Quer investir em vestuário? Confira opções de franquias de roupas

Por
em
cabides com roupas em loja ilustrativo franquias de roupas
Advertisement

O mercado da moda vem crescendo a cada ano e a previsão é que esse avanço não pare tão cedo. Esse movimento também impulsiona as franquias de roupas, o segundo maior setor do Brasil em número de unidades.

Com o crescimento nas vendas on-line, principalmente no Brasil, as expectativas para o futuro são grandes. Só entre janeiro e março de 2021, o e-commerce de Moda faturou cerca de R$ 134 milhões, volume 244% maior de pedidos, de acordo com a Nuvemshop.

Com a retomada, mesmo que modesta, da confiança do mercado no Brasil, o poder de compra da população é afetado positivamente, além de dar mais oportunidades para a abertura de novos empreendimentos. 

Segundo relatório da Associação Brasileira de Franchising (ABF), mesmo afetado pela pandemia, o setor de lucrou cerca de R$ 19 bilhões.

Quer saber mais sobre as vantagens e quais as melhores franquias do setor de vestuário? Siga a leitura com a gente!

Quais as vantagens das franquias de roupas?

Como a moda está em constante mudança, pessoas sempre buscam novas peças de vestuário. Por propiciar uma relação mais duradoura entre as partes, suas chances de obter lucros maiores e uma rentabilidade mais atrativa são maiores.

O empresário que decidir por franquias de roupas também sai na frente em alguns pontos. Por exemplo: não é necessário se antecipar às tendência, pois esse trabalho é feito pela franqueadora por meio das suas coleções.

31 franquias de roupas para investir

Antes de pensar a qual das franquias de roupas se associar, defina em qual segmento você desejar atuar. É possível atuar com público masculino, feminino, infantil, moda íntima ou todos eles.

Cada franquia tem seu público e comportamento específico. Observe quais as possibilidades de negócio elas oferecem e qual se encaixa melhor no orçamento separado para esse investimento.

Com tudo planejado e bem avaliado, será hora de escolher a melhor entre as franquias de roupas para investir. Separamos várias opções abaixo. Acompanhe!

1. Mardelle

Vemos algumas prateleira da Mardelle com alguns modelos de sutiãs (imagem ilustrativa).
A Mardelle é uma das marcas mais conceituadas no segmento de moda íntima.

A Mardelle é uma empresa focada em moda íntima. Natural de Minas Gerais, a marca está há 25 anos atuando no segmento, e já se tornou uma referência de qualidade e conforto para o cliente.

Segundo a revista Pequenas Empresas & Grandes Negócios, para driblar as dificuldades com a pandemia, a Mardelle passou a investir em abordagens digitais. Assim, a rede conseguiu aumentar seu faturamento em 30%.

Com um valor de investimento atrativo, ela atua com todas as linhas de roupas: feminina, masculina, noite, infantil e maternidade.

  • Investimento inicial: a partir de R$ 206 mil
  • Faturamento médio mensal: até R$ 80 mil
  • Prazo de retorno: entre 18 e 24 meses

As lojas de rua da Mardelle têm cerca de 25 m². Esse espaço e sua vitrine têm um visual que chamam a atenção de quem passa em frente à unidade.

Já uma loja de shopping da Mardelle conta com uma grande vitrine para exposição de seus produtos e atração dos clientes. Seu tamanho médio fica entre 40 m² e 45 m².

Acompanhe o vídeo a seguir para entender mais sobre as vantagens de entrar para o mercado de moda íntima e a marca Mardelle.

2. Litoraneus UV

Advertisement

A Litoraneus UV é uma marca inovadora que está presente no Brasil desde 2010. O seu foco é a comercialização de roupas e acessórios que cuidam da pele contra os raios solares. O Fator de Proteção Ultravioleta (FPU) em suas camisas é +50.

Essa franquia de roupas conta com três modelos de unidade, sendo eles: quiosque, contêiner e loja. Todas as opções podem ser abertas em centros comerciais ou ruas com bom fluxo de pessoas.  

  • Investimento inicial: a partir de R$ 50 mil
  • Rentabilidade média mensal: a partir de 15%
  • Prazo de retorno: entre 12 e 24 meses

3. New Era 

Presente no Brasil desde 2015, a New Era é uma marca norte-americana famosa pela confecção de bonés e um lifestyle ligado ao mundo dos esportes. 

As roupas confeccionadas pelas marca (camisetas, moletons, jaquetas e bermudas), atendem a todos os tipos de públicos. 

São dois modelos de unidade: quiosques ou lojas. Porém, seu objetivo é a instalação de empreendimentos em shoppings. 

  • Investimento inicial: a partir de R$ 75 mil
  • Faturamento médio mensal: até R$ 90 mil
  • Prazo de retorno: entre 24 e 36 meses

4. Fatto a Mano

No mercado desde 1987, a Fatto a Mano é uma empresa natural da cidade de São Paulo. Ela é famosa por comercializar camisas com detalhamento e acabamento de alfaiataria.

Buscando aumentar sua representatividade no Brasil, a marca agora oferece o modelo de quiosque. Até então, a única opção era loja física com área mínima de 50 m². Voltada para o público masculino, ela tem os seguintes valores iniciais: 

  • Investimento inicial: a partir de R$ 75 mil
  • Faturamento médio mensal: até R$ 70 mil
  • Prazo de retorno: entre 18 e 36 meses

5. Lilica & Tigor

Tendo o infantil como público-alvo, a franquia de roupas Lilica & Tigor é uma das referências em moda para crianças entre zero e 10 anos. O nome da loja se baseia em dois personagens que estão sempre presente nos modelos e transmitem os valores da marca. 

Ela tenta passar em suas coleções estilos como esportes radicais, cinema, diversão em geral, música e games.

A marca, que faz parte do clube Marisol, só atua em centros comerciais e conta com mais de 100 unidades espalhadas pelo Brasil e mundo.

  • Investimento inicial: a partir de R$ 330 mil
  • Rentabilidade ou faturamento médio mensal: não divulgado
  • Prazo de retorno: entre 18 e 36 meses

6. Rabusch

Especializada em moda feminina, a Rabusch é uma empresa com mais de 30 anos e natural de Porto Alegre, Rio Grande do Sul. Ela investe constantemente na criação e desenvolvimento de produtos que acompanham a tendência da moda. 

A marca atua apenas com lojas físicas com tamanho mínimo de 50 m². 

  • Investimento inicial: a partir de R$ 340 mil
  • Rentabilidade média mensal: 15%
  • Prazo de retorno: entre 24 e 36 meses

7. Hering Store

Fundada há aproximadamente 140 anos, a Hering é uma das marcas brasileiras mais lembradas quando se trata de vestuário. De Blumenau, Santa Catarina, a empresa tem no lifestyle casual o diferencial para continuar dominando o mercado de franquias de roupas. 

A empresa exige um espaço entre 50 m² e 180 m² e um quadro de funcionários que pode chegar a até 40 colaboradores. Atualmente, são quase 600 unidades espalhadas pelo Brasil e mundo. 

  • Investimento inicial: a partir de R$ 320 mil
  • Rentabilidade ou faturamento médio mensal: não informado
  • Prazo de retorno: entre 24 e 48 meses

8. Lápis de Cor

Se o seu objetivo é abrir um empreendimento voltado para o público infantil de zero a 14 anos, a Lápis de Cor é uma das grandes marcas voltadas para essa faixa etária. Atuando desde 1982, a empresa carioca confecciona roupas para públicos das faixas A, B e C. 

O foco da empresa são os centros comerciais e lojas em bairros. 

  • Investimento inicial: a partir de R$ 202 mil
  • Faturamento médio mensal: até R$ 55 mil
  • Prazo de retorno: entre 24 e 36 meses

9. Mr. Kitsch

Com uma coleção de camisas estilosas, padrão de qualidade elevado e focada no público masculino, a Mr. Kitsch é uma referência quando se trata de moda casual e social. Seu mix de produtos conta também com calçados, cintos, bonés e outros. 

Com modelo de franquias de roupas voltado apenas para lojas físicas, o seu objetivo é oferecer elegância e conforto para seus consumidores. 

  • Investimento inicial: a partir de R$ 550 mil
  • Faturamento médio mensal: até R$110 mil
  • Prazo de retorno: entre 24 e 48 meses

10. My Place

Vemos vários manequins femininos expostos em uma vitrine de loja (imagem ilustrativa). Texto: franquias de roupas.
Voltada para o mercado feminino, a marca aposta no conceito de fast-fashion.

A marca carioca My Place já é vista pelo consumidor como uma referência no universo de fast-fashion. Já são mais de 10 anos de tradição em moda feminina.

Seus produtos são desenvolvidos para ter um ciclo de vida mais curto do que os demais. Ela atua tanto com lifestyle praia e fitness, quanto no casual.

Por enquanto, o foco da empresa é oferecer unidades para atuar em centros comerciais, como shoppings.

  • Investimento inicial: a partir de R$ 290 mil
  • Rentabilidade ou faturamento médio mensal: a partir de R$ 70 mil
  • Prazo de retorno: entre 24 e 36 meses

11. Outlet Lingerie

A rede de lojas especializada em lingerie tem como proposta atrair o público por meio dos seus preços de outlet, podendo oferecer desconto de até 70%. São diversas marcas trabalhando com a empresa. 

Desde 2008 no mercado e natural da cidade de São Paulo, a Outlet Lingerie busca montar uma rede apenas com lojas físicas.

  • Investimento inicial: a partir de R$ 235 mil
  • Faturamento médio mensal: a partir de R$ 70 mil
  • Prazo de retorno: entre 24 e 36 meses

12. Container Concept

A franquia Container Concept foi criada em 2008 e trouxe para o mercado um conceito diferente de loja. 

Utilizando um contêiner, a marca oferece roupas de marcas internacionais e proporciona uma experiência diferente para seus consumidores. Seu público-alvo são os jovens. 

Esse novo formato de loja proporciona economia e visibilidade para o empreendimento. Os contêineres estão presentes tanto em centros comerciais, quanto em ruas de bairro.

  • Investimento inicial: a partir de R$ 209 mil
  • Faturamento médio mensal: a partir de R$70 mil
  • Prazo de retorno: entre 12 e 36 meses

13. Tip Top

Mais uma opção para o público infantil, a Tip Top abrange a maior faixa etária dentre as concorrentes. Seu vestuário serve para crianças de zero a adolescentes de 16 anos. 

Natural da cidade de São Paulo, a marca se tornou uma das maiores fabricantes de roupas de bebê e infantil do Brasil.

A empresa trabalha com dois tipos de modelos de franquia. A Loja Convencional, com roupas, calçados e acessórios, e a Mega Store, que também oferece outros equipamentos, como carrinhos de bebê.

  • Investimento inicial: a partir de R$ 422 mil
  • Faturamento médio mensal: a partir de R$ 70 mil
  • Prazo de retorno: entre 30 e 36 meses

14. Piticas

A Piticas é uma marca conhecida por suas blusas divertidas, que possuem referências aos quadrinhos, cinema, música e games. Ela foi desenvolvida em 2010, e hoje possui mais de 80 franqueados. 

A marca atua com três modelos de franquia. Um para shoppings e aeroportos; quiosques direcionados para centros comerciais, galerias, hipermercados, entre outros; e, por fim, a loja de rua, voltada para locais com grande movimentação de pedestres.

  • Investimento inicial: a partir de R$ 120 mil
  • Faturamento médio mensal: a partir de R$35 mil
  • Prazo de retorno: entre 12 e 18 meses

15. Authentic Feet

Vemos uma mulher com roupas esportivas e fone de ouvido fazendo caminhada (imagem ilustrativa). Texto: franquias de roupas.
Atuar no mercado fitness pode ser uma boa oportunidade para abrir um negócio.

Fundada na cidade de São Paulo, em 1995, a Authentic Feet é uma loja voltada para o público fitness e para quem deseja ingressar nesse estilo de vida. 

Atualmente, ela trabalha com as maiores marcas de roupa esportiva e vem se destacando pelo ambiente descolado de suas unidades. 

O seu modelo de negócio permite apenas unidades em shoppings. São 80 unidades espalhadas pelo Brasil. 

  • Investimento inicial: a partir de R$ 310 mil
  • Faturamento médio mensal: a partir de R$ 180 mil
  • Prazo de retorno: entre 28 e 36 meses

16. Puket

Criada ainda na década de 1980, a Puket tinha como objetivo inicial atuar no mercado de meias. Diante do sucesso, passou a criar sua linha própria de pijamas e outras peças de vestuário. 

Todas as suas unidades fazem parte do modelo de loja oferecido pela marca. 

  • Investimento inicial: a partir de R$ 350 mil
  • Rentabilidade ou faturamento médio mensal: a partir de R$ 2,5 mil/m²
  • Prazo de retorno: entre 24 e 36 meses

17. Zip Náutica

Com mais de 30 anos de mercado, a Zip Náutica é uma marca de roupas voltada para os públicos masculino e infantil.

A principal inspiração para produção do estilo das peças da franquia é o mar e o modo de vida praiano, o que já diferencia a marca das demais do mercado.

Além de roupas, a marca conta com acessórios de moda, como mochilas e bonés.

  • Investimento total: R$ 180 mil
  • Faturamento médio: não informado
  • Prazo de retorno: não informado

18. Elementais

Direto da capital baiana, Salvador, vem uma das empresas de camiseta que mais buscam inovar em suas coleções: a Elementais. Suas roupas chamam atenção pela leveza, cor e estilo. Além de quase 100 modelos novos a cada mês para repor o estoque. 

Desde 2006 no sistema de franchising, a marca atua apenas com lojas físicas. Atualmente, são mais de 20 unidades abertas pelo país. 

  • Investimento inicial: a partir de R$ 260 mil
  • Faturamento médio mensal: R$ 70 mil
  • Prazo de retorno: entre 36 e 48 meses

19. M.Officer

Criada para buscar referências nas raízes brasileiras, a marca M.Officer é uma empresa que começou focada no público feminino. Suas campanhas publicitárias foram responsáveis por lançar talentos como Gisele Bündchen e Isabelli Fontana.

Com o passar dos anos, a empresa incluiu vestuários masculinos em seu catálogo. A qualidade, estilo e o status da marca passaram a consolidá-la como uma das referências da moda nacional. 

O objetivo da sua expansão é abrir lojas em cidades com mais de 200 mil habitantes. O plano é ter lojas em centros comerciais nessas cidades.

  • Investimento inicial: a partir de R$ 350 mil
  • Faturamento médio mensal: R$ 120 mil
  • Prazo de retorno: entre 24 e 36 meses

20. Scala

Criada por uma das maiores indústrias têxteis da América Latina, a Scala veio para trazer mais conforto para o público feminino. Ela atua com apenas três linhas: underwear (roupas íntimas), peças básicas e shapewear (roupas que modelam o corpo).

Para investir na franquia, é preciso uma loja com, no mínimo, 50 m². O modelo de negócio só permite unidades em centros comerciais. 

  • Investimento inicial: a partir de R$ 320 mil
  • Rentabilidade ou faturamento médio mensal: não divulgado
  • Prazo de retorno: entre 24 e 36 meses

Para saber mais sobre qual franquia de roupa investir, baixe nosso e-book com todas as dicas para escolher a que melhor se adapta a sua vontade!

E-book "Em qual franquia investir?"

21. UV.LINE

Criada para produzir roupas que bloqueiam até 98% da radiação solar, a UV.LINE está no mercado desde 2004. Ela se destaca por oferecer vestuários com FPU 30, 40 ou 50+. 

Outro destaque é a tecnologia usada para deixar seus produtos mais leves, macios, sem amassar e gelados, ótima opção para quem pratica esportes. 

A marca só atua com lojas físicas e todas as análises para validar o projeto são feitas pela franqueadora. Porém, a marca possui uma das taxas de royalties mais altas do mercado: 40% do faturamento. 

  • Investimento inicial: a partir de R$ 130 mil
  • Faturamento médio mensal: R$ 80 mil
  • Prazo de retorno: entre 18 e 30 meses

22. Peça Rara 

Um novo conceito de brechó, a Peça Rara surgiu com a intenção de deixar o setor da moda mais sustentável por meio da reutilização de roupas. 

A ideia da marca é melhorar o comportamento social e estimular o compromisso entre colaboradores, clientes e fornecedores.  

Dentre as inovações que ela traz ao mercado, a própria empresa faz a compra das roupas usadas direto da casa do consumidor para doação. O único modelo de negócio utilizado por ela é a unidade física. 

  • Investimento inicial: a partir de R$ 250 mil
  • Rentabilidade média mensal: entre 11% e 17%
  • Prazo de retorno: entre 14 e 20 meses

23. Colcci 

A Colcci é uma das marcas de roupas mais conhecidas do Brasil. A empresa catarinense tem mais de 30 anos e atua fortemente no mercado de roupas para ambos os sexos. 

Ela é figurinha carimbada em eventos como o Fashion Rio, São Paulo Fashion Week e semanas de moda. 

Atuando em mais de 30 países, a empresa também possui linhas exclusivas para a vida fitness e crianças. Só é possível abrir unidades físicas.

  • Investimento inicial: a partir de R$ 685 mil
  • Faturamento médio mensal: R$ 170 mil
  • Prazo de retorno: entre 24 e 36 meses

24. Folic

Atuando apenas com o público feminino, a rede de franquias de roupas Folic surgiu na cidade do Rio de Janeiro, em 1984. Ela busca inspirar mulheres com suas coleções baseadas na movimentação das grandes cidades e na cultura brasileira. Além de buscar investidores que valorizem a mulher. 

Só é possível abrir unidades físicas em cidades com mais de 400 mil habitantes. O foco está em centros comerciais e o espaço deve ter entre 50 m² e 60 m². 

  • Investimento inicial: a partir de R$ 230 mil
  • Faturamento médio mensal: R$ 120 mil
  • Prazo de retorno: entre 10 e 24 meses

25. AD Life Style

Vemos algumas prateleiras de loja com roupas coloridas e organizadas por cor (imagem ilustrativa).
Uma das marcas que oferecem um conceito mais descontraído é a AD Life Style.

Confeccionando suas peças apenas com tecidos naturais, AD Life Style atua tanto para o público masculino, quanto para o feminino. 

Suas roupas carregam um estilo mais descontraído, espontâneo, prático e com atitude. Além de ter uma costura que permite maior liberdade para os movimentos de quem está usando.

As lojas que representam a AD devem ter, no mínimo, 60 m² e a atuação em shoppings é a preferência da marca. 

  • Investimento inicial: a partir de R$ 400 mil
  • Faturamento médio mensal: R$ 80 mil
  • Prazo de retorno: entre 24 e 36 meses

26. Toulon

A Toulon é uma marca que surgiu em Copacabana, na cidade do Rio de Janeiro. Ela associa suas roupas ao estilo casual e cultural que ornam a cidade. 

Essencialmente para o público masculino de todas as idades, ela se tornou uma autoridade no segmento, graças às suas coleções atuais e com preços acessíveis. 

Para os interessados, as unidades físicas devem ter, no mínimo, 50 m² e não podem ultrapassar a marca de 80 m². As demais taxas serão cobradas com base nessa métrica.

  • Investimento inicial: a partir de R$ 350 mil
  • Faturamento médio mensal: R$ 100 mil
  • Prazo de retorno: entre 12 e 24 meses

27. TVZ

São 20 anos de atuação totalmente voltada para o público feminino. Graças a sua capacidade de atender seu público-alvo, a TVZ conseguiu trazer as principais tendências de moda para as mulheres brasileiras. 

A marca conta com mais de 30 unidades espalhadas em 10 estados brasileiros. O seu modelo de negócio só permite a abertura de lojas físicas. 

  • Investimento inicial: a partir de R$ 200 mil
  • Rentabilidade ou faturamento médio mensal: não informado
  • Prazo de retorno: entre 12 e 18 meses

28. Camisetas da Hora

A Camisetas da Hora é uma empresa especializada na venda de peças personalizadas. Essa personalização pode ser feita pelo próprio usuário ou pelo franqueado. Outra possibilidade é comercializar as camisas disponibilizadas pela marca em seu site oficial.

Para investir na franquia, é possível escolher entre dois modelos de negócio. São eles: o Modelo de Revenda On-line e o Modelo Quiosque. 

No caso do Quiosque, não é preciso contar com um estoque físico muito grande. Isso porque a produção das peças é realizada a medida que os consumidores fazem os pedidos. 

  • Investimento inicial: até R$ 25 mil
  • Faturamento médio mensal: R$ 7 mil
  • Prazo de retorno: entre 6 e 12 meses

29. Artwalk

A Artwalk é uma marca focada especialmente em calçados, mas traz também várias opções de vestuário. São camisetas e meias divertidas, além de acessórios e mochilas. 

Marcas famosas, como a Nike, Adidas, Puma e Vans fazem parte do catálogo da franquia. Os produtos têm visual mais descolado.

A marca trabalha com um formulário on-line, que precisa ser preenchido para demonstração de interesse no negócio.

  • Investimento inicial: a partir de R$ 500 mil
  • Faturamento médio mensal: R$ 200 mil
  • Prazo de retorno: entre 28 e 36 meses

30. Casa das Cuecas

Enquanto isso, a Casa das Cuecas, como seu nome sugere, é especializada em roupas íntimas masculinas. Mas não apenas isso: a loja também disponibiliza itens como blusas, bermudas, meias, moda praia, produtos infantis e diversos outros.

Fundada em 1968, a marca ainda comercializa, com exclusividade, os produtos da marca UW.

  • Investimento inicial: a partir de R$ 300 mil
  • Faturamento médio mensal: R$ 120 mil
  • Prazo de retorno: entre 30 e 36 meses

31. Torcedor Esporte Clube

Nossa última sugestão de franquias de roupas é a Torcedor Esporte Clube. Além de camisas e jaquetas de times de futebol, a marca oferece produtos licenciados de cada um, como bonés, mochilas, chuteiras, meias e mais.

  • Investimento inicial: a partir de R$ 100 mil
  • Faturamento médio mensal: R$ 50 mil
  • Prazo de retorno: entre 18 e 36 meses

Hoje, grande parte das opções de franquias de roupas são do modelo loja física. Logo, podemos observar que abrir um negócio desse tipo é uma forma de trabalhar mais próximo dos clientes finais e, assim, compreender melhor as dores deles. 

Torna-se mais simples fidelizá-los e aumentar a lucratividade do negócio. Mas, para ter sucesso, é preciso saber com que tipo de público você deseja trabalhar. Qual a faixa etária e a condição social dele? Além disso, o modelo de franchising oferece diversas opções para atender qualquer desejo do investidor. 

Então, gostou desse conteúdo e quer ficar por dentro de outros tipos de franquias de roupas que podem ajudar você a abrir um negócio?

Assine nossa newsletter e fique por dentro das novidades, análises e pesquisas sobre as melhores franqueadoras!

*Informações publicadas em Julho/2021. Os preços das franquias podem sofrer atualizações. Informe-se com a franqueadora da marca.

Advertisement
Advertisement