Quanto custa formatar uma franquia? Vale a pena?

Por
em
Imagem de uma pilha de moedas sobre várias notas de dinheiro.
Advertisement

A empresa que deseja entrar para o mercado de franchising deve saber, antes de tudo, quanto custa formatar uma franquia. Vale dizer que não é um processo barato, tampouco simples.

O processo de formatação de franquia exige muitos cuidados para que a empresa faça esta alteração na sua estrutura de maneira eficiente.

Além disso, é preciso saber definir bem todas as etapas do processo para não deixar de organizar e analisar todos os aspectos necessários. Assim, é possível orientar bem os gastos, como mostraremos.

Entenda quanto custa formatar uma franquia

O processo para formatar uma franquia custa um bom dinheiro. Dessa forma, se a empresa estiver com problemas financeiros, pode ser mais prudente esperar um pouco para esta transformação.

Detalhamos aqui algumas das principais etapas para que você entenda quanto custa formatar uma franquia, além de algumas informações sobre cada uma delas.

Processos de análise de franqueabilidade

Para a empresa transformar seu modelo de negócio em franquias, ela deve analisar se o seu tipo de empreendimento é franqueável.

Logo, nesta análise de franqueabilidade, a empresa deve estudar suas operações e seus modos de produção para saber se eles podem ser replicados em unidades de franquias.

Sendo assim, pode ser necessário adaptar algumas etapas de produção dos produtos e serviços, bem como a gestão da empresa para este novo modelo de negócio.

Ainda neste processo, a empresa elabora um estudo da viabilidade financeira para uma franquia da empresa. Ou seja, se o novo negócio pode ser lucrativo para a marca e também para os futuros franqueados.

Todo este processo custa no mercado, em média, R$ 20 mil, contando com o registro e transferência do know-how, padronização dos processos e organização da empresa. Some a isso mais R$ 6 mil pela análise de franqueabilidade.

Todavia, os valores podem se alterar dependendo do tipo de negócio, das necessidades de mudanças e do tamanho da empresa. Seja como for, esse processo continua sendo fundamental para o novo negócio.

Abaixo, separamos um ebook para lhe ajudar a entender porque uma franquia é uma boa opção. Acesse!

ebook franquia é uma boa opção?

Elaboração de documentos

Advertisement

A etapa de elaboração de documentos é importante, pois a franquia deve estar de acordo com a Lei de Franquias (Lei nº 13.966/19). Segundo a norma, existem alguns documentos e informações obrigatórias que a empresa deve repassar aos interessados.

Um destes documentos é a Circular de Oferta de Franquia (COF), que deve conter o balancete financeiro da empresa e os investimentos necessários para abrir uma unidade da franquia.

Ainda na COF, devem constar os direitos e deveres da franqueadora e dos franqueados, assim como o suporte que será dado para cada unidade.

Este documento deve ser bem redigido, de forma clara e objetiva, pois ele pode servir como um pré-contrato. Ele também serve para demonstrar ao empreendedor como o seu modelo de negócio é interessante.

Para a elaboração destes documentos específicos, bem como as demais alterações de contabilidade, os valores cobrados custam em média R$ 9,2 mil.

Por fim, a empresa deve fazer a proteção de marca junto ao Instituto Nacional de Proteção Intelectual (INPI), que custa cerca de R$ 2 mil. Dessa forma, somente a empresa poderá usar a marca de maneira exclusiva.

Equipe da franqueadora

Com a expansão do negócio e a necessidade de ter uma equipe para lidar com a venda de franquias, a empresa deve investir em funcionários.

A expansão das unidades exige pessoas para dar consultoria e suporte para os franqueados. Sendo assim, a difusão do negócio traz a necessidade de funcionários, bem como de uma infraestrutura.

O gasto com o pessoal pode variar de acordo com a região, os salários que se paga, bem como o serviço desenvolvido por cada um/a.

Estima-se que cada funcionário deve receber por volta de R$ 2,8 mil, já com os encargos trabalhistas. Cada posto de trabalho novo demanda um investimento de cerca de R$ 2 mil em infraestrutura (mesa, cadeira, computador, etc).

Imagem de pessoas trabalhando em um escritório de telemarketing (imagem ilustrativa). Texto: quanto custa formatar uma franquia.
Os colaboradores da empresa são parte importante no processo de franqueamento.

Estratégias de marketing para expansão

Um dos gastos que nem sempre se leva em conta quando se pensa quanto custa formatar uma franquia é com o marketing.

A princípio, para que a empresa possa investir em propaganda, ela deve ter um plano de expansão para orientar suas ações. Para isso, ela deve desembolsar cerca de R$ 6 mil.

As ações de marketing são voltadas para duas frentes: uma é a produção de um material de divulgação da marca, do processo pelo qual ela está passando, e outra para o seu modelo de franquia.

Esta etapa de produção de marketing custa por volta de R$ 4 mil e inclui adequação do site, banners, displays, peças para mídias sociais, apresentações para interessados, fotos, vídeos, etc.

Um trabalho mensal de propaganda também será fundamental, com produção de conteúdos para sites especializados e as mídias sociais da marca. Este valor fica em R$ 2,5 mil por mês.

Consultoria para formatação da franquia

Como vimos, para um empresa entrar para o sistema de franquias, é exigido um bom investimento. Isso levando em conta que não falamos de todas as etapas, nem de todos os custos.

Mas esse processo pode ficar mais simples se você contratar uma consultoria especializada. Com ela, tudo vai correr mais rápido e de forma profissional.

Contar com uma ajuda especializada faz com que nenhum detalhe do processo passe despercebido. Com isso, a empresa vai poder oferecer um modelo de negócio confiável e muito mais seguro!

Antes de continuar, confira abaixo um vídeo com tudo sobre o processo de formatação de franquias.

Para este processo de formatação de franquias você pode contar com a NX Franquias, empresa especializada em expansão de marcas.

Ela é uma extensão do grupo Encontre Sua Franquia, holding que conta com sete marcas em seu portfólio e mais de mil franqueados.

O grupo aproveitou toda sua expertise para criar a NX Franquias e assim poder auxiliar outras marcas com este processo de formatação. A empresa conta com consultores especializados para auxiliar com a burocracia dos processos, bem como as questões de franqueabilidade.

Do mesmo modo, a NX Franquias conta com projetos para divulgação das marcas, como as Feiras de Franquias virtuais e presenciais. Estas últimas com encontros pré-marcados entre franqueadoras e empreendedores interessados.

Ainda ligados à NX Franquias, temos o site Top Franquias e o canal do presidente do grupo Encontre Sua Franquia, Henrique Mol, no YouTube. Mol é um empreendedor com vasta experiência e figura de peso neste universo.

Tanto o site quanto o canal no YouTube são ferramentas voltadas para a divulgação do empreendedorismo e de marcas em geral, além de tratamento específico para as marcas parceiras.

Vantagens de transformar empresa em franquia

Além de saber quanto custa formatar uma franquia, você deve querer conhecer as vantagens deste processo para a sua empresa, certo?

Elencamos aqui pontos desta mudança que podem impactar positivamente o seu negócio.

Expansão do negócio

A empresa que se transforma numa franquia possibilita uma grande expansão da marca e do empreendimento.

Com este modelo, a empresa torna os franqueados os responsáveis pelos investimentos nas unidades. Assim, ela assume menos riscos e ainda expande os negócios.

Pois criar novas sedes da empresa demanda elevados investimentos e gerentes de confiança para lidar com o negócio. Com franquias, cada franqueado é responsável pela gestão da sua unidade.

Nesse sentido, se o modelo for rentável para os franqueados, os interessados em comprar uma franquia se multiplicarão. Com isso, as possibilidades de expansão da empresa se elevam, podendo chegar cada vez mais longe.

Imagem de um organograma com quadrados envolta de uma retângulo com setas apontando para eles (imagem ilustrativa). Texto: quanto custa formatar uma franquia.
As unidades da marca se espalham, atingindo públicos cada vez maiores.

Negociação com fornecedores

Com a expansão do negócio, a empresa passa a necessitar cada vez mais de matérias-primas e insumos adquiridos de fornecedores.

Nesse sentido, aumentando os pedidos, a empresa passa a abrir melhores negociações, seja na questão do valor ou tempo de pagamento.

A empresa se fortalece para negociar melhores condições, podendo chegar ao ponto de propor uma parceria de exclusividade. Com isso, o fornecedor também se fortalece pois evita ficar com estoque parado.

Uma marca forte faz com que fornecedores queiram se associar a ela e, com isso, ganhar visibilidade. Este trunfo melhora ainda mais as negociações para a marca de franquia.

Reconhecimento da marca

A expansão do negócio depois de transforma-lo em uma franquia também pode aumentar o reconhecimento da marca junto aos consumidores.

Quando várias unidades começam a se instalar em diferentes pontos, a marca começa a ficar mais conhecida fora da região que atuava inicialmente.

Da mesma forma, cada unidade capta clientes em sua região. Esse aumento do mercado consumidor da empresa também a fortalece.

O trabalho de reconhecimento também passa pelas ações de marketing que são feitas pela franqueadora ao longo do tempo. Ela começa a ser vista em mais canais de comunicação e por mais pessoas.

Do mesmo modo, se mais unidades são instaladas, este processo passa a impressão de que a marca possui qualidade em seus produtos e/ou serviços.

Portanto, a franquia entra em um ciclo virtuoso de quanto mais unidades abrir, mais as pessoas notarão sua presença no mercado. Assim, a marca se fortalece e se torna mais reconhecida.

Estratégias amplas de marketing

Quando o empreendedor transforma sua empresa em franquia, ele passa a atuar em um mercado muito amplo que é o de franchising.

Se antes ele buscava fazer uma publicidade em busca de clientes, agora seu marketing também deve ser voltado para empreendedores que querem abrir o próprio negócio.

Nesse sentido, a empresa pode aproveitar diversos meios para se difundir, como a participação em feiras, sites especializados em empreendedorismo ou mídias sociais.

As estratégias de marketing são amplas, e por isso, necessitam de um trabalho especializado. Assim a marca não apenas mantém os seus clientes anteriores, como sai em busca de novos consumidores.

Da mesma forma, que o marketing seja capaz de atrair novos empreendedores, demonstrando para eles como o seu modelo de negócio é vantajoso.

Enfim, quando fizer as contas de quanto custa formatar uma franquia, e em contrapartida analisar todas as vantagens desse processo, certamente o saldo será positivo.

Por isso, é preciso investir em uma consultoria para auxiliar neste processo para que ele seja feito da melhor maneira possível.

Se estiver interessado em formatar sua franquia, entre em contato com a NX Franquias pelo link abaixo!

Advertisement
Advertisement