Empreender ou investir? Qual a melhor opção para o seu perfil? Entenda

Por
em
Imagem de uma mão segurando uma moeda e uma folha com gráficos de ações no fundo. Imagem ilustrativa texto empreender ou investir.
Advertisement

Na cabeça de muitas pessoas pode surgir a dúvida sobre o que é melhor: empreender ou investir? Neste texto, falaremos um pouco mais sobre essas duas possibilidades para quem quer ganhar dinheiro.

Para escolher entre as opções, é preciso avaliar uma série de fatores antes de tomar a decisão final. Começando por estudar bem as possibilidades que o mercado lhe oferece e entendendo os seus próprios objetivos.

Dessa forma, fique com a gente neste conteúdo que vai lhe ajudar a decidir entre empreender ou investir.

O que significa empreender?

O termo empreender, em seu significado mais abrangente, quer dizer inovar, buscar uma forma nova de fazer as coisas e resolver problemas.

Contudo, o termo é mais comumente empregado quando se fala em abrir o próprio negócio. O empreendedorismo está ligado a iniciar uma empresa e ser responsável por ela.

Assim, o empreendedor investe seu dinheiro em um novo negócio e começa um processo de construção da empresa. Isso desde as suas bases, ou seja, a estrutura básica, marketing, passando pelo plano de negócio e outros detalhes.

Porém, empreender não é algo simples, e o candidato deve ter um perfil voltado para isso. Começar um negócio exige muito foco e dedicação, além de outras características fundamentais.

Nesse sentido, o perfil ideal do empreendedor consiste em alguém que está sempre em busca de evolução e, por isso, não se acomoda com as coisas como elas estão.

Além do mais, para iniciar um negócio, é necessário ser uma pessoa proativa, que busca dar ao mercado novas opções e soluções para os problemas dos clientes.

Do mesmo modo, o empreendedor tem como característica básica o espírito criativo e curioso. Ele está constantemente buscando novos caminhos e soluções, sempre tendo em vista as diferentes necessidades das pessoas.

Enfim, esse é um perfil bem diferente de quem busca investir no mercado financeiro. Logo, uma pessoa precisa avaliar se possui estas e outras características antes de se lançar na jornada.

Vemos uma mulher trabalhando em uma mesa de escritório com diversos materiais espalhados (imagem ilustrativa). Texto: empreender ou investir.
Iniciar o próprio negócio é um processo que exige muita dedicação do empreendedor.

Vantagens de abrir um negócio

Não é incomum as pessoas quererem ser donas do próprio negócio. Segundo uma pesquisa da Onepoll, cerca de 77% dos brasileiros têm o sonho de empreender.

Contudo, o candidato ao novo negócio deve saber as vantagens e desvantagens de iniciar uma empresa investindo tempo e dinheiro no projeto.

Abrir um negócio pode ser algo bastante recompensador, trazendo uma estabilidade financeira para o empreendedor. Porém, isso demora um tempo para acontecer, e vai variar muito de acordo com tipo de negócio.

Outra vantagem de iniciar uma empresa consiste em diminuir as incertezas que determinados tipos de emprego trazem. Por exemplo, é possível que a qualquer momento uma demissão aconteça.

Da mesma forma, empreender é vantajoso, pois permite uma flexibilidade de horário de trabalho em certos momentos.

Além disso, permite que o empreendedor trabalhe com o que realmente lhe interessa. Ou seja, para quem gosta de viajar, abrir uma empresa de viagens ou um site de turismo pode ser uma ótima opção.

Ademais, o empreendedor tem a possibilidade de aumentar seus ganhos cada vez mais, como resultado do seu próprio esforço. Por fim, há ainda uma autonomia que dificilmente o emprego comum pode proporcionar.

Uma maneira de iniciar um negócio de forma mais simples e segura é investindo em uma franquia. Este modelo de negócio vem preestabelecido, junto a uma marca reconhecida no mercado.

Nesse sentido, o empreendedor recebe o know-how da franqueadora, com produtos ou serviços testados e aprovados no mercado. E ainda, conta com diversos suportes da marca, o que torna o negócio bastante vantajoso.

Veja o vídeo abaixo falando um pouco mais sobre franquias, como elas funcionam e como valem a pena!

Como funciona investir dinheiro?

Muitas pessoas ainda ficam em dúvida sobre investir o seu dinheiro no mercado financeiro, pois existem muitos caminhos e riscos variados.

Há diversos tipos de aplicação em que se pode investir, e cada vez mais existem informações disponíveis para auxiliar na sua escolha.

Por exemplo, é cada vez maior o número de pessoas que investem na Bolsa de Valores. A compra de ações é uma das formas de investir o seu dinheiro, independente da quantidade.

O investidor pode fazer este aporte financeiro em ações de forma orientada em fundos de investimento, ou pesquisar por conta própria quais papeis estão valendo mais a pena.

Contudo, é necessário saber qual a maneira mais eficiente de investir, e isso exige que o candidato se prepare, buscando informações relevantes.

Além disso, é existe a alternativa de procurar investimentos em algum banco, pois eles contam com possibilidades de renda fixa ou variável.

Da mesma forma, é possível investir em um negócio sem ser responsável por ele. Ou seja, você apenas investe o capital enquanto outras pessoas desenvolvem o empreendimento.

Por tudo isso, é preciso que o investidor tenha um perfil mais voltado para este cenário. Saiba como funciona o mercado de ações, títulos, fundos de investimentos dos mais variados etc.

Esse não é um processo simples, ainda mais para pessoas despreparadas, pois um erro pode acabar resultado em um grande prejuízo financeiro.

Por fim, entre empreender ou investir, busque avaliar com cuidado o seu perfil e os seus objetivos, bem como a sua capacidade financeira (e até mesmo emocional) de lidar com altos e baixos.

Vantagens de investir

O brasileiro tem procurado cada vez mais formas de conseguir investir o seu dinheiro, seja por meio de aplicações financeiras ou em um negócio próprio.

Entre empreender ou investir, é preciso avaliar qual deles se encaixa melhor às suas características e ao momento vivido.

Vemos alguns gráficos impressos em papel; sobre o material temos uma calculadora, uma nota de dinheiro, caneta, lápis e parte de um teclado numérico (imagem ilustrativa). Texto: empreender ou investir.
O investidor pode fazer bastante dinheiro com ações, mas sempre existe um risco.

Uma das vantagens de investir o seu dinheiro é fazer ele trabalhar para você. Em um negócio próprio, é você que faz o capital crescer.

Nesse sentido, investir no mercado financeiro é uma forma de acumular patrimônio ao longo do tempo. Contudo, é preciso levar em conta certos riscos durante este processo.

Existem muitas opções de investimento, algumas mais seguras e com uma rentabilidade menor. Ou então outras bem arriscadas, mas que podem trazer uma grande lucratividade.

O investidor pode diversificar suas aplicações, de forma a não colocar “todos os ovos em uma única cesta”.

Uma vantagem de investir é a questão de dedicação do seu tempo. Um negócio próprio exige muito suor pessoal para fazer a empresa crescer.

Porém, investir demanda atenção para escolher bem as aplicações. E diferente de empreender, isso pode não trazer a satisfação de iniciar um projeto próprio em sua vida.

Em outras palavras, começar uma empresa é algo que pode ser muito recompensador, com possibilidades de ganhos sem limite.

Além disso, o empreendedor pode mudar não apenas a sua vida, mas de toda a sua família e formar um legado.

Ademais, a satisfação de trabalhar com o que gosta, e ver a satisfação dos clientes, também são coisas que não tem preço.

Qual a diferença entre empreender e investir?

Assim como falamos, empreender ou investir são projetos diferentes, mas que podem se complementar em certa medida.

O empreendedor pode começar um negócio e, ainda assim, guardar um dinheiro para aplicar no mercado de ações ou em fundos de investimento, por exemplo.

Empreender está mais ligado a construir um projeto, ocupando o seu tempo com muita dedicação à empresa.

Além disso, o empreendedor é o responsável direto pelo sucesso ou fracasso do negócio. Por isso, falamos de um projeto que exige bastante planejamento.

Já investir é algo mais passivo. Como dissemos, é como colocar o dinheiro para trabalhar para você. É menos uma construção de um projeto e mais uma forma de acumular patrimônio.

Vemos alguns gráficos do mercado de ações em tela (imagem ilustrativa). Texto: empreender ou investir.
O mercado de ações tem chamado a atenção de investidores comuns.

É melhor empreender ou investir?

Empreender ou investir? Bom, não há uma resposta definitiva para esta pergunta, pois isso vai variar muito de acordo com a pessoa.

Isso porque, existe quem tem um perfil mais arrojado, com mais vontade de começar um projeto como uma empresa.

Por outro lado, há quem busca mais tranquilidade de vida, e com isso, quer ter uma renda por meio de investimentos.

Para quem possui um emprego com um pouco mais de estabilidade, investir pode ser o melhor negócio para então conseguir uma renda extra e acumular um patrimônio pensando no futuro.

Já para quem está desempregado, ou em um trabalho com pouco retorno, iniciar um negócio pode ser uma excelente saída.

Assim, é possível montar uma empresa em home office e trabalhar fora do horário comercial, aliando o emprego mais a renda extra do empreendedorismo.

Como falamos, uma boa forma de ter o negócio próprio é por meio de franquias. O mercado conta com muitas opções com os mais variados valores de investimento inicial.

Acesse o nosso conteúdo com diversas opções de franquias baratas clicando aqui.

Caso escolha uma franquia, entre em contato com a franqueadora. Porém, se ainda está com dúvidas, tenha uma consultoria gratuita com especialistas que vão lhe ajudar neste processo de escolha. Acesse: henriquemol.com.br.

Advertisement
Advertisement