O maior Portal de Franquias do Brasil!
Home » Todos Conteúdos » Para Empreender » Qual a melhor franquia para cidade pequena? GUIA PARA ESCOLHER

Qual a melhor franquia para cidade pequena? GUIA PARA ESCOLHER

Sumário

Anda se perguntando qual a melhor franquia para cidade pequena? Essa é uma dúvida comum, já que são várias as redes de franquias para se iniciar uma unidade.

Mas grandes redes não são, necessariamente, as melhores opções para cidades do interior. Afinal, elas podem nem mesmo ter seu público-alvo no município.

Claro que algumas marcas vão, muito provavelmente, contar com público onde quer que estejam. O McDonald’s, por exemplo, tem sucesso em 119 países e mais de 37 mil pontos de venda. 

Isso significa que uma unidade da franquia teria sucesso na sua cidade? Não, mas poderia ter. Quem não gosta de um bom hambúrguer com batatas fritas, não é mesmo?

Ter sucesso seria bem mais difícil, por exemplo, para uma franquia de jóias em cidade pequena. Se o município não tiver a “cultura” de adquirir essas peças, é provável que os produtos encalhem.

Só que tudo isso pode mudar de acordo com a região do país, sua capacidade de investimento e a abordagem da marca escolhida.

Quem decide abrir uma franquia é o franqueado ou franqueadora?

Para ter a certeza de que sua opção é a melhor franquia para cidade pequena, a franqueadora vai realizar um estudo de geomarketing. Ou seja, vai avaliar se a sua localidade conta com o público-alvo desejado e a facilidade de acesso pelos clientes.

Afinal, o objetivo da franqueadora é fazer com que sua rede cresça. Para isso, ela precisa ter a certeza de que a sua unidade terá potencial para se desenvolver adequadamente. Se sua localidade não apresentar esse potencial, a marca dificilmente vai autorizar a instalação da sua franquia.

No processo de franqueamento, o empreendedor e sua localidade tem seus perfis avaliados. Se eles não corresponderem ao que é necessário para o sucesso da unidade, a franqueadora pode não ter interesse em vender a franquia.

Se isso acontecer com você, calma! A decisão da marca será pautada por um estudo detalhado, de uma empresa que já conhece o que precisa para se desenvolver. Se a marca acha que seria um erro você iniciar uma unidade dela, muito provavelmente ela tem razão.

Isso já que uma franquia é uma “cópia” de uma empresa, uma nova unidade que vai trabalhar com os mesmos produtos e serviços da “matriz”. Logo, se não tiver público em determinada localidade, a marca não vai vingar.

De qualquer forma, são tantas as redes de franquias no mercado, que você logo poderá encontrar outra indicada ao seu perfil.

Como escolher a melhor franquia para pequenas cidades?

São várias as vantagens de abrir uma franquia no interior. Por exemplo: nessas localidades, os custos do negócio costumam ser reduzidos, o empreendedor encontra qualidade de vida e a empresa tem concorrência menor.

Mas na hora de escolher a melhor franquia para investir, é importante tomar alguns cuidados. Como dito antes, a franqueadora vai realizar uma avaliação mais detalhada da sua localidade e potencial de uma nova unidade. 

Mas sua avaliação prévia vai permitir você escolher uma marca com potencial real, sem perder tempo com redes que não dariam certo na sua cidade. Veja abaixo o que analisar.

Sua cidade tem público para a franquia?

Para uma avaliação inicial do seu público, observe quais são os negócios que já estão na cidade e o público que ele alcança. Essas mesmas pessoas poderiam comprar com a sua unidade de franquia?

A resposta precisa ser sim. Seja porque você ofereceria o mesmo serviço, seja porque seu atendimento seria uma novidade semelhante, mas que poderia atrair público.

mulher sorrindo entregado uma sacola parta outra mulher.
Se os clientes não forem atraídos para sua franquia, seu negócio não vai vingar.

É importante também conversar com pessoas próximas a você na cidade. Sua família, parentes, vizinhos. O que eles acham da ideia de negócio? Eles comprariam com o tipo de empresa que você pretende abrir?

Esse é, inclusive, um dos pontos abordados no curso Franquias Sem Ciladas. São aulas que você pode acessar clicando aqui, assistir online e entender em detalhes como investir em uma franquia. Sem prejuízo e sem o risco de escolher uma marca ruim.

Quem são seus concorrentes?

É essencial conhecer os seus possíveis concorrentes, especialmente em uma cidade pequena. Nesses municípios, os consumidores costumam ser bem próximos dos comerciantes. 

Dessa forma, é importante saber se você poderia competir com eles. Não apenas avaliando seus serviços, produtos ou atendimento. Mas também se seria capaz de atrair esses consumidores, mesmo que eles estejam acostumados com outra empresa.

Há casos em que os clientes são tão fiéis a um negócio local que nem pensariam em “abandoná-lo” por um concorrente. Se sua empresa for concorrente direta deste negócio, pode ter mais dificuldade em se desenvolver.

Avalie qual franquia combina com você

Na hora de investir em um negócio, é fundamental gostar do ramo no qual você vai atuar. Isso vai ajudar você a manter o entusiasmo em investir tempo e dinheiro na franquia. Especialmente no começo da empresa, quando o retorno costuma ser mais lento.

Por isso, não avalie a franquia apenas de acordo com seu investimento ou retorno previsto. Em vez disso, tenha a certeza de que você gostaria do negócio, teria prazer em trabalhar nele.

E não é preciso ter experiência no ramo. A franqueadora vai proporcionar a você uma série de treinamentos para atuar. Então, mesmo que nunca tenha trabalhado com a atividade, vai poder abrir sua franquia nela.

De qualquer forma, vale dizer que o perfil do franqueado, inclusive em relação à experiência, pode mudar conforme a marca. 

Para conhecer os requisitos para abrir sua unidade daquele negócio, leia a Circular de Oferta de Franquia (COF) da empresa. O documento traz todas as informações sobre a franquia, inclusive o perfil ideal de franqueado.

Ainda tem dúvidas sobre em qual franquia investir? Acompanhe nosso ebook com dicas para escolher a melhor para você! Basta clicar no banner.

ebook em qual franquia investir

Proximidade de fornecedores

Ainda é importante avaliar se os fornecedores daquela franquia teriam facilidade de chegar até você. Afinal, para que a atividade da franquia seja padronizada, você vai precisar contar com os mesmos produtos/insumos que a marca usa nas outras unidades.

Se receber os produtos for um problema, você poderá ter gastos e incômodos maiores que o esperado.

Mas não se esqueça que todos estes aspectos também serão avaliados pela franqueadora na hora que você se mostrar interessado na franquia. Então, você só precisa saber o básico do potencial do negócio. A avaliação final será da dona da marca.

Melhores franquias do Brasil para abrir no interior

As opções de franquias baratas para cidades pequenas são diversas. Você pode iniciar, por exemplo, um negócio de Turismo, ou ainda uma loja de roupas, casa e construção, limpeza etc. Basta pesquisar e avaliar os negócios que mais se encaixam no seu perfil.

A seguir, listamos algumas marcas que você pode gostar de investir. Acompanhe!

[raio_x_esf]

Você também pode conhecer outras opções de franquias baratas e lucrativas para cidades pequenas no vídeo abaixo. Acompanhe!

E então, entre as opções que apresentamos, qual a melhor franquia para sua cidade pequena? Não se esqueça que você precisa gostar do trabalho que vai realizar. Isso vai facilitar o seu sucesso.

Além disso, a franqueadora vai ajudar você a decidir se vale mesmo a pena abrir uma unidade dela na sua região. Isso lhe dará maior segurança de que bons resultados virão do investimento.

Quer logo começar seu processo de franqueamento? Então confira o texto: Passos para se tornar um franqueado.

*Informações publicadas em Fevereiro/2021. Os preços das franquias podem sofrer atualizações. Informe-se com a franqueadora da marca.

Acompanhe o mercado
A mais lidas hoje