Como escolher um segmento de franquia? 3 dicas para você saber bem o que fazer

Por
em
Diversas folhas com gráficos e planilhas nelas. Imagem ilustrativa do texto como escolher um segmento de franquia.
Advertisement

Para quem busca empreender no setor de franchising deve saber como escolher um segmento de franquia que seja mais atrativo. Por isso, confira algumas dicas para este seu processo de escolha.

O mercado de franquias teve um bom desempenho no ano de 2021 com um faturamento de mais de R$ 185 bilhões, segundo a Associação Brasileira de Franchising (ABF). Este valor é apenas 0,9% abaixo do de 2019, pré-pandemia.

Logo, são muitas redes de franquias disponíveis para investir. Por isso, é fundamental conhecer bem os segmentos e também o seu próprio perfil como empreendedor. Continue a leitura!

Afinal, como escolher um segmento de franquia?

Para escolher a franquia, é essencial que o empreendedor se conheça bem, e vários aspectos devem ser levados em conta nesta seleção.

Então, veja três dicas importantes do que é preciso analisar antes de abrir uma franquia, independente do segmento onde ela se encontre.

1. Saiba no que você quer trabalhar

Primeiramente, o empreendedor deve buscar trabalhar com algo que ele goste. Conheça suas próprias paixões, coisas que curte fazer e veja como algumas delas podem se encaixar em um negócio.

Nesse sentido, é preciso buscar trabalhar com algo com o qual você tenha prazer em lidar, pois o tempo que estará atuando neste novo negócio será grande, e trabalhar com algo que gostamos torna essa rotina mais suave.

Enfim, veja se tem afinidade com atendimento ao público, prestação de serviços ou venda de produtos, seja pela internet ou presencialmente antes de escolher a franquia.

2. Entenda quanto você pode investir

Advertisement

Um ponto importante no processo de como escolher um segmento de franquia é avaliar quanto você pode investir neste negócio.

Isso porque, não adianta ter como sonho montar uma franquia cujo investimento inicial é de R$ 500 mil sendo que o capital que você tem em conta é de R$ 50 mil.

Nesse sentido, o modelo de negócio deve ser compatível com sua capacidade financeira, pois o retorno financeiro do negócio demora, e você precisa ter dinheiro para as contas, para sua vida e para manter a empresa em funcionamento.

Carteira e uma mão tirando um cartão dela. Imagem ilustrativa do texto como escolher um segmento de franquia.
O empreendedor deve avaliar bem quanto tem para investir.

3. Avalie os números do setor

Segundo a ABF, o mercado de franquias possui 12 segmentos, e dentro deles muitos nichos específicos de atuação. Então, antes de escolher a franquia na qual irá investir, o empreendedor deve avaliar os segmentos que mais lhe chamam a atenção e que melhor se encaixa ao seu perfil.

Dessa forma, analisar se os números do mercado estão bons, se há um movimento de crescimento ou então de crise no setor.

Enfim, conheça os dados sobre o ramo para entender como é o momento deste segmento antes de decidir adquirir uma franquia neste ou naquele setor.

Segmentos de franquia para você considerar

Como falamos, o franchising conta com muitas possibilidades de negócios. O sistema de franquias é amplo, com oportunidade para atuar com produtos ou serviços dos mais variados tipos.

Por isso, faz parte do processo de como escolher um segmento de franquia avaliar cada um deles, conhecer as formas de atuação em cada um e o público alvo.

Sendo assim, falaremos um pouco sobre cada um dos doze segmentos de franquias para você conhecer um pouco mais. Confira!

Alimentação – Comércio e Distribuição

Neste segmento, o franqueado poderá atuar com negócios variados de venda de alimentos, como suplementos, comida congelada, entre outros.

Este setor é uma subdivisão recente do segmento de Alimentação, que passou a se dividir em Comércio e Distribuição e também o Food Service.

Como um todo, o segmento de Alimentação é o de maior faturamento no franchising, com um amplo público em potencial para variados perfis de negócios.

Alimentação – Food Service

Este segmento conta com grandes possibilidades de unidades franqueadas em variados tipos de negócios. Por exemplo, franquias de restaurantes, comidas típicas, açaí, entre outros.

Nesse sentido, é um segmento bem robusto, com um faturamento alto. Segundo a ABF, foram mais de R$ 32 bilhões em 2021.

Então, cabe ao empreendedor analisar os nichos presentes neste setor, entender qual deles se encaixa melhor às suas possibilidades financeiras bem como no mercado local no qual irá atuar.

Da mesma forma, neste processo de seleção levar em conta aquilo que gosta de fazer, se é trabalhar com um tipo de comida específica, ou então, de forma variada.

Atendente de restaurante anotando o pedido de um cliente. Imagem ilustrativa do texto como escolher um segmento de franquia.
O segmento de restaurantes é um dos nichos atrativos no mercado de Alimentação.

Casa e Construção

Um dos segmentos de maior crescimento nos últimos anos foi o de Casa e Construção. Nele o empreendedor encontra negócios como venda de materiais de construção e aluguel de equipamentos, entre outros.

Dessa forma, cabe ao empreendedor se informar sobre os diferentes nichos deste segmento, que teve um crescimento de 19,3% de 2020 para 2021.

Mesmo ao longo da pandemia foi um dos setores atrativos, pois mesmo com as restrições de circulação, este mercado quase não parou e seguiu trabalhando.

Portanto, são modelos de negócios que variam de pequenos negócios, em home office ou home based, até às grandes franquias, com um amplo ponto comercial e estoque.

Comunicação, Informática e Eletrônicos

O segmento de Comunicação, Informática e Eletrônicos envolve principalmente a venda de equipamentos voltados para este tipo de público.

Do mesmo modo, o empreendedor encontra franquias de serviços, como de marketing e também de divulgação de marcas.

Além disso, é um segmento robusto, com muitas opções de negócios, muitos deles de menor investimento. Portanto, existem franquias baratas para variados perfis de empreendedores.

Por fim, em 2021, o setor teve um faturamento de mais de R$ 6 bilhões, com um aumento de 2,6% em relação ao ano anterior.

Advertisement

Entretenimento e Lazer

No setor de Entretenimento e Lazer o empreendedor encontra negócios variados, como franquias de jogos, de festas, entre outros.

O segmento teve um faturamento de mais de R$ 2 bilhões em 2021, 21,2% maior do que no ano anterior, período ainda bastante impactado pela pandemia.

Hotelaria e Turismo

Outro setor que sofreu por conta da pandemia foi o de Hotelaria e Turismo. Contudo, o mercado mostra boa recuperação e isso deve ser levado em conta na hora de como escolher um segmento de franquia.

Logo, são opções de negócios maiores, mas também muitas oportunidades para pequenos negócios, como agências de turismo em home office.

Hotel iluminado e uma piscina, com palmeiras ao fundo.
As viagens voltaram com tudo com a diminuição dos impactos da pandemia.

Limpeza e Conservação

O segmento de Limpeza e Conservação apresenta variadas oportunidades para investir em uma franquia. Isso porque, são negócios que envolvem desde a terceirização de serviços de limpeza até a venda de produtos para higienização.

Dessa forma, neste processo de como escolher um segmento de franquia, o empreendedor deve levar em conta este setor de Limpeza e Conservação, pois pode ser uma boa oportunidade.

Moda

O segmento de franquias de Moda oferece negócios para a venda de roupas e acessórios para todos os tipos de públicos, bem como calçados variados.

Em 2021, este segmento faturou mais de R$ 22 bilhões, com um crescimento de mais de 15% em relação ao ano anterior.

Saúde, Beleza e Bem-estar

O setor de maior faturamento em 2021 segundo a ABF foi o de Saúde, Beleza e Bem-Estar, com quase R$ 39 bilhões. Então, o crescimento de mais de 10% em relação ao ano anterior.

É um segmento com muitos nichos de atuação, com modelos de negócios bem variados, para empreendedores com mais capital e também para investidores com pouco dinheiro.

Serviços automotivos

O mercado de serviços automotivos é atrativo por conta do amplo público em potencial. Nesse sentido, são milhões de veículos pelas ruas de todo o Brasil.

Sendo assim, o setor passou dos R$ 6,5 bilhões em faturamento em 2021 e conta com negócios como: serviços de estética, de mecânica, venda de acessórios, entre outros empreendimentos.

Serviços e outros negócios

No processo de como escolher um segmento de franquias, o empreendedor deve conhecer algumas opções do setor de Serviços e outros negócios.

Este segmento é amplo, com franquias que oferecem serviços de contabilidade, de cartório, administração de empresas, entre diversos outros.

Nesse sentido, são opções das mais variadas e algumas delas podem se encaixar naquilo que você procura para empreender.

Enfim, é o setor de grande faturamento, com quase R$ 30 bilhões em 2021. Logo, 11,1% a mais do que no ano anterior, o que mostra o bom momento.

Homem em uma mesa com três computadores e diversas folhas em cima da mesa.
Este segmento possui muitas oportunidades para trabalhar em home office.

Serviços educacionais

Um mercado bem atrativo para empreender é o de Serviços Educacionais. Isso porque, o segmento conta com negócios como: escolas de línguas, de reforço escolar, cursos profissionalizantes etc.

Além disso, é um segmento robusto, com um faturamento de mais de R$ 11 bilhões em 2021 e ainda, há modelos de negócios para variados perfis de empreendedores.

Desse modo, você encontra franquias bem enxutas, para atuar de forma digital em home office, ou voltadas para pontos comerciais.

O que avaliar nas franquias do mercado?

No processo de como escolher um segmento de franquia, o empreendedor deve considerar diversas informações relevantes para esta seleção.

Nesse sentido, analisar bem a Circular de Oferta de Franquia (COF) das marcas que mais lhe chamaram a atenção.

Portanto, no documento você consegue saber como é o suporte que a franqueadora oferece, pois este é um grande diferencial para o sucesso de uma unidade de franquia.

Da mesma forma, nele consta os contados dos outros franqueados da marca e também de ex-franqueados. Por isso, converse com eles para saber como é o negócio no dia a dia e se os suportes da franqueadora são eficientes.

Ainda, avalie a reputação da marca junto a estes parceiros e também aos consumidores. Uma marca que tem problemas para atender seu público pode indicar uma má escolha, ou seja, pode não valer a pena investir.

Enfim, analise o preço da franquia, se ela oferece um negócio condizente com o que pede de investimento inicial e ainda, se este valor cabe dentro do seu orçamento.

Agora que você já sabe como escolher um segmento de franquia, confira um conteúdo com diversas franquias baratas para você conhecer um pouco mais.

Advertisement
Advertisement