O que é empreendedorismo na prática? 7 coisas mais importantes que você precisa saber

Por
em
Imagem de um homem sorrindo com cara de quem teve uma boa ideia. Imagem ilustrativa texto empreendedorismo na prática.
Advertisement

Iniciar o próprio negócio é algo complexo e o empreendedorismo na prática exige cuidado e atenção. Veja aqui alguns pontos importantes para quem busca entrar na jornada do negócio próprio.

Segundo o IBGE, 21% das empresas fecham após o primeiro ano e 60% encerram suas atividades com menos de cinco anos. Isso mostra o quanto o empreendedor deve tomar cuidado neste processo.

Desta forma, separamos alguns aspectos ligados ao empreendedorismo na prática que merecem atenção do investidor.

1. O que é empreendedorismo na prática?

O empreendedorismo tem a ver com a busca por inovações, por criar soluções para os problemas. Está relacionado na prática à maneira de iniciar uma nova empresa. Para isso, é preciso pensar em vários aspectos do negócio.

Da mesma forma, pessoas que apresentam algo novo costumam ser proativas em suas atividades do dia a dia.

O empreendedorismo na prática acontece ao iniciar um negócio do zero. Para isso, deve-se pensar na estrutura, no plano de negócio e no planejamento financeiro do novo empreendimento.

Contudo, pode ser praticado por um funcionário de uma empresa, que apresenta soluções inovadoras para os processos internos e as etapas do negócio.

Neste sentido, ele pode demonstrar aplicabilidade prática imediata, preenchendo uma lacuna interna.

Além disso, existem vários tipos de empreendedores. Por exemplo, o individual, o social, o informal, entre outros. São pessoas que realizam, de diferentes formas, o empreendedorismo no dia a dia.

2. Como praticar o empreendedorismo?

Conforme falamos, existem vários tipos de empreendedores e várias maneiras de fazer este processo. Pode ser no seu dia a dia, na sua casa, quando você inova em algo para solucionar um problema.

Da mesma forma, o empreendedorismo pode ser apresentar uma solução para o seu chefe, algo que irá facilitar a vida da empresa e de seus colaboradores.

Imagem de várias pessoas trabalhando em volta de uma mesa com computadores e papeis. Imagem ilustrativa texto empreendedorismo na prática.
Empreender é um processo que exige bastante pesquisa e planejamento.

Contudo, o empreendedor pode ser alguém que inicia um negócio. E para isso, existem diversas formas.

Ele pode começar um negócio sozinho ou com ideias de outras pessoas. Ou então pode empreender em dupla, trio, grupo ou até mesmo em uma cooperativa, licenciamento ou franquia.

Do mesmo modo, existem os empreendedores sociais. Seus negócios são menos voltados para o lucro e mais para realização de impactos positivos na sociedade.

Na prática, para todos estes processos, o empreendedor deverá investir na sua criatividade e inquietude em relação aos problemas.

Ainda, deve ser uma pessoa estratégica, avaliar bem seu planejamento e, antes de tudo, precisa ter iniciativa, sempre.

Empreendedores surgem todos os dias no mercado de trabalho. Contudo, para fazer um novo negócio dar certo, diversos fatores devem ser levados em consideração.

O empreendedorismo na prática é um processo complexo, mas pode apresentar formas mais fáceis como mostraremos a seguir.

3. Como ser um empreendedor?

Quando o empreendedorismo está ligado ao início de um negócio, é possível fazer começando uma empresa do zero ou abrindo uma franquia.

Para começar uma empresa, é necessário uma série de cuidados, do contrário, ela acaba entrando para as estatísticas que citamos acima, de fechamento.

Isso pode acontecer por falta de planejamento, por exemplo. Não ter um plano de negócio e não se planejar financeiramente pode prejudicar um sonho desde o início.

Ainda, avaliar mal o mercado ou a região de atuação, investindo em um negócio saturado ou sem nenhum diferencial em relação aos concorrentes.

Outra forma de empreender é investir em uma franquia. Este modelo de negócio possui uma estrutura preestabelecida e uma marca reconhecida no mercado.

Assim, seus produtos ou serviços foram testados e aprovados pelos consumidores. E ainda, conta com um know-how da franqueadora que ajuda a pular etapas no processo de empreendedorismo.

Imagem de um quadro com diversos post-it com coisas a fazer. Imagem ilustrativa texto empreendedorismo na prática.
É bom colocar as ideias em um papel ou em quadro para se orientar no processo de empreender.

Nesse sentido, ao se tornar parceiro da franquia, o franqueado sabe quanto terá de gastar para a implantação e manutenção do negócio.

Do mesmo modo, o franqueado recebe a Circular de Oferta de Franquia (COF). O documento apresenta detalhes do negócio, os suportes oferecidos pela franqueadora, além de outras informações importantes.

Com isso, é possível se programar na parte financeira. O empreendedor ainda recebe treinamentos para fazer a gestão do negócio e o trabalho de marketing da unidade. Estes suportes fazem com que o modelo de franquias seja atrativo para empreendedores sem experiência.

Contudo, como se trata de um mercado amplo, é preciso pesquisar os tipos de negócios que melhor se encaixam ao seu perfil e suas possibilidades. Assim, será possível evitar que você dê um “passo maior que as pernas”.

4. Características de um empreendedor de sucesso

Como falamos anteriormente, o empreendedor deve ser uma pessoa proativa. Além disso, precisa buscar soluções e não esperar que outras pessoas apresentem um direcionamento para o negócio.

Na maioria das vezes, o empreendedor é uma pessoa inquieta, que avalia sempre o que pode ser feito para melhorar diversas situações do dia a dia. Ele ainda enxerga possibilidades onde muitos não percebem.

Vimos que o número de empresas que fecham em pouco tempo é grande. Por isso, o empreendedor deve se manter persistente.

O investidor não pode se deixar abalar por momentos ruins. Além disso, deve sempre tentar antecipar os problemas para manter a empresa sólida.

Nesse sentido, empreendedorismo na prática é saber correr riscos calculados, avaliar as ações que podem trazer mais retorno. O processo exige coragem para tomar decisões importantes.

Por exemplo, o empreendedor não pode ser uma pessoa indecisa. Suas atitudes devem ser ágeis para aproveitar oportunidades que podem surgir.

Outro ponto importante para o empreendedor é a liderança. Ele deve saber comandar seus colaboradores de forma a trazê-los para perto dele.

Imagem de um homem olhando para um computador. Imagem ilustrativa texto empreendedorismo na prática.
A dedicação é uma das principais características dos empreendedores de sucesso.

Ainda, é preciso saber lidar com pessoas, sejam eles seus funcionários ou clientes. Muitos empreendedores são mais técnicos, por isso, têm menos habilidades. Sendo assim, eles podem se frustrar no dia a dia do negócio.

Dessa forma, a solução pode ser empreender sozinho ou em um tipo de negócio sem muito contato direto com os clientes.

Por fim, uma característica importante para o empreendedor é o conhecimento. E sobre ele falaremos agora.             

5. Conhecimentos importantes para ser empreendedor

No mundo empresarial, o empreendedor de sucesso busca conhecer tudo sobre o mercado no qual atua.

Deve conhecer quem é seu público-alvo, suas características, modo de vida, objetivos e desejos. Cada detalhe é importante na captura do consumidor.

Da mesma forma, o empreendedor deve conhecer bem o processo no qual está inserido. Se possui uma empresa de prestação de serviços, precisa estar atento a cada detalhe do processo.

Além disso, é bom saber algo sobre contabilidade, impostos, taxas e outros detalhes que farão a diferença no dia a dia.

Mesmo que invista em uma franquia, estes conhecimentos sobre o mercado e seus processos são importantes para se ambientar ao negócio.

6. Cuidados para empreender

Investir em um negócio próprio não é simplesmente ter a vontade de empreender. Exige muita pesquisa e conhecimento para avaliar como realizar este processo.

Por exemplo, o empreendedor deve sempre buscar um negócio que se encaixe ao seu perfil. Conhecendo suas próprias características, deve investir em uma empresa onde possa aproveitar suas qualidades.

Do mesmo modo, empreender é mostrar eficiência em seus investimentos. Para isso, é preciso buscar lacunas no mercado que possam ser aproveitadas pela sua empresa.

Estude o mercado local, suas deficiências e o que pode ser explorado. Veja se sua região conta com um público para seus produtos ou serviços.

Por fim, analise o modelo de negócio escolhido para potencializar sua atuação. Se for uma franquia, seguir as orientações da franqueadora é um passo importante para o sucesso.

Você poderá aproveitar a expertise da marca para ganhar espaço frente aos seus concorrentes e desenvolver o negócio.

Imagem de pessoas em reunião discutindo algo e anotando em um caderno.
O empreendedor deve planejar bem seu projeto e em alguns casos, é bom contar com alguma ajuda externa.

7. Mitos sobre o empreendedorismo na prática

O empreendedorismo está cheio de mitos que são usados para “vender ideias” que nem sempre condizem com a realidade.

Um deles é imaginar que, investindo em uma franquia, o seu trabalho será menor. Ou então, que o modelo de negócio ganha dinheiro por si só.

Sem dúvida, uma franquia facilita o empreendedorismo na prática. Ela permite “pular” algumas etapas, mas não significa que vai se desenvolver sozinha.

Da mesma forma, é comum pensar que só se pode ganhar dinheiro investindo um alto valor em um negócio. Porém, existem empreendimentos simples que podem ser uma “mina de ouro”.

Mas só é possível empreender com grandes ideias. O mercado é amplo, é possível que um pequeno negócio sem inovação apresente qualidades que o destaca de outros.

O empreendedor pode até se espelhar em grandes mentes do empreendedorismo mundial, mas não precisa se ater a isso. Além disso, grandes negócios começaram na garagem de casa.

Por último, independente da sua idade, se há forças dentro de você e vontade de ter o próprio negócio, se planeje e invista nesta ideia.

Portanto, se pretende investir em uma franquia, leia o nosso conteúdo com diversas opções de franquias baratas, nos mais diferentes nichos de mercado, clicando aqui.

Caso opte por uma marca, entre em contato com a franqueadora. Se ainda está em dúvida, receba uma consultoria gratuita com especialistas que vão lhe ajudar na escolha da melhor franquia para você. Acesse: henriquemol.com.br.

Advertisement
Advertisement