O maior Portal de Franquias do Brasil!
Home » Todos Conteúdos » Franchising » O que é um empreendedor franqueado? Vantagens e dicas para empreender com modelo de franquia

O que é um empreendedor franqueado? Vantagens e dicas para empreender com modelo de franquia

Sumário

Entender o que é um empreendedor franqueado é o seu interesse? Saiba que essa é uma opção cada vez mais popular para quem deseja iniciar um negócio próprio. Confira algumas dicas para abrir sua empresa e ter sucesso.

Em dez anos, a taxa de mortalidade das franquias chegou a apenas 15%. Porém, esse número sobe para 75% nos demais negócios que nascem do zero. Assim, as franquias são um modelo de negócio seguro.

Neste contexto, as vantagens de empreender com modelo de franquia incluem a redução de riscos, aumento das chances de sucesso e maior facilidade na gestão do negócio. Confira algumas dicas para empreender com modelo de franquia e ter sucesso. Continue a leitura!

O que quer dizer ser um franqueado?

Ser um franqueado significa ser o proprietário de uma unidade franqueada, que opera sob a marca, modelo de negócio e padrões estabelecidos pela franqueadora.

O franqueado é responsável por investir na franquia, cumprir as obrigações contratuais, gerenciar o negócio e seguir as diretrizes da franqueadora.

Em troca, ele recebe suporte e treinamento da rede, além de se beneficiar do reconhecimento e da reputação da marca no mercado. Portanto, ser um franqueado pode ser uma opção atraente para quem quer empreender, mas prefere contar com a estrutura e o suporte de uma marca consolidada.

O que é um empreendedor franqueado e o que é franqueador?

O empreendedor franqueado é aquele que adquire o direito de usar uma marca consolidada no mercado, com o suporte e expertise da franqueadora em diversas áreas. Por exemplo, marketing, gestão, treinamento e suporte.

Como dito, é responsável pela operação da unidade franqueada, seguindo as normas e padrões estabelecidos pela franqueadora.

Já o franqueador é a empresa ou pessoa que detém os direitos sobre a marca e o modelo de negócio. Ou seja, e que disponibiliza a licença para o empreendedor franqueado usar esses elementos em seu negócio próprio.

O franqueador é responsável por fornecer todo o suporte necessário ao empreendedor franqueado, garantindo a manutenção da qualidade dos produtos e serviços oferecidos pela rede de franquias.

Logo, o franqueador também pode ser responsável pela seleção e treinamento dos empreendedores franqueados. Além de promover o desenvolvimento de novos produtos e serviços, pesquisa de mercado, entre outras atividades estratégicas.

A relação entre franqueador e empreendedor franqueado é baseada em um contrato de franquia, que estabelece as regras e condições para a utilização da marca e do modelo de negócio.

Dessa forma, a franquia pode ser uma alternativa interessante para quem deseja empreender com maior segurança e chances de sucesso no mercado. A seguir, você poderá conhecer as características do empreendedor franqueado. Acompanhe!

Quais as características do empreendedor franqueado?

O perfil inclui características como determinação, foco, iniciativa e capacidade de adaptação. Além disso, é importante que o franqueado tenha habilidades de liderança, capacidade de tomada de decisões e um bom relacionamento interpessoal.

Essas habilidades são essenciais para o sucesso do negócio, pois o franqueado será responsável por gerenciar a unidade e liderar a equipe.

Outras características importantes incluem conhecimento sobre o mercado em que a franquia está inserida, habilidade para lidar com as finanças do negócio e uma mentalidade empreendedora.

O franqueado deve estar sempre em busca de novas oportunidades e ideias para melhorar o desempenho do negócio. Por fim, essas características são fundamentais para garantir o sucesso da franquia e para construir uma relação de confiança entre franqueado e franqueadora.

Vantagens e desvantagens de ser um empreendedor franqueado

Ser um empreendedor franqueado tem suas vantagens e desvantagens. Entre as vantagens estão a possibilidade de empreender com uma marca consolidada. Ainda tem o suporte e expertise da franqueadora, treinamento e orientação, além de um modelo de negócio testado e aprovado.

Outra vantagem é a possibilidade de negociação de preços e condições com fornecedores em conjunto com a rede de franquias.

Por outro lado, as desvantagens incluem o pagamento de taxas e royalties para a franqueadora, a necessidade de seguir as regras e padrões estabelecidos pela franqueadora, pouca flexibilidade na operação do negócio e a dependência do sucesso da marca em nível nacional.

Desse modo, alguns empreendedores franqueados podem sentir-se limitados pela falta de autonomia na tomada de decisões e de criatividade no desenvolvimento do negócio.

Franquias são mais seguras do que negócio próprio

Muitas pessoas consideram investir em uma franquia como uma opção mais segura do que iniciar um negócio próprio. Isso se deve em grande parte à natureza testada e comprovada das franquias.

As marcas oferecem um conjunto de benefícios que podem reduzir os riscos associados à abertura de um novo negócio.

Por exemplo, como você já aprendeu, as franquias já possuem um plano de negócios, produtos e serviços testados e comprovados, e um modelo de operação estabelecido.

Outro benefício é o poder de negociação coletivo dos franqueados com fornecedores, o que geralmente resulta em preços mais baixos para os insumos. Além disso, as franquias possuem uma marca já estabelecida e reconhecida pelo público, o que pode atrair mais clientes.

No entanto, é importante lembrar que o sucesso de uma franquia ainda depende do esforço e dedicação do franqueado.

Embora o modelo de negócio seja mais seguro, é importante fazer uma pesquisa minuciosa antes de investir em uma franquia. Sendo assim, avalie o histórico da marca, as taxas de retorno e os custos associados à operação do negócio.

Por fim, potencialize o seu conhecimento sobre esse modelo de negócio e tenha sucesso. Conte com o curso Franquias: Guia prático para iniciantes. Acesse e saiba mais sobre as aulas.

Em qual franquia vale a pena investir?

Considere o mercado atual. Quais são as tendências? O que está em alta? Por exemplo, no momento, o mercado de Alimentação Saudável e Sustentável tem crescido bastante. Então, uma franquia que se encaixe nessa categoria pode ser uma boa opção.

Por outro lado, como já explicado, é importante avaliar a reputação da franquia. Qual é o histórico da marca? Quais são as avaliações de outros franqueados? É essencial fazer uma pesquisa minuciosa antes de tomar uma decisão.

Outro ponto importante é o suporte oferecido pela franquia. Isso porque, um bom suporte pode ajudar a garantir o sucesso do negócio. Por isso, entenda se a marca oferece treinamentos, assistência técnica, marketing e outras formas de apoio.

Por fim, é fundamental fazer uma análise financeira detalhada. Para isso, saiba mais sobre o investimento inicial, as taxas de royalties e a estimativa de retorno sobre o investimento. Agora que você está por dentro do assunto, abra o seu negócio de sucesso e ganhe dinheiro.

Acompanhe o mercado
A mais lidas hoje