anos. Como mostra o levantamento do Observatório das Metrópoles sobre a quantidade de carros presentes no Brasil.   

Segundo o Observatório, no Brasil existem aproximadamente 66 milhões de carros. Número que vem crescendo nos últimos anos, mesmo diante das últimas crises financeiras que o país enfrentou. 

Porém, o Observatório reparou que, atualmente, os brasileiros têm adotado um tempo maior de permanência com o mesmo carro. Como mostra a pesquisa da montadora Citroën em 2017. De acordo com o levantamente, o brasileiro tem permanecido 4,11 anos com o mesmo veículo. 

Diante desses números, é de se esperar que a busca por serviços automotivos cresça – é exatamente esse movimento que o mercado tem feito. A Autoinforme divulgou um estudo que identificou que os proprietários de carros gastam, em média, mil reais com serviços ligados a seus veículos. 

Porém, esse valor é dividido da seguinte forma: 30% para gasolina, enquanto os demais custos referentes a peças de reposição, serviços de estética, manutenção, impostos e seguros.   

2. Conheça o mercado de franquia de lava rápido ecológico

Advertisement

Após identificar as movimentações do setor e como os dados podem ser benéficos para os seus planos, é hora de buscar pela melhor franquia de lava rápido ecológico. Ou seja, aquela que se encaixa no seu perfil, capacidade financeira e projetos para o futuro.

Dessa forma, faça um levantamento dos modelos que achar mais interessante e demonstre interesse de investir nas marcas. Isso pode ser feito por meio do cadastro do seu perfil no site das próprias franqueadoras. 

Enquanto isso, pesquise em sites de buscas, redes sociais ou portais especialistas em contato com o consumidor, como o “ReclameAqui!”, sobre como a marca é vista pelo público. Essa pesquisa será muito importante para o desenvolvimento do seu negócio. 

Afinal, as franquias funcionam como uma “cópia autorizada” de uma empresa que possui reconhecimento, clientes fidelizados e uma fama. Se você investir em uma marca que não é bem vista pelo mercado, as chances do investimento funcionar se tornam bem mais difíceis. 

3. Estude a Circular de Oferta de Franquia

O passo a seguir envolve estudar a Circular de Oferta de Franquia (COF). Esse documento é responsável por trazer todas as informações importantes para o futuro franqueado. 

Assim, será possível identificar situações como: quanto de dinheiro é necessário para abrir o negócio, quais os modelos de franquias existentes, as obrigações de ambas as partes, pendências jurídicas, contato de atuais e ex franqueados dos últimos dois anos, histórico da empresa etc. 

Lembrando que a circular é de suma importância para a concretização do negócio. Ou seja, sem o documento assinado e acordado, nem o contrato final é possível ser fechado. Além disso, de acordo com a Lei de Franquias, a COF só pode ser assinada após 10 dias do seu recebimento. 

Dessa forma, caso tenha alguma dúvida ou dificuldade, consulte um advogado para ajudá-lo a compreender melhor as cláusulas. Não tenha pressa para selar esse primeiro acordo, afinal, esse é o primeiro passo para você iniciar o seu negócio. 

4. Escolha o melhor modelo de negócio para você

As franquias costumam ter diferentes modelos de negócios para oferecer. Existem aquelas que contam apenas com a loja física e outras com oportunidades de home office. Assim, cada oportunidade possui um investimento inicial diferente. 

Por isso, estude qual é a melhor que se encaixa nas suas condições e qual será o impacto no seu futuro. Começar no formato de home office não impede você de crescer e logo transformar a sua unidade em uma loja ampla, com instalação de ponto comercial. Tudo depende do contrato que você assina e da sua dedicação. 

Além disso, caso queira uma ajuda para fazer um investimento maior, ou não tenha todo o dinheiro necessário para iniciar as operações, você pode consultar algumas instituições financeiras e observar as condições de financiamento que cada uma oferece.

Porém, caso não queira essa solução, busque por sócios ou empréstimos dentro da sua família. 

Uma das marcas que oferecem um modelo de negócio diversificado e com boas vantagens, é a Acquazero. Separamos o vídeo a seguir para você conhecer a história da marca. Confira. 

5. Analise o contrato final

O contrato será responsável por selar todos os acordos que foram firmados com a franqueadora durante as etapas anteriores. Vale frisar que poucas questões podem ser negociadas. Entretanto, é comum que algumas redes possibilitem o parcelamento da taxa de franquia, caso queira economizar um dinheiro. 

Isso acontece porque, como vimos, as franquias são cópias de um modelo que já existe e esse formato de negócio é repassado para vários outros franqueados. Não é justo que apenas alguns tenham condições especiais e outros não. Por isso, suspeite sempre das marcas que oferecem uma negociação mais ampla. 

Voltando ao contrato, para ele ser firmado, é necessário que algumas informações como taxas fixas e mensais, demarcação do território de atuação, prazo de validade, cláusulas de renovação, rescisão do contrato e regras de concorrência estejam bem explicadas. 

Além disso, é comum encontrar algumas franquias que buscam entregar um cronograma com os próximos passos voltados para a abertura da unidade.

6. Defina o ponto comercial

Com tudo acertado e o os valores iniciais investidos, é hora de iniciar a preparação para a sua loja. Caso você tenha optado pela modalidade home office, esse momento já não serve para você, então pode passar para o próximo passo. 

É importante que o franqueado escolha um local com boa movimentação do seu público alvo, que tenha uma localização que possibilite o empreendimento de ser visto de vários locais. Além disso, fique atento às despesas referentes a esses locais. 

Ou seja, observe a estrutura do espaço, se será necessário fazer uma reforma, qual previsão de gasto etc. Também não deixe de observar o valor do aluguel: uma dica importante é optar por um local que cobre um valor entre 8% e 11% do seu faturamento bruto. 

7. Inicie suas operações

Ao final de todas essas etapas, é hora de inaugurar a sua loja ou começar as suas operações como home office. Se assegure que realizou todos os treinamentos exigidos pela franqueadora, que seus equipamentos estão em dia e preparados para o batente. 

Caso opte por uma unidade física, não deixe de fazer uma divulgação forte na região em que irá atender. Além disso, seja um líder exemplar para seus colaboradores e atue na linha de frente mostrando como fazer. Dessa forma, você irá motivá-los a entregar sempre o melhor desempenho. 

Abrir uma franquia é mais simples do que parece, porém, é preciso muito estudo e dedicação para que o negócio dê certo. Vale lembrar que por mais que a marca esteja cedendo o seu uso comercial a você, isso não quer dizer que ela seja sua propriedade. 

Assim, respeite as regras e siga as orientações que o suporte lhe oferece. O objetivo da franqueadora é fazer o seu negócio ser um sucesso, afinal, a rede também irá crescer desse modo. E no caso do setor automotivo, vimos que o mercado é bem promissor. 

Gostou do nosso conteúdo sobre franquia de lava rápido ecológico? Assine nossa newsletter para receber dicas sobre o que há de mais relevante nas franquias automotivas. 

Quer saber mais sobre o assunto desse texto e abrir seu negócio com maior segurança? Continue sua leitura no conteúdo: Franquia de Lava Rápido: o Guia Definitivo A a Z para você montar a sua.

Advertisement
Advertisement