O maior Portal de Franquias do Brasil!
Home » Todos Conteúdos » Destaques ★ » Melhores opções de crédito para abrir franquias: comece seu negócio!

Melhores opções de crédito para abrir franquias: comece seu negócio!

Sumário

Ter crédito para abrir franquias é bem mais simples do que você imagina. Afinal de contas, existem vários tipos de crédito no mercado.

Para quem deseja empreender, investir em uma franquia é a forma mais próxima de obter um resultado promissor. Só em 2022, o setor faturou R$ 211,4 bilhões, de acordo com a Associação Brasileira de Franchising. O principal motivo disso é que uma franquia é uma marca já testada, com bons retornos e reconhecimento no mercado.

Mas para abrir uma franquia é necessário ter capital para investir. Há inúmeras opções de empréstimos para franquias no mercado, que podem ser oferecidas por instituições financeiras e, até mesmo, pelas próprias franqueadoras.

Se você tem dúvidas sobre qual é a melhor modalidade de empréstimo, com as menores taxas de juros, acompanhe esse artigo. Afinal, é necessário ter cautela para que isso não se torne um problema no futuro.

Conheça as opções de crédito para abrir franquias

Existem diversas modalidades de linhas de crédito que você pode solicitar para abertura de uma franquia. Então, a seguir, destacamos como as mais importantes:

  • Empréstimo pessoal:
  • Empréstimo consignado;
  • Empréstimo com garantia;
  • Empréstimo para MEI;
  • Empréstimo para autônomo.

Pessoal

O empréstimo pessoal é oferecido por diversos tipos de instituições financeiras. Dessa forma, você pode solicitar a quantia que deseja – lógico que sempre seguindo as políticas do credor. Logo, pode ser uma boa opção para valores baixos e com quitação rápida.

Não é necessário oferecer uma garantia para pagamento do empréstimo. Mas é justamente essa a grande desvantagem dessa modalidade: você fica sujeito à análise do crédito para abrir franquias.

Ou seja, precisará ter o crédito aprovado pela instituição. Além disso, os juros cobrados serão mais altos, também pela falta de garantias. Pela internet mesmo, com apenas um clique, você consegue fazer a simulação de taxas e comparações entre as diversas instituições que oferecem o empréstimo pessoal

Consignado

Essa é a modalidade mais requisitada, já que se desconta o valor diretamente da folha de pagamento ou do benefício do tomador do empréstimo. Mas é necessário ser assalariado ou receber aposentadoria pelo INSS.

Assim, a liberação do crédito é ágil e sem grandes burocracias, por conta da garantia de que o pagamento sairá de um salário ou de um benefício. Os juros são bem mais baixos e os prazos de pagamento são longos pela segurança que a organização financeira tem ao emprestar o dinheiro. 

Para simulação de juros e prazos você pode acessar um simulador de empréstimo consignado online e saber tudo o que precisa.

Com garantia

Conhecido como refinanciamento, o empréstimo com garantia pode ser tanto para imóveis, como para veículos. Nesse tipo de crédito, o bem do tomador do empréstimo é usado como garantia de pagamento da dívida. 

Essa modalidade também tem juros baixos, já que o risco de inadimplência é pequeno e o prazo costuma ser maior, dependendo do valor do carro ou da casa refinanciada. Para comparar opções com as melhores taxas e prazos, você também pode acessar um simulador de refinanciamento de imóveis.

Para autônomo

O empréstimo para autônomo normalmente é o mais difícil de ser obtido, já que a comprovação de renda é fundamental para qualquer linha de crédito desejada.

No entanto, algumas organizações financeiras têm uma solução diferenciada para autônomos e outras categorias que não tem holerite. Então, a movimentação bancária é usada para fazer a análise de renda do tomador do empréstimo.

Na modalidade de empréstimo para autônomos, por conta da falta de garantias de quitação da dívida, as taxas de juros são mais elevadas.

MEI

Como todo MEI é autônomo, as regras são as mesmas para duas modalidades. Nesse sentido, você pode também usar outros tipos de créditos, dependendo do seu perfil pessoal, como garantia de veículo ou imóvel, penhor ou microcrédito.

De qualquer forma, se você já for MEI, precisará comprovar seus rendimentos. Porém, ao contrário dos profissionais CLTs que comprovam renda pelo holerite, quem é MEI pode apresentar seus rendimentos por meio de extratos bancários ou usando seus comprovantes do imposto de renda, por exemplo.

As taxas de juros, prazos para quitação e outros, dependerão do seu perfil. Por isso, vale a pena fazer a simulação do crédito antes de escolher qual o ideal.

Esse é, inclusive, um dos pontos abordados no curso Guia Para Iniciantes. São aulas que você pode acessar clicando aqui, assistir online e entender em detalhes como investir em uma franquia.

O que considerar antes de solicitar empréstimo para abertura de franquia?

Existem algumas regras a se considerar antes de solicitar um empréstimo. Afinal, ainda que seja um investimento na sua franquia, cuidados sempre são importantes por envolverem uma dívida de médio a longo prazo para a sua empresa. Abaixo, listamos nove dicas infalíveis para você seguir:

  1. Solicitações de crédito devem ser apenas em bancos ou instituições financeiras idôneas;
  2. Sempre pesquise e faça simulações;
  3. Compare todas as instituições existentes: os prazos para pagamento, as taxas de juros e o custo efetivo total;
  4. Jamais confie em dinheiro fácil;
  5. Nunca assine um contrato antes de ler todas as condições;
  6. Caso tudo seja realizado apenas online, verifique sobre a segurança do site, antes de fornecer seus dados;
  7. Só pegue emprestado o valor que for necessário para sua franquia;
  8. Não contrate nenhum serviço adicional para ter crédito;
  9. Nunca pague nada antes de ter seu crédito em conta.

A seguir, confira quais cuidados adotar na hora de pedir empréstimo para abrir a sua franquia e começar a empreender com o seu próprio negócio.

Cuidados ao pedir empréstimo para sua franquia

Muitas vezes, por conta da euforia e da pressa em realizar nossos sonhos de empreender, podemos tomar atitudes que podem ser bem perigosas antes da tomada do empréstimo.

Infelizmente existem quadrilhas especializadas que criam sites, e-mails falsos e, por meio das redes sociais, divulgam linhas de crédito com a intenção de fecharem contratos e fazerem cobranças antecipadas.

E, claro, depois do golpe somem com todo dinheiro, além de poderem usar os dados da sua franquia para realizar novos crimes. Então, confira as três regras de ouro para seguir antes de pedir o empréstimo para sua franquia:

  1. Sempre verifique a idoneidade da empresa de crédito para abrir franquias;
  2. Nunca faça nenhum tipo de pagamento antecipado;
  3. Jamais use computadores públicos.

Independente da modalidade escolhida de crédito para financiar sua franquia, o ponto mais importante é pesquisar bastante todas as instituições financeiras.

Tendo como resposta o empréstimo que mais se assemelha ao perfil da sua franquia, o planejamento é necessário para que você tenha o sucesso esperado na sua empresa.

Artigo produzido pela equipe Juros Baixos.

Acompanhe o mercado
A mais lidas hoje