Verdades sobre franquias que você PRECISA saber antes de investir

Por
em
Imagem de uma mulher segurando papéis e fazendo um gesto de comemoração. Imagem ilustrativa do texto verdades sobre franquias.
Advertisement

Que o mercado de franchising tem chamado a atenção de um número cada vez maior de empreendedores, todos sabemos. Porém, é preciso conhecer algumas verdades sobre franquias e seu tipo de negócio, do qual falaremos aqui.

A Associação Brasileira de Franchising (ABF) ainda não finalizou os números do setor para o ano de 2021, mas projeta um crescimento de 9% neste período. A forte recuperação na parte final do ano mostra um viés de crescimento para este mercado.

Dessa forma, o empreendedor mais atento às oportunidades deste modelo de negócio precisa saber algumas verdades sobre franquias para investir de forma mais segura. Continue a leitura e saiba mais!

7 verdades sobre franquias que você tem que conhecer

Que o formato de franquia possibilita grandes oportunidades fica claro nos números do setor ao longo dos anos, mesmo com crise. Este negócio é interessante tanto para empreendedores experientes quanto para quem busca o primeiro negócio próprio.

Por isso, trazemos alguns detalhes sobre o sistema de franquias e como funciona este modelo de empresa. Confira!

1. Franquias podem ser bem baratas

Começar um negócio do zero exige que o empreendedor estruture diversas partes da empresa. Ainda, que pesquise sobre qual produto ou serviço irá trabalhar, a forma de atendimento, entre outros detalhes.

Mas cada etapa para este processo exige investimento, seja para a testagem de matéria prima, dos processos internos e externos, entre outras formalidades.

Nesse sentido, o empreendedor precisa gastar e ainda, corre o risco de uma etapa não dar certo e ele ter que repetir e perder o capital.

Contudo, no modelo de franquia, todo este processo foi realizado pela franqueadora, e com isso, o seu investimento é mais certeiro.

Você recebe o know-how da franquia, ou seja, todas as etapas da produção e operação do negócio. Assim, terá o “mapa do tesouro”, e com isso evita pegar caminhos errados que não o levem ao destino almejado.

Imagem de um homem sentando em frente ao computador trabalhando na sala de casa. Imagem ilustrativa do texto verdades sobre franquias.
Algumas franquias possibilitam trabalhar de casa, com baixo custo.

Por exemplo, a franqueadora padronizou o negócio, cada novo investidor recebe a lista do que comprar e o que ele precisa para a implementação da empresa. Então, na Circular de Oferta de Franquia (COF) o interessado recebe uma projeção de custos.

Logo, este documento conta também com diversos outros detalhes sobre o dia a dia do negócio e é muito importante para as tratativas entre interessados e a franqueadora.

Além disso, muitas franquias se organizam de forma enxuta, para diminuir os custos e ter uma operação mais eficiente.

Depois, com todos estes cuidados, os investimentos em franquias costumam ser menores do que iniciar um negócio do zero. Isso é algo extremamente vantajoso para o empreendedor.

2. Negócio tem mais chance de sucesso

Advertisement

Por conta de todas as incertezas que envolvem um empreendimento, investir em uma franquia diminui os riscos desse negócio.

Este formato conta com uma estrutura previamente estabelecida, pensada para diminuir custos e maximizar os lucros. Com este conjunto, a franquia consegue se abalar menos com oscilações comuns no mercado.

Portanto, para se ter uma ideia, o índice de mortalidade de franquias nos dois primeiros anos é de 5%, segundo dados da ABF.

Já de acordo com a pesquisa Sobrevivência de Empresas (2020), a taxa de mortalidade dos pequenos negócios é de 29% nos primeiros cinco anos de existência.

Com estes números, vemos facilmente que a estruturação prévia do modelo de franquia diminui os riscos de falência do empreendimento.

Nesse sentido, uma das vantagens que tornam franquias um investimento seguro, é o fato de já estar se trabalhando com uma marca sólida no mercado e que possui todo um know-how para compartilhar com você.

Com o suporte oferecido pela empresa matriz, você começa a trabalhar com um estudo de público consolidado. Ainda, um padrão de qualidade planejado, testado e aprovado, além de pegar emprestado toda a credibilidade daquela marca.

Dessa forma, uma parte do peso da gestão empresarial e até do planejamento prévio é retirado das suas costas, o que pode motivar exponencialmente seu comportamento empreendedor. Interessante, não é mesmo?

3. Franqueadora auxilia no dia a dia

Imagem de três mulheres vendo algo no computador e conversando. Imagem ilustrativa do texto verdades sobre franquias.
A franqueadora costuma acompanhar de perto seus franqueados.

Se alguém lhe falou que uma das verdades sobre franquias é que se trabalha menos, esta pessoa não disse toda a verdade.

O caso é que a franqueadora oferece suportes que auxiliam o empreendedor no desenvolvimento do negócio, e isso permite ao empreendedor trabalhar com mais eficiência.

Nesse sentido, o trabalho que teria no dia a dia é suavizado, pois ao se tornar um franqueado ele recebe treinamentos para realizar estas tarefas de forma mais certeira.

Por exemplo, ao adquirir uma franquia de alimentação, o empreendedor recebe toda a forma de produção do alimento, e não terá, neste caso, que ficar testando receitas para ver qual fica melhor.

Do mesmo modo, as franqueadoras oferecem orientação para a escolha do melhor local para a nova unidade da franquia.

Mas este e outros tipos de suportes variam de acordo com a marca. Algumas franquias são mais complexas e exigem maiores suportes, outras são enxutas, demandando pouco treinamento.

Da mesma forma, dependendo do nicho do mercado de franquias, o franqueado trabalha de casa, em home office, sem a necessidade de suporte para fazer sua estrutura de trabalho nem para a escolha do local da franquia.

4. Franquias se encaixam em vários perfis

Há, realmente, vários perfis de empreendedores. Mas há um consenso no mercado de franchising: um franqueado de qualidade é aquele que coloca a mão na massa.

Esse princípio prevalece no setor e é muito válido, já que, embora existam vantagens do modelo de franquias, se o empreendedor não se esforça para colocar sua unidade em evidência, a autoridade da marca não é suficiente para levar o franqueado ao sucesso.

Advertisement

Logo, para o empreendedor que não tem medo de atuar de forma dedicada, o mercado de franchising conta com tipos de negócios para todos os perfis.

Por exemplo, para as pessoas mais tímidas, com mais dificuldades de lidar com outras pessoas, existem franquias com as quais você não tem nenhum contato direto com o cliente.

Do mesmo modo, é possível encontrar franquias que exigirão o contrário do empreendedor, ou seja, uma grande capacidade comunicativa e de convencimento.

Imagem de quatro pessoas analisando um papel em uma mesa. Imagem ilustrativa do texto verdades sobre franquias.
O mercado conta com franquias que se encaixam a variados perfis de empreendedores.

Além disso, é possível abrir uma franquia em casa, sem custo nenhum de locação, e para trabalhar em horários flexíveis. Dessa forma, é possível ter um emprego formal e ainda empreender.

O mercado conta também com nichos mais restritos, voltados para públicos específicos com os quais o empreendedor deve se identificar para ter maiores chances de sucesso caso invista no mercado.

Enfim, cabe ao empreendedor analisar seus objetivos, suas próprias características para escolher a franquia ideal. Para isso, confira um conteúdo com dicas para fazer esta seleção, clicando aqui.

5. Franquia tem riscos como outros negócios

Uma das verdades sobre franquias é a solidez não só do modelo de negócio, mas como também do mercado.

Mesmo com a pandemia, o segmento de franchising faturou mais de R$ 176 bilhões em 2020 e deve ter um aumento de 9% em 2021 conforme citamos anteriormente.

Além das vantagens do setor, o formato também permite que o empresário diminua um pouco os riscos do negócio.

Como conta com a expertise da franqueadora para lhe orientar, o franqueado consegue gerir o negócio de forma mais sólida. Dessa forma, evita erros na administração.

Porém, é preciso saber que mesmo neste modelo há riscos ao longo do processo, algo pode dar errado, mas essa possibilidade é menor.

Nesse sentido, a franqueadora se baseia nas suas pesquisas para se estruturar como franquia, bem como na experiência com as outras unidades.

Assim, ela consegue fornecer orientações eficientes para que o franqueado possa lidar com os problemas mais comuns que podem surgir.

Portanto, o franqueado deve ficar atento a estas orientações, e se ele as seguir e manter sua dedicação ao máximo, sua chance de sucesso será maior.

6. É preciso se dedicar ao negócio

Em todas as verdades sobre franquias das quais falamos uma coisa fica clara, que mesmo com os suportes, a marca reconhecida e organização da franquia, o trabalho do empreendedor é necessário.

Imagem de uma mulher sentada no chão falando ao telefone rodeada de livros, papéis e um computador.
O empreendedor terá que dedicar grande parte do seu tempo para que o negócio dê certo.

Um dos principais mitos que se tem com relação ao modelo de franquia é que o empreendedor apenas investe e a unidade da marca se desenvolve quase que automaticamente. Isso é um grande equívoco.

Porém, a dedicação do empreendedor é fundamental para o sucesso do negócio. Por isso, antes de escolher uma franquia, ele precisa entender se poderá ter esta dedicação.

Por exemplo, caso não queira se dedicar em tempo integral, pois deseja realizar outros projetos ou se manter no emprego, a franquia deve se encaixar nesta conjuntura. Assim, cabe ao empreendedor buscar modelos mais simples de negócio.

Enfim, o empreendedor deve ter em mente que sua dedicação será um diferencial, já que este tempo de trabalho aliado a um modelo de negócio eficiente pode proporcionar grandes ganhos ao longo do tempo.

7. Marca reconhecida facilita faturamento

Um dos pilares do modelo de franquia que permite ao empreendedor um ganho em atratividade é investir em uma marca reconhecida.

O modelo de franchising é atrativo, pois o empreendedor pula algumas etapas em relação ao negócio e uma dessas etapas é o fortalecimento da sua marca.

Somente com o tempo uma empresa consegue ser identificada pelos consumidores de uma forma natural, isso é conquistado com muito trabalho e marketing.

A franqueadora realiza este trabalho de divulgação para fortalecer a marca, seja perante os consumidores, mas também junto aos empreendedores, para que eles sintam confiança em investir em uma unidade da franquia.

Enfim, algumas verdades sobre franquias ajudam o empreendedor a entender melhor como funciona este mercado e o formato de negócio.

Mas isso envolve também muito do que o empreendedor está disposto a fazer, sua região onde irá atuar e até um crescimento da economia e das expectativas de consumo por parte da população.

Então, para finalizar, trazemos aqui uma lista de franquias baratas que conta com variadas opções para diferentes nichos de mercado e perfis de empreendedores.

Advertisement
Advertisement