Franquia Yogoberry: quanto custa? Descubra se vale a pena abrir negócio

Por
em
Imagem de uma tigela com iogurte acompanhando de frutas e cereais. Imagem ilustrativa texto franquia yogoberry.
Advertisement

O mercado de alimentação é amplo, com produtos variados para trabalhar. Neste texto, falaremos um pouco sobre a franquia Yogoberry, especializada em iogurtes especiais.

O setor de franquias de Alimentação é o de maior faturamento no franchising brasileiro. Só em 2020, o segmento faturou mais de R$ 40 bilhões.

Dentre as marcas que trabalham no setor, a franquia Yogoberry é uma das opções para empreender. Veja aqui um pouco mais sobre ela.

Conheça a franquia Yogoberry

O iogurte é um produto que atende diversos públicos, pois desde criança estamos acostumados com o produto.

Por isso a Yogoberry nasceu em 2007 para atender ao amplo público deste produto, com uma receita exclusiva criada por Un Ae Hong e a nutricionista Jong Ae Hong.

Os criadores da marca buscaram fazer um produto de alta qualidade e matéria-prima selecionada. Além disso, focaram em um produto que fosse saudável e sem conservantes.

Ao longo do tempo, a franquia Yogoberry foi se expandindo, até entrar para o franchising. Da mesma forma, passou também a ampliar o seu cardápio.

Nesse sentido, além do frozen yogurt natural, carro-chefe da franquia, ela também trabalha com sucos naturais, açaí, smoothies, saladas de frutas, entre outros.

Dessa forma, a franquia investe em um cardápio de baixo valor calórico, além de um modelo de negócio enxuto, do qual falaremos agora.

Entenda o modelo de negócio da Yogoberry

O tipo de produto da franquia Yogoberry é para ser consumido por impulso, por isso suas lojas devem ser instaladas em locais movimentos.

Ademais, é um conceito de loja para poucos colaboradores, com estrutura enxuta para agilizar o atendimento. Ainda, tornar mais eficiente o uso dos espaços.

Por fim, a franquia conta com apenas um modelo de loja, do qual falaremos um pouco.

Vemos um corredor de um shopping (imagem ilustrativa). Texto: franquia yogoberry.
Um bom local para instalar uma franquia Yogoberry são os shoppings.

Loja

O modelo loja da franquia Yogoberry precisa de um espaço de cerca de 30 metros quadrados para ser instalado.

Para ter mais eficiência no atendimento, a franqueadora auxilia no projeto arquitetônico da loja. Além disso, para manter o visual da marca conservando o padrão para todas as unidades.

Por fim, o investimento inicial mínimo para uma loja da franquia Yogoberry é de R$ 400 mil, com um prazo de retorno de 18 a 24 meses em média.

Contudo, existem opções mais baratas para se trabalhar neste mercado, como a Cream Berry, marca que você vai conhecer um pouco mais no final deste texto.

Números do ramo de açaí no Brasil

O mercado de alimentação é amplo, com diversos nichos para investir. No segmento de produtos gelados, como iogurtes e açaís, o empreendedores encontram um grande público consumidor.

Para se ter uma ideia, segundo dados da Embrapa, somente no Rio de Janeiro se consome 500 toneladas de açaí mensalmente.

Da mesma forma, outros dois estados, São Paulo e Minas Gerais, juntos, consomem cerca de 250 toneladas ao mês.

Ainda de acordo com a Embrapa, estima-se um crescimento de 15% ao ano no consumo deste produto, seja dentro ou fora do Brasil. Vale lembrar que só os Estados Unidos são responsáveis por 40% das importações de açaí que saem do Brasil.

Contudo, o mercado também tem se diversificado, com um público cada vez mais exigente. São pessoas que buscam produtos de qualidade, sem conservantes e com variedade de sabores.

Mesmo com as alterações ao longo dos anos, o público maior do açaí busca uma alimentação saudável e nutritiva, além de muito saborosa.

Por conta disso, o formato self-service tem ganhado espaço, por permitir diversas combinações de açaí com vários acompanhamentos.

Neste nicho trabalha a franquia Cream Berry, rede de venda de açaí que apresenta um modelo de negócio enxuto e atrativo.

Vemos uma máquina de contar notas de dinheiro (imagem ilustrativa). Texto: franquia yogoberry.
O mercado de açaí movimenta muito dinheiro por todo o Brasil e fora dele.

Cream Berry: franquia mais barata de sucesso para trabalhar com açaí

A franquia Cream Berry foi criada na cidade de Varginha, no interior de Minas Gerais, e possui um modelo de negócio voltado para a venda de açaí.

A rede conta com um cardápio variado de combos de açaí, bem com a opção de self-service em um dos seus modelos de negócio.

Além do amplo cardápio, a franquia também trabalha com açaí sem glúten, frutos orgânicos e linhas vegana de produtos.

Da mesma forma, a junção de um cardápio variado, com opções de qualidade, um modelo enxuto e a possibilidade de self-service oferece ao empreendedor uma boa oportunidade de investir neste mercado.

Outra vantagem é contar com um suporte eficiente da franqueadora. Por exemplo, auxílio na escolha do melhor local para instalar a unidade.

Para se tornar um franqueado da Cream Berry, entre em contato com a franqueadora pelo botão abaixo.

Além disso, no vídeo a seguir, temos um dos franqueados da Cream Berry falando um pouco sobre sua relação com a marca. Confira!

Por fim, a franquia conta com dois modelos de negócios, o Convencional e o Express:

Convencional

Advertisement

O modelo de negócio Convencional da franquia Cream Berry é um formato mais clássico. Ele trabalha com foco em combos pré-escolhidos pelo cliente por meio do cardápio.

Assim, os funcionários da unidades fazem a montagem do creme do açaí e seus acompanhamentos.

O espaço para a unidade deve variar entre 30 e 60 metros quadrados para comportar bem toda a operação da franquia.

O investimento inicial para este modelo é a partir de R$ 90 mil.

Express

O formato Express exige um espaço nas mesmas dimensões que o Convencional, contudo, ele possui um foco de atendimento diferente.

Isso porque esta unidade trabalha principalmente com o self-service, em que os clientes montam o creme de açaí e seus acompanhamentos.

Dessa forma, a quantidade necessária de funcionários da unidade diminui, bem como os custos de manutenção do negócio.

Para se tornar um franqueado da Cream Berry em uma unidade Express, o empreendedor deve investir a partir de R$ 110 mil. Valor que varia com as necessidades de reformas e outros custos de instalação.

Em comum aos dois modelos de negócio está o atendimento delivery. No mercado atual, este tipo de serviço deve fazer parte dos planos das franquias de alimentação.

Além disso, os dois modelos contam com treinamentos, auxílio para as ações de marketing, entre outros suportes. Tudo isso deve ser informado na Circular de Oferta de Franquia (COF).

Como você pôde ver, a Cream Berry apresenta um negócio com investimento compatível com diferentes perfis de empreendedores. Ademais, pode ser uma boa opção para cidades menores.

Por fim, leia mais sobre a franquia Cream Berry, suas vantagens e modelos de negócio no conteúdo completo sobre a marca clicando aqui.

Todavia, se ainda não está decidido em qual franquia investir, receba uma consultoria gratuita para lhe ajudar na escolha a melhor franquia para você. Basta acessar: henriquemol.com.br.

Advertisement
Advertisement