O maior Portal de Franquias do Brasil!
Home » Todos Conteúdos » Franchising » Como funciona a franquia? Vale a pena investir em uma? Confira aqui!

Como funciona a franquia? Vale a pena investir em uma? Confira aqui!

Sumário

Quer investir em uma franquia? Para ter mais chance de sucesso, você precisa saber como funciona a franquia e tudo sobre esse modelo de negócio, como vamos apresentar neste conteúdo.

Afinal, essa pode ser, sim, uma ótima opção. Para se ter uma ideia, o faturamento das franquias no Brasil aumentou de R$ 167,1 bilhões em 2020 para R$ 185 bilhões em 2021.

Além de ler bastante, você pode participar das feiras de franquias para entender mais sobre esse modelo de negócio e avaliar o mercado. A seguir, acompanhe para entender como funciona a franquia!

Clique, conheça e compare FRANQUIAS LUCRATIVAS. Acesse!

Afinal, como funciona a franquia?

O modelo de franquia é uma opção em que o investidor abre uma nova unidade de um negócio que já existe no mercado. Com a mesma marca, os mesmos produtos, modo de fazer etc.

Abrir uma franquia tem sido uma opção comum para pessoas que querem empreender de um jeito mais simples. Até porque, começar um negócio do zero pode levar muito mais tempo e dinheiro.

Por outro lado, as franquias já são conhecidas e têm uma estrutura que deu certo. Basta seguir a sua padronização para ter resultados no negócio.

Aliás, todo o modelo da franquia gira em torno da padronização. Isso porque, a intenção de uma franquia é proporcionar ao cliente a mesma experiência em todas as unidades. Seja ela no centro da cidade, no meio rural, em no Rio de Janeiro ou em Minas Gerais.

As franquias são um ótimo negócio para quem quer ganhar dinheiro de uma forma mais assertiva. Ela é uma via de mão dupla e beneficia o franqueado e o franqueador. Isso já que, enquanto o franqueado usa a marca e todos os benefícios que ela traz, o franqueador deixa o negócio mais conhecido.

Vantagens do modelo de franquia

Para entender melhor como funciona uma franquia, você precisa saber primeiro todas as vantagens que ela oferece para você. Porque é por isso que os investidores se interessam por esse modelo de negócio: pelos benefícios e facilidades que ele proporciona.

Em uma franquia, muitas coisas já vão estar definidas. Como a estrutura do local, o que é algo muito bom, porque você só vai precisar montar e usufruir dela, sem precisar de um projeto do zero.

CURSO Guia Prático Sobre Franquias. Clique e confira o conteúdo completo sobre o franchising no Brasil, como investir e como faturar!

Outro ponto interessante das franquias é que tudo que você vai usar já foi testado e comprovado que deu certo. Logo, seu cliente tende a gostar do que você vai oferecer, porque outros já aprovaram o modo de fazer da marca.

Além disso, as franquias já vêm com estratégias de marketing pensadas. É algo que facilita a divulgação da unidade, para facilitar a atração de consumidores para seu negócio.

O baixo risco de falência e resolução de problemas de uma forma mais assertiva é também um ótimo beneficio. A marca está no mercado há certo tempo, já passou por algumas crises e vai saber orientar e ajudar você a resolver problemas.

Inclusive, as redes oferecem suporte completo aos seus franqueados. Com dicas em tudo que falamos até aqui, e também comerciais, para contratação de profissionais, dia a dia etc. Assim, caso tenha qualquer dúvida, você poderá perguntar a quem já sabe o que fazer: a franqueadora.

Desempenho do franchising no Brasil

Para entender como funciona a franquia, também vale a pena avaliar o crescimento desse tipo de negócio no Brasil.

Banner ProResultado consultoria. Clique e confira!

Por exemplo: só em 2021, o faturamento do franchising teve crescimento de 10,7% em relação ao ano anterior. Em relação ao número de unidades, a subida foi de 9,1%.

Alguns setores se destacam neste mercado. O de Alimentação – Foodservice faturou R$ 32,7 bilhões; o de Saúde, Beleza e Bem-estar, R$ 38,9 bilhões; e o de Serviços e outros negócios, R$ 29,5 bilhões.

Já o número de redes de franquias no mercado subiu para 2.882 e o país fechou o ano com 170.999 unidades de franquias abertas.

Qual a diferença entre o franqueado e franqueadora?

Para entender como funciona as franquias, é fundamental saber diferenciar quem é franqueador e quem é o franqueado.

As duas partes participam ativamente do franchising e uma depende da outra. De um lado há a dona da marca, que é a franqueadora. Do outro lado está o investidor, que é o franqueado.

Banner Totall Marcas. Clique para conferir os serviços!

O bom relacionamento dos dois é de extrema importância. Afinal, para que o negócio funcione da forma correta, ambos têm que se ajudar. O franqueador dá todo suporte para que a franquia funcione, mas quem bota mesmo a mão na massa é o dono da unidade.

Assim, esse tipo de parceria exige o respeito às regras e às responsabilidades de cada parte. Essas exigências vão desde seguir a padronização, até tirar dúvidas e também manter o treinamento em dia.

Quem pode ter uma franquia?

Para entender como funciona a franquia, é preciso você saber que não existe um perfil certo para ter uma franquia, nem a proibição de um perfil. Existem muitas marcas de franquia no mercado, e cada uma delas espera que seu franqueado tenha características diferentes.

O ideal é escolher uma franquia que esteja dentro do seu perfil de investidor. Ou seja, você precisa saber quanto pode realmente investir.

Para isso, coloque na ponta do lápis sua renda atual, quais suas despesas e quanto você tem guardado. Verifique, ainda, se seria possível você fazer um empréstimo. Assim, você vai saber melhor quanto pode aplicar.

MJG SOLUÇÕES EM ENGENHARIA. Clique e saiba como contratar essa empresa conceituada!

Outro ponto importante é escolher algo de que você goste. Você terá que se dedicar muito ao negócio, e ter sinergia com ele facilita manter o entusiasmo.

Na maior parte das vezes, você não precisará sequer ter experiência no ramo, pois as franqueadoras não costumam exigir isso.

Dessa forma, uma franquia é um modelo de negócio vantajoso até para quem quer mudar de área profissional. Isso já que a franqueadora vai prestar todo o treinamento que você precisa para trabalhar.

Entenda o que é a COF

A Circular de Oferta da Franquia é um documento que deve ser feito pelo franqueador para apresentar todas as condições gerais do negócio ao franqueado. Ele lista os aspectos legais da marca, os deveres e responsabilidades de ambas as partes (franqueador e franqueado).

A COF é escrita de uma forma clara, para que todos os envolvidos entendam os deveres de cada um no contrato e com a franquia.

FOCO MARKETING. Clique e acesse para saber como faturar com o seu negócio fazendo ações de marketing!

A legislação exige que a COF seja entregue ao futuro franqueado com, pelo menos, 10 dias de antecedência da assinatura do contrato. Isso porque, o franqueado precisa ler e avaliar a proposta, entender todos os riscos e benefícios antes de fechar negócio.

Devem estar presentes na documentação, segundo a lei brasileira, os balanços financeiros, os valores de taxas, o investimento inicial, layout, suporte oferecido pela franqueadora etc.

Leia tudo e avalie cada aspecto, de verdade. Assim, você vai saber exatamente onde está entrando, como vai fazer para guiar esse modelo de negócio etc.

Quais os principais pontos da Lei de Franquias?

A legislação para as franquias é de extrema importância e traz muitos benefícios para o franqueado e para o franqueador.

A Lei de Franquia foi criada pelo presidente Itamar Franco em 1994 e atualizada em 2020.

CONHEÇA AS SOLUÇÕES DA DOTS HUNTERS PARA FRANQUEADORAS! Clique aqui!

Uma das suas principais regras diz que todos os contratos de franqueados têm que estar em português, mesmo que sejam feitos com marcas estrangeiras. Além disso, o franqueador tem que fornecer ao investidor a COF, escrita em português, de forma objetiva e acessível.

A Lei também destaca que, na COF e no contrato, devem aparecer bem claras as regras de concorrência entre franqueados e unidades próprias. Assim como as regras de transferência e sucessão de franquias.

Para saber mais sobre a Lei de Franquias, você pode lê-la, clicando aqui.

Segmentos do franchising

Existem 11 segmentos que compõem o mercado de franquias, segundo a ABF (Associação Brasileira de Franchising). O primeiro deles é o de Alimentação, que inclui bares, mercados, padarias, açaiterias etc.

Já o ramo de Casa e Construção inclui reformas, artigos para o lar, construção, imobiliárias, manutenção e de móveis. Tem também o de Comunicação, Informática e Eletrônicos, que engloba, além do que seu nome diz, serviços de gráficos e livrarias.

CONHEÇA AS SOLUÇÕES DA SULTS PARA FRANQUEADORAS! Clique aqui!

Enquanto isso, as franquias de Entretenimento e Lazer são as que trabalham com brinquedos, serviços de entretenimento e outros.

No de Hotelaria e Turismo estão as agências de turismo, intercâmbio, viagens, hospedagens como hotéis e pousadas, e mais. No de Limpeza e Conservação, serviços de limpeza e de reparos, além de lavanderias.

Já o setor de Moda trabalha com acessórios pessoais, calçados e vestuário. O de Saúde, Beleza e Bem-estar tem serviços do ramo de perfumaria, cuidados pessoais, esportes etc.

Serviços Automotivos, por sua vez, prestam atendimentos e produtos de manutenção e limpeza para os mais variados tipos de automóveis.

Por último, há o ramo de Serviços e Outros Negócios, que tem as consultorias, seguros, serviços administrativos e de logística; e os Serviços Educacionais, como escolas, aulas de idiomas e outros.

Para saber mais sobre o que é franquia, você pode acompanhar o vídeo a seguir.

Agora que você já sabe como funciona a franquia, continue lendo e veja quais são as franquias baratas e rentáveis para você investir.

Acompanhe o mercado
A mais lidas hoje